Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/8731
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_MariaDasGraçasPimentel.pdf3,79 MBAdobe PDFView/Open
Title: Inclusão digital e usuários com deficiência visual no DF : estudo de acessibilidade na sociedade da informação
Authors: Pimentel, Maria das Graças
Orientador(es):: Suaiden, Emir José
Assunto:: Inclusão digital
Pessoas com deficiência visual
Integração social
Issue Date: 28-Jun-2011
Citation: PIMENTEL, Maria das Graças. Inclusão digital e usuários com deficiência visual no DF: estudo de acessibilidade na sociedade da informação. 2011. 351 f., il. Tese (Doutorado em Ciência da Informação)-Universidade de Brasília, Brasília, 2011.
Abstract: No mundo das tecnologias da informação e da comunicação - TICs, não é possível mais admitir a idéia de que as pessoas com deficiências devem ser consideradas, como em outros tempos, objetos das políticas de assistência social. Hoje, graças às mudanças tecnológicas verificadas nas últimas duas décadas, particularmente no que diz respeito à crescente globalização da economia e das atividades humanas, as pessoas começam a ser vistas como seres humanos que devem exercer todo o espectro de direitos civis, políticos, sociais, culturais e econômicos. A presente investigação apresenta um estudo de usuários que são deficientes visuais e frequentam os ambientes digitais do Distrito Federal. O objetivo dessa pesquisa é identificar e analisar políticas que orientam programas de acessibilidade nesses ambientes que oferecem serviços de informação. O estudo tem a intenção de identificar como programas e políticas públicas de inclusão digital podem contribuir para redução da exclusão social desse segmento. Procura-se centrar a questão da inclusão digital em conjunto com os principais fatores: a disponibilização da tecnologia e a abordagem educacional voltada para a atuação do educador/multiplicador capaz de preparar o indivíduo para apropriar-se das tecnologias da comunicação. Tem como foco ainda, pontuar as principais questões norteadoras desse debate principalmente no que diz respeito aos aspectos da inclusão e exclusão digital; a dimensão tecnológica; suas interfaces com o mundo globalizado em torno do papel da informação e do conhecimento nos dias de hoje, principalmente no que se refere à elevação da qualidade de vida e da dignidade da pessoa com deficiência visual, a partir da efetiva garantia de acesso à informação e à aprendizagem. Espera-se que os resultados desse estudo possam apontar para uma reflexão científica que converge para o campo da Ciência da Informação, onde a oposição entre inclusão e exclusão social possa ser mais bem observada para validar a eficácia dos programas e projetos de acessibilidade existentes. Os resultados obtidos revelaram que: os programas de inclusão digital para deficientes visuais no Distrito Federal vem passando por um processo de desenvolvimento e enfrentam os desafios oriundos das transformações sócioculturais e se esforçam para incorporar o novo papel que lhes cabe na transferência de conhecimentos e informações para incluir esses usuários na sociedade da informação; as desigualdades sociais tem sido um fator determinante quanto ao uso e acesso dos meios de comunicação digital, dificultando a interatividade dos usuários com as novas tecnologias de informação. Conclui que há necessidade de estabelecer políticas públicas para fortalecer os mecanismos de acesso de informação digital para deficientes visuais e promover a inclusão social e digital como forma de diminuir as desigualdades e barreiras existentes. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT
In this world of information technology and communication – TICs, the idea that people with handicaps should be considered objects of political and social assistance, is not admissible . Today, thanks to the technological changes of the last ten years, especially in regards to the growing globalization of the economy and of human activities, people are now seen as human beings that have a right to exercise the whole spectrum of their civil, political, social, cultural and economic rights. This investigation presents a study of visually impaired users of the digital environment in the Distrito Federal. The objective of this study is to identify and analyze the policies that regulate programs of accessibility where information services are offered. The study intends to identify how public programs and policies of digital inclusion can contribute to the reduction of the social exclusion of this segment of society Digital inclusion focuses on the following factors: the availability of technology; the educational approach, with emphasis on the preparation of the individual who is to make use of communication technology, by a capable educator. The study also seeks to point out the main questions of this debate, those concerning the aspects of digital inclusion/exclusion; the technological dimension; Its interfaces with a globalized world and the role of information and knowledge today, especially when referring to the betterment of the quality of life and dignity of a visually impaired person, through the effective access to information and education. The results of this study are expected to bring about some thought which will converge into the field of information science, where the difference between social inclusion and social exclusion can be better observed so as to validate the efficiency of the existing programs and projects of accessibility. The results showed that: the programs of digital inclusion for the visually impaired in the Distrito Federal have been going through a process of development, while. facing challenges which stem from sociocultural changes, and are making an effort to incorporate the new role of knowledge and information transfer, to include these users in the information society. Social inequalities have been a determining factor for the access and use of digital communication, making the interactivity of new information technologies difficult for the user. It is then concluded that there is a need to establish public policies to strengthen the mechanisms of the accessibility of digital information for the visually impaired which will promote social and digital inclusion as a form of bringing down the existing barriers and inequalities.
Description: Tese (doutorado)-Universidade de Brasília, Faculdade de Ciência da Informação, 2011.
Appears in Collections:FCI - Doutorado em Ciência da Informação (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/8731/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.