Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/9043
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2010_SarahGuerraGamaTinoco.pdf540,4 kBAdobe PDFView/Open
Title: Fatores associados ao consumo adequado de frutas, legumes e verduras na população adulta do Distrito Federal
Authors: Tinoco, Sarah Guerra Gama
Orientador(es):: Ito, Marina Kiyomi
Assunto:: Nutrição
Alimentos - consumo
Nutrição - epidemiologia
Issue Date: 13-Jul-2011
Citation: TINOCO, Sarah Guerra Gama. Fatores associados ao consumo adequado de frutas, legumes e verduras na população adulta do Distrito Federal. 2010. 130 f. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana)-Universidade de Brasília, Brasília, 2010.
Abstract: OBJETIVO: Descrever a frequência do consumo adequado de FLV por adultos residentes no Distrito Federal e analisar os fatores associados a essa prática. MÉTODOS: Estudo observacional analítico do tipo transversal, de base populacional, realizado com adultos (? 18 anos), em amostra probabilística do Distrito Federal, no ano de 2007 (n=2.144). Foram coletadas informações sociodemográficas, de estado de saúde e de comportamento. Estimou-se a frequência do consumo adequado (? 5 vezes/dia) de FLV e verificou-se a associação entre esse consumo e as demais variáveis por regressão de Poisson bivariada, com variância robusta. Em seguida, determinaram-se razões de prevalência ajustadas (RP), segundo sexo, controladas pela idade, considerando p ? 0,05 e IC de 95%. RESULTADOS: A frequência de consumo adequado de FLV foi baixa na população estudada (20,4%), sem diferença significativa entre os sexos. Na análise bivariada, as variáveis que se associaram positivamente ao consumo adequado no sexo masculino foram escolaridade (p=0,05), prática de atividade física (p=0,01) e ingestão de peixe (p=0,01). Para as mulheres associaram-se ao consumo idade (p=0,01), escolaridade (p=0,01), renda (p<0,001), estado nutricional (p<0,001), saúde auto-referida (p=0,01), prática de atividade física (p=0,015), hábito de não fumar (p<0,001) e ingestão de peixe (p<0,001). No modelo final, construído por regressão multivariada, controlado pela idade, prática de atividade física e a ingestão de peixe mantiveram-se positivamente associadas ao consumo adequado de FLV tanto em mulheres quanto em homens. A prevalência de consumo foi maior entre aqueles com prática suficiente de atividade física e consumo usual de peixe. No sexo masculino, a escolaridade permaneceu associada ao consumo de FLV, sendo maior entre homens com doze ou mais anos de estudo (RP: 1,73; IC95%: 1,01-2,97). No sexo feminino, a renda manteve associação direta com o consumo adequado, sendo maior entre aquelas de maior renda (RP: 2,51; IC95%: 1,68-3,75) Mulheres com excesso de peso e estado de saúde bom ou muito bom tiveram prevalências de consumo adequado maiores do que as demais. A frequência de mulheres com consumo adequado também foi significativamente maior entre as ex-fumantes e não fumantes. CONCLUSÃO: O consumo adequado de FLV tanto em homens quanto em mulheres é influenciado por determinantes sócio-econômicos. A prevalência de consumo adequado de FLV no Distrito Federal é baixa, principalmente entre homens de menos escolaridade e mulheres com menor renda. Verificou-se, ainda, que alguns fatores comportamentais também associados a esse consumo são diferentes para homens e mulheres. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
OBJECTIVE: Describe the fruit and vegetable adequate intake frequency and analyze its associated factors among adults living in the Brazilian Federal District METHODS: Analytical and cross-sectional study, population based, among adults (≥ 18 years), in a probabilistic sample of Federal District, in 2007 (n=2.144). Sociodemographic, health status and behavior information were collected. The adequate fruits and vegetables intake (≥ 5 times/day) frequency was estimated and the association between this intake and the others variables was tested by bivariate Poisson regression, with robust variance. Prevalence ratio (PR) were determined, controlling results by age, adjusting by others variables, by sex, considering ˂0.05 and CI: 95%. RESULTS: adequate fruits and vegetables intake frequency was low among the studied population (20.4%), without significant differences between the sexes. According to bivariate regression, the variables that show association to the adequate intake among men was schooling, physical activity practice and fish consumption. Among women, age, education, income, nutritional status, referred health status, physical activity practice, non-smoking habits and fish consumption. In the final model, using multivariate Poisson regression analyses, controlled by age, the behavior factors physical activity practice and fish consumption continue positively associated to the adequate fruits and vegetables intake within both sexes. Among men, study years continued to be associated to the adequate intake. The consumption frequency was higher among men with twelve or more study years (PR: 1.73; CI95%: 1.01-2.97). Between women, income continued directly associated to adequate intake. (PR: 2.51; CI95%: 1.68-3.75). Ex-smokers and non-smokers, overweighted and good health status women also had higher adequate fruits and vegetables intake frequencies. CONCLUSION: adequate fruit and vegetable intake is determinate by socio-economic factors among men and women. Prevalence of adequate fruits and vegetables intake among the adult population of Brazilian Federal District is low, especially between less educated men and low-income women. A number of the behavior factors also associated to the adequate fruits and vegetables intake are different between men and women.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2010.
Appears in Collections:NUT - Mestrado em Nutrição Humana (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/9043/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.