Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/44376
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2022_IgorNovaesLins.pdf1,24 MBAdobe PDFView/Open
Title: A geografia eleitoral das milícias : um estudo exploratório dos candidatos à Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Authors: Lins, Igor Novaes
metadata.dc.contributor.email: igornovaeslins@gmail.com
Orientador(es):: Lins, Igor Novaes
Assunto:: Geografia eleitoral
Milícias
Institucionalismo
Poder local
Ação política
Issue Date: 2-Aug-2022
Citation: LINS, Igor Novaes. A geografia eleitoral das milícias: um estudo exploratório dos candidatos à Câmara Municipal do Rio de Janeiro. 2022. 116 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) — Universidade de Brasília, Brasília, 2022.
Abstract: Essa dissertação pesquisa a distribuição espacial dos votos dos candidatos à Câmara Municipal do Rio de Janeiro que estão supostamente ligados às milícias na capital, durante as eleições municipais ocorridas entre 2000 e 2016. O problema de pesquisa busca investigar se existe um padrão de votação comum entre os candidatos analisados. O objetivo é entender se o apoio das milícias aos candidatos se reverteu em voto nessas regiões e se o perfil da votação desses parlamentares é mais concentrado nas regiões de milícias. Para isso, foi utilizada uma abordagem quantitativa e exploratória, a partir da análise de autocorrelação espacial. Desse modo, o trabalho busca contribuir com as discussões sobre geografia eleitoral e formas de poder local e o institucionalismo, correntes tradicionais da ciência política, e dar suporte às prematuras discussões sobre crime organizado e política. Utiliza-se a tipologia proposta de Barry Ames para verificar a existência de um tipo de votação concentrado ou disperso e dominante ou compartilhado. Os resultados indicam um tipo de votação compartilhado. Por outro lado, não se conseguiu verificar um padrão no outro eixo relativo aos votos concentrados ou dispersos por limitações metodológicas da unidade de espacial de análise adotada. É observado uma correlação espacial entre os candidatos ligados aos grupos criminosos de Gardênia Azul e da Liga da Justiça. Do lado teórico, conclui-se que as milícias utilizam estratégias políticas de organizações políticas como partidos políticos, movimentos sociais e grupos de pressão. Por fim, nota-se um processo de institucionalização das milícias através da “autoridade prática”, das ideias e do legado institucional dos grupos de extermínio.
Abstract: This master’s thesis researches the spatial votes’ distribution of candidates for the Rio de Janeiro City Council, who are allegedly associated to “milícias” in the capital, during the municipal elections that took place between 2000 and 2016. The research problem seeks to investigate whether there is a common voting pattern among the analyzed candidates. The objective is to understand whether the milícia’s support for the candidates translates into votes in these regions and whether the voting profile of these legislators is more concentrated in militia regions. To this end, a quantitative and exploratory approach was used, based on spatial autocorrelation analysis. In this way, the work seeks to contribute to the discussions on electoral geography and forms of local power and institutionalism, traditional currents of political science, and to give support to the early discussions on organized crime and politics. The typology proposed by Barry Ames is used to verify the existence of a concentrated or dispersed and dominant or shared type of voting. The results indicate a similar type of voting. On the other hand, it was not possible to verify a pattern on the other axis concerning concentrated or dispersed votes due to metodological limitations of the spatial unit of analysis adopted. A spatial correlation is observed between candidates linked to the Gardênia Azul and Justice League criminal groups. From the theoretical point of view, it is concluded that militias use political strategies of political organizations such as political parties, social movements and pressure groups. Finally, a process of institutionalization of militias through the "practical authority," ideas, and institutional legacy of extermination groups is noted.
Description: Dissertação (mestrado) — Universidade de Brasília, Instituto de Ciência Política, Programa de Pós-Graduação em Ciência Política, 2022.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:IPOL - Mestrado em Ciência Política (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/44376/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.