Skip navigation
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.unb.br/handle/10482/1267
Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTACAO_2008_JosaphatMDeMoraes.pdf1,98 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir
Título: Construção dos conceitos geométricos num contexto de formação inicial de professores dos anos iniciais do ensino fundamental
Autor(es): Moraes, Josaphat Morisson de
Orientador(es): Muniz, Cristiano Alberto
Assunto: Educação - matemática
Aprendizagem de geometria
Professores - formação
Ensino da matemática
Ensino fundamental
Data de publicação: 2008
Referência: MORAES, Josaphat Morisson de. Construção dos conceitos geométricos num contexto de formação inicial de professores dos anos iniciais do ensino fundamental. 2008. 206 f. Dissertação (Mestrado em Educação)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Resumo: Diversos trabalhos científicos denunciam o abandono do ensino de Geometria no ensino fundamental e uma das razões apontadas está no despreparo do professor. Este trabalho analisa, no contexto da formação inicial, a aquisição de competências em Geometria, por intermédio da análise da participação e da produção escrita de graduandos do curso de Pedagogia da UnB, na disciplina Educação Matemática II. O objetivo da análise foi identificar os obstáculos que se fizeram presentes na construção e apreensão de conceitos geométricos, e as condições necessárias para a superação desses obstáculos. Na pesquisa participante, o pesquisador introduziuse no ambiente de formação e assumiu a condução da disciplina. As seqüências didáticas foram organizadas em onze atividades e contemplou os conteúdos sobre Espaço e Forma e Grandeza e Medidas, preconizados pelos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) para os 1o e 2o ciclos do ensino fundamental. A metodologia empregada para a apreensão dos conceitos foi a proposição de situações-problema, em cuja resolução emergiram os invariantes operatórios (teoremas-em-ação e conceitos-em-ação) do sujeito, na concepção da Teoria dos Campos Conceituais, de Vergnaud (1990). Cada atividade proposta conteve elementos que possibilitaram a elevação do nível de pensamento geométrico dos sujeitos, tomando-se por base a teoria dos van Hiele (1957). Após a análise dos dados coletados, verificou-se a contribuição da disciplina para a formação do conhecimento da matéria, do conhecimento pedagógico da matéria e do conhecimento curricular, segundo a classificação de Shulman (1986). Outro objeto de análise foi a mudança de crenças sobre a Geometria, sobre si próprio e sobre a aprendizagem de Geometria, decorrentes do desenvolvimento de competências didático-pedagógicas. _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Several scientific papers denounce the abandonment of the teaching of geometry in the elementary school and one of the reasons given is the unpreparedness of the teacher. This paper analyzes, in the context of initial training, the acquisition of skills in geometry, through the analysis of the participation and written production of students from the course of Pedagogy at UnB, in the subject Education in Mathematics II. The objective of the analysis was to identify the obstacles that were present in the construction and acquisition of geometric concepts, and the necessary conditions to overcome these obstacles. During the participatory research, the researcher introduced himself into the teaching environment and took over the subject. The didactic sequences were organized in eleven activities and included the contents of Space and Form and Greatness and Measures, recommended by the National Curricular Parameters (PCN) for the first and second cycles of elementary school. The methodology used for the acquisition of concepts was the proposition of problem-situations, whose solution led to the invariant operative (theorems-in-action and concepts-in-action) of the subject, following the Theory of Conceptual Fields, by Vergnaud (1990). Each activity proposed contained elements that allowed the elevation of the level of geometric thinking of students, based on the theory of van Hiele (1957). After analyzing the data collected, it was noticeable the contribution of the subject for the acquisition of knowledge of the subject, pedagogical knowledge of the subject and curricular knowledge, according to the classification of Shulman (1986). Another object of analysis was the change in beliefs about Geometry, on oneself and on the learning of Geometry, arising from the development of didacticpedagogical competences.
Informações adicionais: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, 2008.
Aparece nas coleções:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)

Mostrar registro completo do item Recomendar este item Visualizar estatísticas



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.