Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/5572
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_PauloGoesMesquita.pdf3,64 MBAdobe PDFView/Open
Title: Biologia, epidemiologia e controle do míldio (Bremia lactucae) da alface (Lactuca sativa) em viveiro
Authors: Mesquita, Paulo Goes
Orientador(es):: Café Filho, Adalberto Corrêa
Assunto:: Alface
Cultivo
Irrigação
Issue Date: 6-Oct-2010
Citation: MESQUITA, Paulo Góes. Biologia, epidemiologia e controle do míldio (Bremia lactucae) da alface (Lactuca sativa) em viveiro. 2008. 165 f., il. Dissertação (Mestrado em Fitopatologia)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Abstract: Sintomas e sinais do míldio foram observados e coletados em plantas de alface (Lactuca sativa) no Distrito Federal. Foi observado o estágio assexual do patógeno (Bremia lactucae). Descrições detalhadas, com observações morfológicas e medidas morfométricas de microscopia óptica do estágio assexual foram realizadas. A patogenicidade do míldio proveniente do Núcleo Rural da Vargem Bonita e seu período de latência, em quatro diferentes estádios de desenvolvimento de cultivares comerciais de alface foram estudados por inoculação artificial em ensaios realizados na Estação Biológica da Universidade de Brasília. Quando observado o “ranking” de suscetibilidade das cultivares nos quatro diferentes estádios de desenvolvimento para o período de latência, observou-se diferentes níveis de resistência entre as cultivares. Além disso, observou-se que a resistência parece aumentar com o desenvolvimento fenológico do hospedeiro. O “ranking” relativo das cultivares não foi afetadopelo estádio de desenvolvimento. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Symptoms and signs of downy mildew were observed and collected in lettuce plants (Lactuca sativa) in Distrito Federal, Brazil. Only the asexual stage of the pathogen (Bremia lactucae) was observed. Detailed descriptions, including fungal morphology and morphometrics were performed with light microscopy. The pathogenicity of downy mildew, collected in Núcleo Rural da Vargem Bonita, as well as it latent period in four phenological stages of lettuce commercial cultivars were studied by artificial inoculation in experiments conducted at Biological Station of University of Brasilia - UnB. Latent period was useful to separate cultivars by resistance level. In addition, results indicated that genetic resistance to downy mildew in lettuce seems to increase with plant development. The relative ranking of susceptibility among cultivars remained constant in all four phenological stages.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Fitopatologia, 2008.
Appears in Collections:FIT - Mestrado em Fitopatologia (Dissertações)
UnB - Brasília 50 anos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/5572/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.