Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/31699
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_DeniseFerreiradaCostaCruz.pdf24,92 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Que leveza busca Vanda? : ensaio sobre cabelos no Brasil e em Moçambique
Autor(es): Cruz, Denise Ferreira da Costa
Orientador(es): Borges, Antonádia Monteiro
Assunto: Antropologia do corpo
Etnografia
Brasil
Moçambique
Mulheres - comportamento
Data de publicação: 19-Abr-2018
Referência: CRUZ, Denise Ferreira da Costa. Que leveza busca Vanda?: ensaio sobre cabelos no Brasil e em Moçambique. 2017. 206 f., il. Tese (Doutorado em Antropologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Resumo: Resumo: A presente tese é uma investigação sobre as emoções e sentimentos relacionados à lida com os cabelos crespos vivenciada por mulheres residentes em Brasília e em Maputo. Embora tenham histórias e experiências muito diferentes umas das outras (cada experiência com as formas de lidar com os cabelos é singular tanto entre mulheres brasileiras quanto entre mulheres moçambicanas), elas tem em comum o que Gomes (2008) teorizou como a lida com os cabelos crespos. Cabelos são uma parte do corpo maleável pela cultura e, sendo facilmente manipuláveis, carregam em si muitos significados. Como pontuou Leach (1987), cabelos trazem emoções fortes ao serem cortados, alterados, trabalhados. Poderíamos afirmar com o autor que cabelos possuem força, e provocam sentimentos fortes naqueles que os portam. Sendo assim, são uma parte do corpo que mobiliza emoções. É sobre essas emoções e sentimentos despertados pelo trato com os cabelos que se debruça a presente tese.
Abstract: Abstract: This work is an investigation on emotions and feelings related to the handling of curly hair as experienced by women from Brasília, Brazil and Maputo, Mozambique. Despite bearing stories that differ widely from each other (each experience regarding the handling of one’s own hair is unique both among Brazilian and Mozambican women), these women have in common what Gomes (2008) once theorized as the handling of the curly hair. Hair is a part of the human body malleable by culture and, being easily manipulable, it bears several meanings and significances. As stressed by Leach (1987), hair carries strong emotions when cut, altered, worked on. We can affirm that hair possesses strength and provokes strong feelings and emotions upon those who bear them. Therefore, hair is a part of the body that mobilises emotions. This work focuses on such emotions and feelings brought about by the dealing with hair.
Informações adicionais: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Antropologia, Programa de Pós-graduação em Antropologia Social, 2017.
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).
Aparece nas coleções:DAN - Doutorado em Antropologia (Teses)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.