Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/25251
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_DeniseSalesVieira.pdf4,26 MBAdobe PDFView/Open
Title: Corpo feminino e modernidade na construção de Brasília : uma leitura a partir do cinema
Authors: Vieira, Denise Sales
Orientador(es):: Medeiros, Ana Elisabete de Almeida
Assunto:: Brasília (DF) - arquitetura
Corpo
Arquitetura - moderna - séc. XX
Cinema
Issue Date: 23-Nov-2017
Citation: VIEIRA, Denise Sales. Corpo feminino e modernidade na construção de Brasília: uma leitura a partir do cinema. 2017. 191 f., il. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: Este trabalho, desenvolvido no âmbito da História e Teoria da Cidade e do Urbanismo, procura entrelaçar diversas áreas de conhecimento – a arquitetura, o cinema, a história e as ciências sociais – para desafiar a história da construção de Brasília por meio da busca pelo rastro de um corpo feminino possivelmente presente. Possivelmente, porque esse corpo é buscado através dos vestígios que o cinema deixou, e também da memória daquelas que hoje revisitam essas imagens. O pano de fundo para essa observação é a modernidade, um campo que vai além da constatação do modernismo impresso no projeto da cidade e da modernização do país pretendida pelo governo de Juscelino Kubitschek. Destrinchar os sentidos desse espírito moderno tem aqui o objetivo de contestar a noção de progresso na história, buscando as contradições que movem as mudanças modernas, na tentativa de localizar o corpo feminino nesse campo de renovação. Brasília é a cidade que nasce filmada. O cinema, arte moderna por excelência, vai compor com imagens a história do nascimento da cidade. Nelas poderiam estar os vestígios de uma história pouco contada, das mulheres que estiveram presentes no canteiro de obras da capital: um campo tomado pela força masculina, força e intelecto necessário à construção da empreitada modernista. Como esses filmes vão corporificar essas mulheres? Como esse corpo se relaciona com o espaço de construção da modernidade encampada por Brasília? E ainda, é possível, a partir dessas imagens, aferir uma modernidade ao corpo feminino? Essas são algumas perguntas que guiam esse trabalho e, mais que respondê-las, procura encará-las de frente, assumindo que compõem apenas mais uma narrativa, que não se sobrepõe ou reescreve a história, mas procura acrescentar uma outra perspectiva à construção da cidade e ao seu pretenso projeto de modernidade.
Abstract: This work, developed in the context of History and Theory of City and Urbanism, seeks to interweave several areas of knowledge - architecture, cinema, history and social sciences - to challenge Brasília’s construction history by searching for the trail of a possibly present female body. Possibly, because this body is sought through the vestiges left by cinema, and also through the memory of those who revisit these images today. The background to this observation is modernity, a field that goes beyond the realization of modernism impressed on the city’s project and the country’s modernization process sought by Juscelino Kubitschek’s government. To unravel the senses of this modern spirit is a way of contesting the notion of progress in history, seeking the contradictions that move modern changes, in the attempt to locate the female body in this field of renewal. Brasília is a city that is born filmed. Cinema, the modern art par excellence, will compose the city’s birth with images. These images could contain the vestiges of an untold story, of the women who were present in the construction site of the capital: a field taken by the masculine force, strength and intellect necessary to the modernist enterprise. How will these films embody those women? How does this body relate to the modernity project embraced by Brasília? And yet, is it possible to gauge, from these images, a modernity to the female body? These are some questions that guide this work that, rather than answer them, tries to face them, assuming that this is only one more possible narrative, which does not overlap or rewrite history, but seeks to add another perspective to the city’s construction and to its socalled modernity project.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo, 2017.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FAU - Mestrado em Arquitetura e Urbanismo (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/25251/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.