Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/44377
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2022_TitoAugustoCarvalhoeSá.pdf1,18 MBAdobe PDFView/Open
Title: Dependência e a questão do trabalho no Brasil (2016-2021)
Authors: Sá, Tito Augusto Carvalho e
metadata.dc.contributor.email: carvalhosa.to@gmail.com
Orientador(es):: Cícero, Pedro Henrique de Moraes
Assunto:: Teoria Marxista da Dependência
Neoliberalismo
Força de trabalho
Superexploração da força de trabalho
Issue Date: 2-Aug-2022
Citation: SÁ, Tito Augusto Carvalho e. Dependência e a questão do trabalho no Brasil (2016-2021). 2022. 149 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) — Universidade de Brasília, Brasília, 2022.
Abstract: Esta dissertação parte da categoria de superexploração da força de trabalho, elaborada no âmbito da Teoria Marxista da Dependência. Trata-se de uma investigação com foco nas condições de vida da classe trabalhadora. Mais especificamente, o objetivo principal é identificar e analisar as transformações por que passou o fenômeno da superexploração da força de trabalho, no Brasil, entre os anos de 2016 e 2021. Este recorte se justifica pela intensificação dos efeitos da crise econômica, no país, bem como pela emergência de governos totalmente alinhados à ortodoxia neoliberal. Somados, tem-se uma conjunção de fatores com grande potencial de agravar, ainda mais, as condições de vida dos trabalhadores e trabalhadoras de um país de economia dependente, como é o caso do Brasil. Assim, com a finalidade de se obter as ferramentas para a análise que se pretende empreender, este trabalho baseia-se em métodos qualitativos e quantitativos. Realiza-se revisão bibliográfica dos escritos clássicos da TMD, bem como de outros autores e autoras que buscam atualizar e aplicar as categoriais centrais da teoria. Ademais, são utilizadas fontes primárias de bases de dados oficiais, que possibilitam obter dados e análises que contribuem para a concretização do objetivo da pesquisa. Relativamente aos resultados, as análises dos dados sobre remuneração, jornada de trabalho, acidentes de trabalho, desemprego, informalidade, entre outros, indicam uma intensificação do fenômeno da superexploração, no Brasil, entre os anos de 2016 e 2021. Por fim, ressaltase que subjaz a essa realidade o aprofundamento da doutrina neoliberal, que guia a agenda político-econômica do país há mais de três décadas.
Abstract: This master's thesis starts from the category of super-exploitation of the workforce, elaborated within the scope of the Marxist Dependence Theory. It is an investigation focused on the living conditions of the working class. More specifically, the main objective is to identify and analyze the transformations undergone by the phenomenon of superexploitation of the workforce in Brazil between 2016 and 2021. This cropping is justified by the economic crisis intensification effects in the country, as well as the emergence of governments fully aligned with neoliberal orthodoxy. Together, there is a combination of factors with great potential to further worsen the workers' living conditions in a country under a dependent economy, such as Brazil. Thus, to obtain the tools for the analysis to be undertaken, this work is based on qualitative and quantitative methods. A bibliographic review of the classic writings of TMD is carried out, as well as of other authors who seek to update and apply the central categories of the theory. Furthermore, primary sources of official databases are used, which make it possible to obtain data and analyzes that contribute to the achievement of the research objective. Regarding the results, the analysis of data on remuneration, working hours, work accidents, unemployment, and work informality, among others, indicate an intensification of the phenomenon of superexploitation in Brazil between the years 2016 and 2021. This reality is underpinned by the deepening of the neoliberal doctrine, which has guided the country's political-economic agenda for more than three decades.
Description: Dissertação (mestrado) — Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Estudos Latino-Americanos, Programa de Pós-Graduação em Estudos Comparados Sobre as Américas, 2022.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:ELA - Mestrado Acadêmico em Estudos Comparados sobre as Américas (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/44377/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.