Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/33859
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2018_CarolinaRamosHenrique.pdf1,33 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Memória e imagem em Atlas de Jorge Luis Borges e em As cidades invisíveis de Italo Calvino
Autor(es): Henrique, Carolina Ramos
Orientador(es): Rodrigues, Fabricia Walace
Assunto: Calvino, Italo, 1923-1985 - crítica e interpretação
Borges, Jorge Luis, 1899-1986 - crítica e interpretação
Memória
Imagem
Representação literária
Data de publicação: 29-Jan-2019
Referência: HENRIQUE, Carolina Ramos. Memória e imagem em Atlas de Jorge Luis Borges e em As cidades invisíveis de Italo Calvino. 2018. 106 f., il. Dissertação (Mestrado em Literatura)—Universidade de Brasília, Brasília, 2018.
Resumo: Esta dissertação analisa dois livros sobre viagens: Atlas , do autor argentino Jorge Luis Borges, e As cidades invisíveis , do autor italiano Italo Calvino. O objetivo do presente estudo é estabelecer as possíveis relações entre memória e imagem na literatura, através do estudo comparativo dessas obras. Para cumprir tal objetivo, o referencial teórico deste trabalho é composto principalmente por teorias e críticas literárias, como as de Roland Barthes, Maurice Blanchot, Ricardo Piglia, Michael Riffaterre e Tiphaine Samoyault. Fora isso, há estudos sobre a memória, incluindo autoras como Aleida Assmann e Frances Yates, e a teoria da fotografia, com destaque sobretudo para os estudos de Philippe Dubois. Depois de uma leitura aproximada aos textos literários e da apreciação do referencial teórico, constata-se que as relações entre memória e imagem funcionam em três estádios interdependentes: imaginação, representação e recordação. A imaginação está vinculada à formação de imagens mentais pelo escritor, antes que este escreva. Já a representação, é o momento em que a imagem é registrada no papel, através das palavras escolhidas para evocá-las. Finalmente, há a recordação, que ocorre quando o registro da imagem pensada pelo autor pode servir como uma forma de resistir à passagem do tempo ou, pelo menos, garantir sua presença nele.
Abstract: This paper analyzes two books about travels: Atlas , by the Argentine author Jorge Luis Borges, and Invisible Cities , by the Italian author Italo Calvino. The goal of this study is to establish the possible relations between memory and images in literature through the comparison of these works. To achieve this goal, the theoretical framework of this research is mainly composed of literary theory and criticism, by thinkers such as Roland Barthes, Maurice Blanchot, Ricardo Piglia, Michael Riffaterre and Tiphaine Samoyault. Other than that, there are studies on memory, by Aleida Assmann and Frances Yates, and photography theory, by Philippe Dubois. After a close reading of the literary texts and the appreciation of the theoretical references, it is noticeable that the relations between memory and image work in three stages: imagination, representation and recollection. Imagination has a link with the mental imagery that the writer creates before he writes. Then, representation happens when that image gets registered on paper, through the words chosen to evoke it. Finally, there is recollection, which occurs when the represented image, once thought by the author, serves as a way to resist the passage of time or at least ensure its presence in it.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, Programa de Pós-Graduação em Literatura, 2018.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Aparece nas coleções:TEL - Mestrado em Literatura (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.