Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/19676
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_AniCatiaGiotto.pdf2,13 MBAdobe PDFView/Open
Title: Colonização de Trembleya parviflora em áreas úmidas no Distrito Federal, Brasil
Authors: Giotto, Ani Cátia
Orientador(es):: Ribeiro, José Felipe
Assunto:: Cerrados
Germinação
Sementes - germinação
Veredas
Arbustos - aumento
Issue Date: 14-Mar-2016
Citation: GIOTTO, Ani Cátia. Colonização de Trembleya parviflora em áreas úmidas no Distrito Federal, Brasil. 2015. xiv, 107 f., il. Tese (Doutorado em Botânica)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: Nas Veredas ocorre atualmente aumento populacional do estrato arbustivo, causando redução na diversidade vegetal da comunidade. O objetivo geral deste estudo foi investigar a estrutura populacional da espécie arbustiva Trembleya parviflora (D. Don) Cogn. (Melastomataceae) e seu efeito na germinação e no banco de sementes em Veredas com alta e baixa colonização dessa espécie, respectivamente na Estação Ecológica de Águas Emendadas (ESECAE) e no Parque Nacional de Brasília (PNB). Na estrutura populacional, foram amostrados indivíduos nos estratos inferior, médio e superior. A maior germinabilidade foi encontrada para sementes armazenadas após um mês (47%), em temperatura alternada (46%) e coletadas no PNB (48%). No banco de sementes emergiram 22.325 plântulas (78% T. parviflora). A abundância e a riqueza de plântulas foram semelhantes entre o período chuvoso e o seco, mas a ESECAE apresentou menor riqueza e diversidade. Além disso, o acúmulo de serapilheira reduziu a abundância de plântulas. A redução na umidade aumentou a dominância de T. parviflora, sugerindo que o rebaixamento do lençol freático favorece a sua expansão em Veredas. A área avaliada na ESECAE (14.295 ind.ha-1) apresentou densidade significativamente maior (19x) que a área do PNB (725 ind.ha-1) em todos os estratos e nos inventários inicial e final. Esses resultados contribuem com conhecimentos de base a respeito do ciclo de vida e impactos da espécie T. parviflora sobre comunidades nativas das Veredas, ambiente crucial para a manutenção de nascentes e bacias hidrográficas no Cerrado. Estes dados serão muito úteis na conservação e manejo deste tipo de Área de Proteção Permanente.
Abstract: In the last decades, in the Brazilian Palm Swamps (locally known as Veredas), it is occurring the expansion of the vegetation’s shrubby layer at the expense of its plant biodiversity in general. The objective of this work was to evaluate the structure of Trembleya parviflora’s (Melastomataceae) population structure and its effects in the seedbanks, as well as the germination rate of the seeds present in it, in two Veredas with different levels of dominance by this shrub: One with a small population of T. parviflora (Brasilia National Park-BNP) and the other showing a bigger one (Águas Emendadas Ecological Station-AEES). We counted the number of individuals in order to access T. parviflora’s population structure. Germinability was higher for seeds collected in PNB (48%), stored during one month (47%), and kept in alternating temperatures during the germination period (46%). In the seed bank, 22.325 seeds sprouted (T. parviflora comprising 78% of them). Seedlings abundance and richness were similar in both, dry and rainy seasons, but AEES showed less richness and diversity. Also, seedling abundance was affected by the litter layer’s thickness. Moisture reduction increased T. parviflora’s dominance, suggesting that a subsiding in the water table level favours its expansion in Veredas. The density of bushes in the AEES preserve was 19 times higher (14.295 in.ha-1) than in PNB (725 in.ha-1). The results about T. parviflora’s life cycle and impacts on native communities of plants are essential for the knowledge of Veredas, crucial vegetation for maintaining Cerrado’s rivers sources as well as watershed. These data will be very useful for the conservation and management of these Permanent Protected Areas.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Biologia, Depártamento de Botânica, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.03.T.19676
Appears in Collections:BOT - Doutorado em Botânica (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/19676/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.