Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/6057
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_ProlongamentoAmamentacaoPrimeiroAno.pdf193,88 kBAdobe PDFView/Open
Title: Prolongamento da amamentação após o primeiro ano de vida : argumentos das mães
Other Titles: Prolonged breastfeeding : mother's arguments
Authors: Carrascoza, Karina Camillo
Costa Júnior, Áderson Luiz
Ambrosano, Gláucia Maria Bovi
Moraes, Antônio Bento Alves de
Assunto:: Amamentação
Aleitamento materno - prolongamento
Issue Date: 2005
Citation: CARRASCOZA, Karina Camillo et al. Prolongamento da amamentação após o primeiro ano de vida: argumentos das mães. Psic.: Teor. e Pesq. [online], v.21, n.3, p.271-277, 2005. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ptp/v21n3/a03v21n3.pdf>. Acesso em: 1 dez. 2010. doi: 10.1590/S0102-37722005000300003.
Abstract: O objetivo deste estudo foi identificar e analisar as justificativas referidas por mães para prolongar o aleitamento materno de seus filhos além do primeiro ano de vida da criança. A metodologia envolveu o estudo de 40 mães cujos filhos eram atendidos pelo Centro de Pesquisa e Atendimento Odontológico para Pacientes Especiais – Cepae – da Faculdade de Odontologia de Piracicaba – UNICAMP. Para que a mãe fosse incluída no estudo, deveria estar amamentando depois do 12º mês de vida da criança. As participantes foram entrevistadas individualmente, utilizando-se um questionário específico. Todas as entrevistas foram gravadas em áudio. Os resultados mostraram que o motivo mais referido pelas mães para a manutenção da amamentação foi o prazer materno. Também foi observado que a proximidade mãe-bebê favorece o prolongamento do aleitamento. Estudos ainda são requeridos para obtenção de análises funcionais mais precisas de variáveis que levam ao prolongamento ou interrupção do aleitamento materno.
Abstract: This paper aims to identify and analyze the reasons pointed by mothers to prolong breastfeeding beyond the first year of the child’s life. The study involved 40 mothers whose children were treated in the Preventive Program of Research and Dental Treatment Center for Special Patients – Dental School of Piracicaba – UNICAMP. The group consisted of mothers who prolonged the breastfeeding beyond the baby’s first year of life. All mothers were surveyed by a researcher using a specific questionnaire. In order to avoid information loss, the interviews were taped, then transcripted. Results showed that the main cause of the extended breastfeeding was “maternal pleasure”. It was also observed that the mother and infant attachment favors prolonged breastfeeding occurrence. Further studies should be carried out for more accurate functional analyses of variable that lead to extend breastfeeding or to wean.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-37722005000300003
Appears in Collections:PED - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/6057/statistics">



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons