Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/36751
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_TállytaAbrantesdoNascimento.pdf1,87 MBAdobe PDFView/Open
Title: Educação de jovens e adultos e extensão universitária : a Licenciatura em Educação do Campo da UnB e a experiência com a Educação Popular
Authors: Nascimento, Tállyta Abrantes do
Orientador(es):: Molina, Mônica Castagna
Assunto:: Educação de jovens e adultos - Distrito Federal (Brasil)
Papel social
Educação do campo
Extensão universitária
Licenciatura em Educação do Campo
Issue Date: 30-Jan-2020
Citation: NASCIMENTO, Tállyta Abrantes do. Educação de jovens e adultos e extensão universitária: a Licenciatura em Educação do Campo da UnB e a experiência com a Educação Popular. 2019. 149 f., il. Dissertação (Mestrado em Educação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: O presente trabalho tem o propósito de analisar a relação dialética entre ações educativas da Licenciatura em Educação do Campo da Universidade de Brasília e o Projeto de Extensão realizada na cidade, que acolhe a classe trabalhadora como sujeitos de direito à educação. Com o intuito de fazer uma reflexão sobre a experiência com o Projeto de Extensão “Educação de Jovens e Adultos - EJA na UnB-FUP”, que surgiu a partir do protagonismo de egressas da Licenciatura em Educação do Campo, da Faculdade UnB Planaltina, e atender aos funcionários/as terceirizados/as da Universidade de Brasília, no Campus Planaltina, essa pesquisa busca compreender a complexidade que envolve tanto a formação de educadores/as de Jovens e Adultos quanto os educandos/as que participam desta dinâmica formativa, em um curso equivalente ao nível fundamental e médio, enfrentando, porém, diversos dilemas e contradições para nele conseguirem se manter. O Projeto EJA na UnB-FUP tem o objetivo de ressignificar o trabalho para as/os estudantes que dele participam, partindo do pressuposto da formação omnilateral e continuada, uma formação política intrínseca à sua formação humana. Espera-se que com este trabalho possamos compreender a extensão como atividade viva dentro da universidade, com projetos que dialoguem com a realidade acadêmica e a comunidade planaltinense na qual está inserida e também avançar na relação de parcerias entre a Licenciatura em Educação do Campo e a Comunidade Planaltinense, e refletir sobre as práticas pedagógicas para o público da Educação de Jovens e Adultos e também sobre o papel social que a Universidade tem. O Projeto EJA na UnB-FUP questiona e apresenta alternativa de educação para trabalhadores/as da Universidade de Brasília, com um longo processo de reflexão sobre o projeto hegemônico de educação vigente em nossa sociedade. E apresenta reflexões sobre as relações de trabalho que estes/as trabalhadores/as enfrentam cotidianamente em suas vivências dentro do espaço da universidade, na sequência expomos também, as ações e articulações para a consolidação do projeto de extensão. Utilizamos da metodologia com base nos princípios formadores do materialismo histórico dialético e técnicas da pesquisa-ação e pesquisa participativa para coleta de dados e análises e reflexões de falas, depoimentos, rodas de conversas e textos dos/as trabalhadores estudantes do projeto. Concluímos o trabalho com algumas reflexões acerca de desafios e contradições encontradas no projeto e apresentamos análises do discurso dos/as trabalhadores a fim de encontrarmos soluções em longo prazo para potencializar ações no projeto de Extensão EJA na UnB-FUP. Para isto, o trabalho traz o arcabouço teórico: Molina (2015), Arroyo (2017), Rêses (2017), Freitas (2012), Freire (1987), Caldart (2012), Reis (2000), entre outros.
Abstract: The present work has the purpose of analyzing the dialectical relationship between educational actions of the Degree in Field Education of the University of Brasília and the Extension Project carried out in the city, which welcomes the working class as subjects of right to education. With the purpose of reflecting on the experience with the Extension Project "Youth and Adult Education - EJA at UnB-FUP", which emerged from the protagonism of graduates of the Degree in Field Education, Faculty UnB Planaltina, and to meet the employees / outsourcers of the University of Brasília, Campus Planaltina, this research seeks to understand the complexity that involves both the training of youth and adult educators as well as the students who participate in this training dynamic, in a course equivalent to the fundamental and average level, facing, however, several dilemmas and contradictions in order to maintain it. The objective of the EJA Project at UnB-FUP is to re-signify the work for the students participating in it, starting from the presupposition of the omnilateral and continuous formation, a political formation intrinsic to its human formation. It is hoped that with this work we will be able to understand the extension as a living activity within the university, with projects that dialogue with the academic reality and the community of Planaltinense in which it is inserted and also to advance in the relation of partnerships between the Degree in Field Education and Planaltinense Community, and reflect on the pedagogical practices for the public of Youth and Adult Education and also about the social role that the University has. The EJA Project at UnB-FUP questions and presents an alternative education for workers at the University of Brasilia, with a long process of reflection on the hegemonic education project in force in our society. And it presents reflections about the work relations that these workers face daily in their experiences within the space of the university, in the sequence we also present the actions and articulations for the consolidation of the extension project. We use the methodology based on the principles that form the dialectical historical materialism and techniques of action research and participatory research for data collection and analysis and reflections of speeches, statements, conversational wheels and texts of the project students. We conclude the work with some reflections on the challenges and contradictions found in the project and present analyzes of the discourse of the workers in order to find solutions in the long term to potentiate actions in the project of Extension EJA in UnB-FUP. For this, the work presents the theoretical framework: Molina (2015), Arroyo (2017), Rêses (2017), Freitas (2012), Freire (1987), Caldart (2012), Reis (2000), among others.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Appears in Collections:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/36751/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.