Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/6401
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_MariaCeciliaMAFreitas.pdf7,79 MBAdobe PDFView/Open
Title: Duas abordagens em harmonia ou conflito? o professor e o material didático em um curso de formação de professores de E/LE
Authors: Freitas, Maria Cecilia Martínez Amaro
Orientador(es):: Ortíz Alvarez, Maria Luisa
Assunto:: Língua espanhola - estudo e ensino
Livros didáticos
Professores - formação
Issue Date: 10-Jan-2011
Citation: FREITAS, Maria Cecilia Martínez Amaro. Duas abordagens em harmonia ou conflito? o professor e o material didático em um curso de formação de professores de E/LE. 2008. 206 f. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Abstract: Estudos voltados para a formação de professores de língua estrangeira, doravante LE, atualmente vem merecendo uma maior atenção por parte dos pesquisadores da área da Lingüística Aplicada. Isso se deve, em parte, a busca da compreensão das variáveis que afetam a formação do professor e por conseqüência sua prática. O nosso trabalho focaliza duas dessas variáveis consideradas embrionárias na formação de professores de LE: a abordagem e o material didático (MD). Para tal estudo realizamos uma análise contrastiva entre duas professoras universitárias, uma que utilizava o livro didático (LD) como ferramenta principal em suas aulas e outra que utilizava MDs autênticos variados. Observamos a relação existente entre abordagem declarada e o material utilizado. Analisamos também, desde a perspectiva dos alunos-professores, a visão que eles possuíam sobre o uso e o não uso do LD em um curso de formação de professores de LE, além de conhecer as características que esperavam do LD e alguns critérios que consideram seguir em suas futuras escolhas. Os resultados demonstraram que embora as duas professoras formadoras, pertencessem a uma mesma instituição e curso de Espanhol Língua Estrangeiro (ELE), apresentavam posturas bem diferentes com relação à abordagem e ao MD. O estudo evidencia que a professora formadora com conhecimento mais aprofundado no que tange as teorias de ensino e aprendizagem e as pesquisas da área da Lingüística Aplicada, é mais consciente de sua abordagem norteadora, assume uma postura crítica e reflexiva sobre sua prática e é menos dependente dos MDs. A outra participante, ainda iniciante na área de formação de professores, é detentora de uma abordagem implícita e demonstra grande dependência em relação ao LD. Os alunos-professores que utilizavam o LD no curso consideravam-no inadequado para a formação de suas bases acadêmicas. Já o grupo que não utilizava esse instrumento mostrou-se favorável a não adoção de um LD no curso. Contudo, a maioria dos alunos-professores de ambos os grupos declarou ter a intenção de utilizar esse material em suas futuras aulas. Compreender o papel do MD e do LD no processo de formação de professores de LE fundamentado no auto-conhecimento da abordagem norteadora pode despertar reflexões sobre o tipo de formação que estamos oferecendo aos futuros profissionais do ensino de LE. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT
Studies related to the formation of foreing language teachers, currently deserves a larger attention by some of the researchers of the Applied Linguisitc area. This is, partly, due to the search of the undersrtanding of the variables that affect the teachers formation and consequently his/her practice. Our work facuses on two of those variables considered embryonic in the information of foreign languagem teachers: the approach and the teaching material. For this study we accomplished a contrasting analysis between two professors, one who used the textbook as main tool in her classes and another who used varied authentic teaching materials. WE oberved the existent relationship between declared approach and the used material. We also analyzed from the student-teachers perspective to the vision they had on the use and the non use of the textbook in a foreign languagem teachers formation course, besides knowing the characteristics they expected from the textbook and some criteria that they consider to follow in their future choices. The results demonstrated as a foreign language course, they showed a very different attitude regarding the approach and the teaching material. The study proves that the forming teacher with deeper knowledge referring to the teaching and learning theories and the researches of the Applied Linguistic area, is more conscious of her guing approach, assumes a critical and reflesive attitude on her practice and it is less dependent of the teaching materials. The other participant, a beginner in the teachers formation area, is holder of an implicit approach and demonstrates great dependence related to the textbook. The student-teachers who used the text book in the group that did not use this tool was shown favorable to the non adoption of a textbook in the course. However, most of the student-teachers of both groups declared to have the intention of using that material in their future classes. Understanding the role of the teaching material and the textbook in the process of the formation of foreign language teachers based on self-knowledge of the guiding approach may arise reflections about the type of formation we are offering to the intended English languagem teaching professionals.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, Programa de Mestrado em Língüística Aplicada, 2008.
Appears in Collections:PGLA - Mestrado em Linguística Aplicada (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/6401/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.