Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/40058
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_LellisondeAbreuSouza.pdf1,58 MBAdobe PDFView/Open
Title: Balança que o samba é uma herança samba, partido alto, mercado fonográfico e sambistas nas décadas de 1960 a 1980
Authors: Souza, Lellison de Abreu
Orientador(es):: Oliva, Anderson Ribeiro
Assunto:: Samba
Samba de partido alto
Tradição cultural
Mercado fonográfico
Issue Date: 9-Feb-2021
Citation: SOUZA, Lellison de Abreu. Balança que o samba é uma herança samba, partido alto, mercado fonográfico e sambistas nas décadas de 1960 a 1980. 2020. 190 f. Dissertação (Mestrado em História)—Universidade de Brasília, Brasília, 2020.
Abstract: Este estudo pretendeu analisar como um grupo de sambistas ligados a ideais de tradição do partido alto se inseriu nas disputas narrativas sobre a historicidade e as origens do Samba e do próprio partido alto. Nosso principal objetivo foi investigar como esses sambistas criaram estratégias discursivas na reelaboração das práticas culturais do passado no intuito de constituir uma ideia de tradição que servisse aos seus interesses e preferências. Considerado por muitos sambistas a vertente mais tradicional do samba e a principal via de ligação desse gênero musical com suas raízes afro-americanas, caracterizado fortemente pelo improviso dos versos, o partido alto não costumava ser gravado e raramente os partideiros conseguiam lançar discos próprios. Cenário que mudou a partir dos anos 1960 e ao longo dos anos 1970 e 1980, quando partideiros e sambistas que defendiam um ideal de tradição, como Candeia e Paulinho da Viola gravaram discos e lideraram iniciativas que visaram marcar posições em meio aos debates culturais e ao que acontecia nas escolas de samba. Uma das consequências foi o surgimento a partir da década de 1980 de grupos como Fundo de Quintal e nomes como Jovelina Pérola Negra e Zeca Pagodinho e outros que gravaram discos e participaram ativamente da consolidação de um estilo de samba fortemente influenciado pelo partido alto, o pagode. Analisaremos o funcionamento e importância das rodas de samba, as mudanças no mercado fonográfico brasileiro ocorridas a partir da década de 1960 e como se deu o uso de estratégias discursivas por parte dos sambistas visando interferir nos debates sobre tradição, historicidade e o papel do negro no samba e na sociedade.
Abstract: The aim of the present study was to analyse and understand how a group of sambistas which were tied to the partido alto’ ideals of tradition inserted themself in narrative disputes about the historicity and the origin of samba and partido alto itself. Our main goal was to investigate how those sambistas created discursive strategies to re-elaborate cultural practices from the past, in order to constitute an idea of tradition that fitted their interests and preferences. Regarded by many sambistas as the most traditional style of samba and the main connection of this musical genre with its African American roots, strongly defined by improvisation, the partido alto style was not regularly recorded; rarely the partideiros were able to release their own records. That scenario changed from the 1960’s and throughout the 1970’s and 1980’s, when partideiros and sambistas who advocate an ideal of tradition, such as Candeia and Paulinho da Viola, were able to record their albums and led initiatives to advocate their points of view in cultural debates and those happening inside the escolas de samba at the time. As a result, many samba groups and sambistas emerged in the 1980’s, such as Fundo de Quintal, Jovelina Pérola Negra and Zeca Pagodinho, and many others; they were able to record their albums and actively participate in the process of consolidating a new style of samba strongly influenced by partido Alto, the pagode. We will analyse the how the rodas de samba worked and their importance, the changes in the Brazilian phonographic market since the 1960’s and the usage of discursive strategies by part of the sambistas aiming at interfering in the debates about tradition, historicity and the role of the Afro-Brazilian in samba and in the society.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de História, 2020.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Appears in Collections:HIS - Mestrado em História (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/40058/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.