Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/9460
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_AmandaLadislauLeonardo.pdf322,86 kBAdobe PDFView/Open
Title: Valores pessoais e civilidade : um teste experimental do efeito moderador da prioridade axiológica e sexo
Authors: Leonardo, Amanda Ladislau
Orientador(es):: Pilati, Ronaldo
Assunto:: Psicologia social
Prioridade axiológica
Civilidade
Issue Date: 17-Oct-2011
Citation: LEONARDO, Amanda Ladislau. Valores pessoais e civilidade : um teste experimental do efeito moderador da prioridade axiológica e sexo. 2011. 72 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações)-Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Abstract: Há evidências de que o priming de metas comportamentais influencie o comportamento e o julgamento do indivíduo. A presente dissertação teve por objetivo investigar a influência da ativação de valores humanos (benevolência e realização), moderada pelas prioridadesaxiológicas e sexo dos indivíduos, no comportamento prosocial de civilidade (Experimento 1), e na tarefa de julgamento sobre o comportamento de civilidade (Experimento 2). Participaram do Experimento 1, 32 universitários (13 do sexo feminino), e do Experimento 2, 79 universitários(55 do sexo feminino). Os resultados não indicaram a influência do priming de valores no comportamento e no julgamento. Resultados significativos foram encontrados no Experimento 1, para as variáveis sexo e prioridade axiológica, como antecedentes diretos. Nesse experimento, somente mulheres (χ2 = 10,79; p=0,001), com prioridade axiológica de realização (χ2 = 5,05,p=0,025) emitiram o comportamento de civilidade. No Experimento 2, prioridade funcionou como antecedente direto para o julgamento. No fator Percepção de Interesse Pessoal[F(1,4)=14,36; p = 0,019; ω2=0,689], indivíduos com prioridade de benevolência (M = 43,13;SD = 5,79), avaliaram a protagonista do cenário como mais voltada para metas de interessepessoal, do que os indivíduos com prioridade axiológica de realização (M=38,77; SD=7,01). Os resultados evidenciam necessidade de adaptações no procedimento experimental. Questões teóricas e práticas sobre o comportamento prosocial de civilidade são discutidas. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT
There is evidence that priming behavioral goals influences individual behavior and judgment.This dissertation investigated the influence of the activating human values (benevolence and achievement) in prosocial behavior of civility (Experiment 1), and in a judgment task(Experiment 2), moderated by gender and axiological priorities of the individual. Participants were 32 students (13 female), in Experiment 1, and 79 students (55 female), in Experiment 2. Results indicated no priming effects on behavior and judgment. In Experiment 1, significant results for gender and axiological priorities, as direct antecedents of civility behavior, were found. Only women (χ2 = 10.79, p = 0.001) with achievement as their axiological priority (χ2 = 5.05, p = 0.025) engaged in civility behavior. In Experiment 2, axiological priority worked as a direct antecedent of participant’s judgment. In the Perception of Personal Interest factor [F (1,4) = 14.36, p = 0.019; ω2 = 0.689], individuals who prioritized benevolence (M = 43.13, SD = 5.79)evaluated the scenario’s protagonist as being more focused on self-interest goals than individuals who prioritized achievement (M = 38.77, SD=7.01). Results suggest the need for adjustments in the experimental procedure. Theoretical and practical questions about the civility of prosocial behavior are discussed.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2011.
Appears in Collections:PSTO - Mestrado em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/9460/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.