Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/8858
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2010_SoniaMargaridaRibeiroGuedesdaRocha.pdf9,98 MBAdobe PDFView/Open
Title: O gênero textual na EJA : configuração contextual e estrutura potencial de gênero
Authors: Rocha, Sônia Margarida Ribeiro Guedes da
Orientador(es):: Silva, Edna Cristina Muniz da
Assunto:: Educação de jovens e adultos
Análise do discurso narrativo
Língua portuguesa - estudo e ensino
Issue Date: 1-Jul-2011
Citation: ROCHA, Sônia Margarida Ribeiro Guedes da. O gênero textual na EJA: configuração contextual e estrutura potencial de gênero. 2010. 169 p. Dissertação (Mestrado em Linguística)-Universidade de Brasília, Brasília, 2010.
Abstract: Esta dissertação é o resultado de uma pesquisa realizada com as quatro turmas do 2º segmento da Educação de Jovens e Adultos (EJA) com o objetivo de (i) mapear os gêneros textuais estudados em aulas de Língua Portuguesa, (ii) definir as Configurações Contextuais (CC) e as Estruturas Potenciais de Gênero (EPG), (iii) estabelecer as estruturas esquemáticas das EPGs de cada texto trabalhado nesse segmento da educação, durante três meses de aula e (iv) discutir, a partir da abordagem de gênero textual da sistêmico-funcional, as implicações dessa teoria para o trabalho com a Língua Portuguesa em sala de aula. Para o mapeamento (inventário) dos gêneros baseio-me no conceito de agrupamento de gêneros proposto por Schneuwly & Dolz(2004). A partir do conceito de Halliday & Hasan (1989); Halliday (1992); Eggins & Martin (2000) defino as CCs e EPGs dos gêneros e adotando a simbologia proposta por Hasan (1989) e Eggins (1994) procedo à esquematização das EPGs de cada um dos textos inventariados. Em seguida, discuto, a partir do arcabouço teórico e metodológico da Linguística Sistêmico Funcional, as implicações pedagógicas da noção de gêneros textuais para o ensino da Língua Portuguesa. ____________________________________________________________________________________ ABSTRACT
This paper is the result of a research made with Second segment classes of Education of Young adults and Adults with the following objectives: (i) mapping textual genres studied in Portuguese classes, (ii) defining Contextual Configurations (CC) and the Generic Structures Potential (GSP), (iii) establishing schematic structures of the GSPs of each text worked on this educational segment during three months of classes and (iv) discussing , from a systemic functional approach, the implications of such theory to Portuguese teaching in classrooms. The genre mapping was based on the genre grouping criteria proposed by Schneuwly & Dolz(2004). Using the concepts of Halliday & Hasan (1989); Halliday (1992); Eggins & Martin (2000), the genre CCs and PGSs are defined and adopting the symbology proposed by Hasan (1989) and Eggins (1994) the GSP scheming of each of the texts inventoried is made. Following these discussions, I propose, from a systemic functional theoretical and methodological approach, the discussion of the pedagogical implications of textual genre knowledge to Portuguese teaching.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Classicas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, 2010.
Appears in Collections:LIP - Mestrado em Linguística (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/8858/statistics">



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons