Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/38010
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_CaioAssumpçãoSilva.pdf2,41 MBAdobe PDFView/Open
Title: A importância dos serviços para o setor de comércio no Brasil : análise empírica para o período 1996-2016
Authors: Silva, Caio Assumpção
Orientador(es):: Arbache, Jorge Saba
Assunto:: serviços
Comércio
Produtos comerciais
Produtividade
Issue Date: 10-Jun-2020
Citation: SILVA, Caio Assumpção. A importância dos serviços para o setor de comércio no Brasil: análise empírica para o período 1996-2016. 2019. 89 f., il. Tese (Doutorado em Economia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: Esta tese examina a produtividade do setor comercial brasileiro entre 1999 e 2016. Utilizando uma metodologia própria para construção de uma nova série de dados das Pesquisas Anuais do Comércio do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), estimativas mostram que, embora heterogêneo, o comércio no agregado é um setor de baixa produtividade. Entre 1999 e 2016, a produtividade multifatorial do setor cresceu em média 0,1% a.a. medida pelas vendas, 0,3% a.a. quando computada pela margem e 0,7% a.a. pelo valor adicionado. Embora o crescimento tenha sido baixo, o resultado foi distinto para os três grandes segmentos do comércio: comércio de veículos, peças e motocicletas foi o que mais se destacou positivamente, enquanto os atacadistas apresentaram crescimento negativo da produtividade total dos fatores e o varejo avançou entre 0,3% e 1,3% a.a. dependendo da medida de produto utilizada, que também é tema de discussão deste trabalho. Para a produtividade do trabalho, os resultados também indicam heterogeneidade entre os segmentos e crescimento significativamente baixo no período analisado – o atacado registrou estabilidade enquanto o varejo avançou entre 0,4% e 1,3% -, sendo a exceção o comércio de veículos, peças e motocicletas, cuja produtividade do trabalho cresceu acima de 4% a.a. qualquer que seja a forma de medir. Contudo, os resultados das regressões com dados em painel indicam que o uso mais intenso dos serviços empresariais, em especial das atividades mais intensivas em conhecimento e tecnologia (serviços de valor), tem relação positiva com a produtividade das firmas comerciais.
Abstract: This thesis examines the productivity of the Brazilian retail and wholesale sector between 1999 and 2016. Using its own methodology to construct a new data series from the Annual Trade Surveys of the Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE), estimates show that, although heterogeneous, the retail and wholesale sector in Brazil is a low productivity sector. Between 1999 and 2016, the sector's multifactorial productivity grew by an average of 0.1% a.a. measured by sales, 0.3% a.a. when computed by margin and 0.7% a.a. by the added value. Although growth was low, the result was different for the three major segments: trade in vehicles, parts and motorcycles was the one that stood out, while wholesalers showed negative growth in total factor productivity and retail advanced between 0.3% and 1.3% a.a depending on the product measure used, which is also a subject of discussion of this work. For labor productivity, the results also indicate heterogeneity among segments and significantly low growth in the period analyzed - wholesale registered stability while retail advanced between 0.4% and 1.3% - with the exception of vehicle trade, parts and motorcycles, whose labor productivity grew by more than 4% per year, whatever the measure. However, the results of panel data regressions indicate that the increased use of business services, especially the most knowledge - and technology - intensive activities (value services), has a positive relationship with the productivity of business firms.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Administração, Contabilidade, Economia e Gestão de Políticas Públicas, Departamento de Economia, Brasília, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:ECO - Doutorado em Economia (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/38010/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.