Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/7591
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2010_MarianaMartinsMedeiros.pdf6,77 MBAdobe PDFView/Open
Title: Identidade florística e estrutura da comunidade arbórea de um trecho de mata ciliar em Paracatu - MG
Authors: Medeiros, Mariana Martins
Orientador(es):: Felfili, Jeanine Maria
Pinto, José Roberto Rodrigues
Assunto:: Comunidades vegetais
Diversidade biológica
Pesquisa florestal
Issue Date: 7-May-2011
Citation: MEDEIROS, Mariana Martins. Identidade florística e estrutura da comunidade arbórea de um trecho de mata ciliar em Paracatu - MG. 2010. vi, viii, 94 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais)-Universidade de Brasília, Brasília, 2010.
Abstract: Realizou-se um inventário da comunidade arbórea de um trecho da mata ciliar do rio Paracatu, em Minas Gerais - Brasil, com o intuito de contribuir para o conhecimento ecológico e recuperação das florestas ribeirinhas das bacias do rio Paracatu e do rio São Francisco. O estudo teve como objetivos: 1) avaliar a composição florística, riqueza, diversidade e estrutura da comunidade arbórea; 2) analisar a similaridade florística entre a comunidade arbórea estudada e outras matas ciliares e de galeria de Minas Gerais e do Distrito Federal; 3) analisar as correlações entre as variáveis ambientais e a distribuição espacial das espécies arbóreas; e 4) gerar subsídios aos programas de conservação e recuperação. Para tanto, o estudo foi conduzido em transecções sistemáticas e perpendiculares ao curso do rio. Cada transecção era composta por parcelas contíguas de 10x10m onde foram mesurados os indivíduos adultos (diâmetro à altura do peito - DAP ? 5 cm). Nessas parcelas foram alocadas subparcelas de 5 x 5 m e 2 × 2 m para amostragem respectiva de arvoretas (altura total > 1 m e DAP < 5 cm) e mudas (altura total < 1 m). Os resultados florísticos e estruturais foram apresentados para a comunidade natural (115 parcelas) e para os três setores previamente identificados na área (inundável, não inundável e sob perturbação antrópica, que totalizaram 170 parcelas). A comunidade natural do rio Paracatu apresentou uma predominância de espécies consideradas como típica de florestas estacionais, além de alta riqueza e diversidade em relação a outros levantamentos realizados em regiões próximas. Em função da posição geográfica e da condição de drenagem do solo, essa comunidade apresentou maior similaridade florística com as matas ciliares da bacia do rio São Francisco. Em relação aos setores analisados, o inundável apresentou menor riqueza, diversidade e equabilidade, pois o curso d'água resultou em nichos ecológicos restritivos. Quanto à estrutura horizontal e vertical, os três setores diferiram entre si. Observou-se ainda que as espécies estavam relacionadas a determinadas condições ambientais locais. Deste modo as espécies identificadas como preferenciais de determinado setor podem ser indicadas para recuperação de áreas degradadas em condições ambientais similares. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
The survey was conducted on the tree community of a riparian forest along Paracatu river in Minas Gerais - Brazil, in order to contribute to the ecological knowledge and restoration of riparian forests of river basins Paracatu and São Francisco. The study was designed to: 1) evaluate the floristic composition, richness, diversity and community structure; 2) analyze the floristic similarity between the studied community and other riparian and gallery forest of Minas Gerais and Distrito Federal; 3) analyze the correlations between environmental variables and spatial distribution of tree species; and 4) create sources to support programs for the conservation and recovery. To this end, the study was conducted on systematic transects perpendicular to the river course. Each transect was composed of contiguous plots of 10 x 10m where adult individuals (diameter at breast height - DBH ≥ 5 cm) were all measured. In these plots were allocated plots of 5 x 5 m for sampling the young trees (total height > 1 m DBH < 5 cm) and of 2 × 2 m for the seedlings (total height < 1 m). The floristic and structural results were presented for the natural community (115 plots) and for the three sectors previously identified in the area (floodplain, not flooded and under human disturbance, totaling 170 plots). The Paracatu natural community's showed a predominance of species considered as typical of deciduous forests, and high species richness and diversity compared to other surveys in nearby regions. Depending on geographical location and condition of soil drainage, this community showed greater floristic similarity with the riparian river basin San Francisco. For the sectors analyzed, the flooded area had a lower richness, diversity and evenness, as the stream resulted in restrictive ecological niches. The horizontal and vertical structures of the three sectors differ. The sectors with higher density and basal area were respectively under the human disturbance and not flooded. It was also observed that the species were related to certain environmental conditions, for example, sand, Mg, K, MO, P and horizontal distance to the river. Thus the species identified as preferred a particular site may be recommended for recovery of degraded areas in similar environmental conditions.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Departamento de Engenharia Florestal, Programa de pós-graduação em Ciências Florestais, 2010.
Appears in Collections:EFL - Mestrado em Ciências Florestais (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/7591/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.