Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/16187
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_ThaisRaquelSchwarzberg.pdf3,08 MBAdobe PDFView/Open
Title: A comunicação educativa no programa mais educação : um estudo sobre espaços de diálogo
Authors: Schwarzberg, Thaís Raquel
Orientador(es):: Sousa, Carlos Alberto Lopes de
Assunto:: Programa Mais Educação (Brasil)
Comunicação na educação
Análise de interação em educação
Autonomia
Issue Date: 3-Sep-2014
Citation: SCHWARZBERG, Thaís Raquel. A comunicação educativa no programa mais educação: um estudo sobre espaços de diálogo. 2014. 213 f., il. Dissertação (Mestrado em Educação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Abstract: Esta dissertação é parte integrante da linha de pesquisa Educação, Tecnologias e Comunicação, sob a orientação do Prof. Dr. Carlos Alberto Lopes de Sousa, do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Brasília (UnB). A pesquisa reflete sobre as novas configurações estabelecidas na inter-relação dos campos da educação e da comunicação, que buscam romper com a linearidade da educação tradicional e estabelecer relações dialógicas e colaborativas entre educadores e educandos no espaço escolar. Nesse contexto, despontam iniciativas governamentais, como o Programa Mais Educação (PME), uma estratégia do Governo Federal para a indução da política pública de Educação Integral em tempo integral no país. Tendo como um dos eixos prioritários de ação o macrocampo “Comunicação e Uso de Mídias”, o Programa se propõe a criar e fortalecer ecossistemas comunicativos nas escolas, reconhecendo na prática do “aprender fazendo” pelos educandos uma possibilidade de exercer sua cidadania e despertar a autonomia crítica. Dessa maneira, baseando-se de autores como Freire (1969; 1971; 1979; 2005), Martín- Barbero (1997; 2000; 2003), Kaplún (1998), Soares (1997; 1999; 2001), a pesquisa se dedicou a analisar e identificar como se configuram os “espaços de diálogo” de uma escola pública localizada no município de Belo Horizonte (MG) e participante do Programa Mais Educação. Teve por objetivo compreender as possibilidades da Comunicação Educativa como fator de superação de uma Cultura do Silêncio em favor da autonomia crítica dos jovens participantes do Programa, analisando os processos de mediação entre educadores e educandos para a prática das atividades de Comunicação e Uso de Mídias, com destaque para a produção radiofônica da escola. Valendo-se da metodologia de pesquisa tipo exploratória e do estudo de caso, este trabalho combinou análises qualitativas e quantitativas. A aplicação de questionários e realização de entrevistas com os gestores escolares e estudantes permitiu verificar que o PME e suas iniciativas de comunicação configuram um “espaço virtuoso” para a expressão de crianças e jovens, e se constitui como instância fomentadora da inclusão social, da autonomia crítica e do protagonismo infanto-juvenil. Entretanto, constatou que o Programa Mais Educação não é imperativo para a existência de processos democráticos e dialógicos, mas sim instância catalisadora de esforços já existentes no ambiente escolar. Nesse sentido, para que a ação dialógica consolide um legítimo Espaço de Diálogo, ela precisa estar qualificada como ação política e ideológica em todas as instâncias da escola, instaurando a gestão de uma comunicação viva e plena no espaço escolar. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
This thesis is part of the Graduate Program in Education of the University of Brasilia, under the concentration of Education, Technology and Communication, and was advised by Prof. Carlos Alberto de Sousa Lopes. The research discusses the new configuration resulting from the interrelation of the education and communication fields, which intends to break the linearity of traditional education and to establish dialogical and collaborative relationships between teachers and students. In this scenario, new government actions emerge, especially the Programa Mais Educação (PME), a federal policy to promote the implementation of full time Education in Brazilian public schools. The program provides different areas of interdisciplinary educational actions, called “macrocampos”, offering an array of options for the school. Among the macrocampos, stands out the area of “Communications and Media Use”, which aims to create and to strengthen communication ecosystems in schools. It encourages the practice of “learning by doing" in students, hence providing them with a chance to exercise their citizenship and awaken their critical autonomy. Based on authors such as Freire (1969, 1971, 1979, 2005), Martín-Barbero (1997, 2000, 2003), Kaplún (1998) and Smith (1997, 1999, 2001), the research was devoted to analyze and identify how "spaces of dialogue" are configured in the particular case of a PME participant public school located in the city of Belo Horizonte, in the State of Minas Gerais. The research aimed to understand how initiatives for Educational Communication could be the tool to overcome a so-called Culture of Silence and to trigger the empowerment of the students engaged in those initiatives. In order to achieve this objective, the research analyzed the processes of mediation between teachers and students for the practice of Communication and Media Use activities - especially those concerning in the school radio production. The chosen research methodology was an exploratory case study, combining both qualitative and quantitative analyzes. The questionnaires and interviews with school administrators and students indicate that the PME and its Communication initiatives contribute to the constitution of a "virtuous space" for the expression of children and youth, and with the creation of an instance to promote social inclusion, critical autonomy and student prominence. However, findings indicate that the Programa Mais Educação is not mandatory for the existence of democratic and dialogic processes, but it rather works as a catalyst of existing efforts in the school environment. In this sense, the dialogical act to consolidate a legitimate “space of dialogue” must bare ideological and political action within all school levels, instituting a dynamic and comprehensive communication management.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2014.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/16187/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.