Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/4307
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2009_HelenIlzaBorgesdeOliveira.pdf583,59 kBAdobe PDFView/Open
Title: Aspectos sócio-culturais e semânticos na tradução dos fraseologismos em dicionários bilíngues
Authors: Oliveira, Helen Ilza Borges de
Orientador(es):: Strehler, René Gottlieb
Assunto:: Linguística - processamento de dados
Dicionários poliglotas
Sociolinguística
Issue Date: 2009
Citation: OLIVEIRA, Helen Ilza Borges de. Aspectos sócio-culturais e semânticos na tradução dos fraseologismos em dicionários bilíngues. 2009. 87 f. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada)-Universidade de Brasília, Brasília, 2009.
Abstract: Por muito tempo os fraseologismos têm sido objeto de discussão entre os tradutores, visto que eles trazem peculiaridades da língua de origem que nem sempre encontram um equivalente na língua de chegada. A discussão sempre gira em torno de como traduzi-los. Manter o sentido conotativo do original, porém perdendo suas características? Ou encontrar um equivalente na língua de chegada que pode não refletir fielmente o sentido do original, mas seria uma opção de uso? Envoltos em toda esta discussão estão os tradutores que, independentemente de como, freqüentemente se deparam com fraseologismos a serem traduzidos. E, em muitas das vezes, recorrem aos dicionários como apoio externo para a tarefa de tradução. Visto que todos os dicionários possuem suas limitações e os dicionários monolíngües não trazerem o equivalente dos fraseologismos em língua estrangeira, esta pesquisa procurou analisar o comportamento da tradução dos fraseologismos nos dicionários bilíngües Inglês-Português / Português-Inglês – como tais fraseologismos são traduzidos, se são traduzidos ao pé da letra, ou obedecendo a alguma ordem que procure manter os aspectos semânticos da língua de origem. Para tal, foram utilizados 4 dicionários bilíngües para estudantes brasileiros de Língua Inglesa como instrumentos para a coleta de dados. Os resultados sugerem que apesar dos fraseologismos terem sido traduzidos, não foram encontradas observações com relação à relevância cultural que estes fraseologismos possuem em Língua Portuguesa. Porém, percebe-se uma preocupação em que estes sejam traduzidos por um equivalente pré-existente em Língua Inglesa ou por um equivalente de situação que permita ao usuário ter noção do sentido conotativo do fraseologismo original. ___________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
For a long time, the fixed expressions have been matter of discussion among the translators, since they have the original language peculiarities and, sometimes, these fixed expressions are so specific of a culture that don’t have an equivalent in the translation that covers all their connotative meanings. The discussion is all around in how translators should translate them. Should they keep the original connotative meaning, despite the fixed expression characteristics? Or should they search for an equivalent in the foreign language that may not reflect the original meaning? The translators are involved in these questions but they frequently face the task of translating the fixed expressions, no matter how. And, most of the times, they run over the dictionaries as an external support for the translation task. Since most of the dictionaries have their restrictions and the monolingual dictionaries don’t have the fixed expressions equivalent in the foreign languages, this study aimed at analyzing the behavior of the fixed expression translation in the bilingual dictionary – English-Portuguese / Portuguese-English. It expected to analyze how the fixed expressions are translated – literally or with some order to keep their semantic meaning of the original language. So, four bilingual dictionaries for Brazilian students of English were used as means for data collection. The results suggest that, despite the fixed expression have been translated; there weren’t any information on their cultural relevance for the original language. But, it can be seen some preoccupation on their translation for an equivalent in the foreign language or a situation equivalent that should allow the user to perceive the connotative meaning of the original fixed expression.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, 2009.
Appears in Collections:PGLA - Mestrado em Linguística Aplicada (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/4307/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.