Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/42631
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2021_RafaelGalvãodeOliveira.pdf1,3 MBAdobe PDFView/Open
Title: Proposta de implementação da Teoria de Aprendizagem Musical de Edwin Gordon na Educação Infantil de acordo com os parâmetros da BNCC
Authors: Oliveira, Rafael Galvão de
metadata.dc.contributor.email: rafaeltkt@gmail.com
Orientador(es):: Freire, Ricardo José Dourado
Assunto:: Teoria da aprendizagem musical
Educação infantil
Aprendizagem musical
Gordon, Edwin, 1927-2015 - crítica e interpretação
Issue Date: 26-Dec-2021
Citation: OLIVEIRA, Rafael Galvão de. Proposta de implementação da Teoria de Aprendizagem Musical de Edwin Gordon na Educação Infantil de acordo com os parâmetros da BNCC. 2021. 92 f., il. Dissertação (Mestrado em Música)—Universidade de Brasília, Brasília, 2021.
Abstract: O tema do presente estudo nasce devido a um contexto de insatisfação e questionamentos sobre a utilização da Música na Educação Infantil com diversos intuitos, muitos dos quais distantes dos temas específicos dessa linguagem, fazendo com que ela perca seu caráter expressivo, transformando-se em algo mecânico e estereotipado. Tem como objeto de estudo a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para a Educação Infantil e a Teoria de Aprendizagem Musical (TAM) de Edwin Gordon. Dessa forma, possui o objetivo geral de correlacionar a BNCC para a Educação Infantil com a TAM de Gordon por entender que esta teoria apresenta ricas informações dando orientações claras quanto o desenvolvimento musical da criança, facilitando a organização de possíveis propostas metodológicas para esse segmento. Relaciona os campos de experiência, os direitos de aprendizagem e desenvolvimento essenciais para crianças de 0 a 5 anos e 11 meses presentes na BNCC para a Educação Infantil com a TAM para recém-nascidos e crianças em idade pré-escolar de Gordon, destacando esquematicamente os tipos e estágios da Audiação Preparatória. São objetivos secundários descrever quais contribuições que a TAM pode proporcionar ao desenvolvimento das crianças da Educação Infantil, redimensionando a prática educacional neste nível de ensino; organizar e estruturar uma proposta metodológica de atuação da área de música da escola por meio da TAM. Delineia-se dentro de uma metodologia de abordagem qualitativa, de natureza básica, de método científico dedutivo, com objetivo exploratório. Quanto aos procedimentos técnicos foram utilizados a pesquisa bibliográfica e a pesquisa documental. Assim, foi possível a elaboração do estado do conhecimento sobre a temática através das publicações de alguns autores: Stavracas (2008), Loureiro (2010), Falcão (2016), Viana (2016), Oliveira (2016) os quais apontam elementos importantes que viabilizam, por meio de uma reflexão mais profunda, um diálogo com as políticas educacionais com a Educação Infantil e a aprendizagem musical. Abordam sobre a desarticulação entre o falar sobre Música e o fazer musical, o que aponta para usos e funções inadequados da prática pedagógico-musical, em desarmonia com a realidade da criança. Analisam sobre o sentido e o significado das práticas pedagógico-musicais no contexto da Educação Infantil sinalizam alguns problemas e limites, apontando, no entanto, possíveis caminhos para superá-los. Além desses, foram usados Santos (2013), Tormin (2014), Mariano (2015), Koga (2015), Bava (2015) os quais discutem a obra de Gordon, descrevendo a teoria desenvolvida por esse autor para a aprendizagem musical de recém-nascidos e crianças em idade pré-escolar. Apresentam o conceito de Audiação Preparatória, afirmando que a aprendizagem musical das crianças acontece por meio de processos similares àqueles relacionados à aprendizagem da fala. Frisam a importância de se iniciar uma orientação musical já na primeira infância, desde o nascimento. Como resultados da pesquisa, destacam-se que: em nosso país, garantir o direito da criança pequena a uma educação musical não é tarefa consolidada; a desinformação sobre a relevância de como se ocorre o processo de aprendizagem musical, na Educação Infantil, pode gerar grandes prejuízos para o desenvolvimento físico, cognitivo, emocional e social da criança; há grandes relações entre a BNCCEI e a Teoria de Aprendizagem Musical para recém-nascidos e crianças em idade pré- escolar de Edwin E. Gordon, já que ambas estão estruturadas no “como se aprende”, não no que deve ser aprendido; a TAM de Gordon pode proporcionar a construção de uma base sólida auditiva e interpretativa por meio do cantar, do movimentar-se e da aprendizagem dos padrões tonais e rítmicos, desenvolvendo-se, assim, a Audiação Preparatória.
Abstract: The theme of this study is born due to a context of dissatisfaction and questions about the use of Music in Early Childhood Education with different purposes, many of which are far from the specific themes of this language, causing it to lose its expressive character, becoming something mechanical and stereotyped. Its object of study is the Common National Curriculum Base (BNCC) for Early Childhood Education and the Music Learning Theory (MLT) by Edwin Gordon. Thus, it has the general objective of correlating the BNCC for Early Childhood Education with Gordon's MLT, as it is understood that this theory presents rich information giving clear guidance on the child's musical development, facilitating the organization of possible methodological proposals for this segment. It lists the fields of experience, essential learning and development rights for children aged 0-5 years and 11 months present at the BNCC for Early Childhood Education with MLT for Gordon's newborns and preschool children, schematically highlighting the types and stages of the Preparatory Hearing. Secondary objectives are to describe which contributions MLT can provide to the development of children in Early Childhood Education, resizing the educational practice at this level of education; organize and structure a methodological proposal for action in the school's music area through MLT. It is outlined within a qualitative approach methodology, of a basic nature, of a deductive scientific method, with an exploratory objective. As for the technical procedures, bibliographic research and documental research were used. Thus, it was possible to elaborate the state of knowledge on the subject through the publications of some authors: Stavracas (2008), Loureiro (2010), Falcão (2016), Viana (2016), Oliveira (2016) who point out important elements that they make possible, through a deeper reflection, a dialogue with educational policies such as Early Childhood Education and musical learning. They address the disarticulation between talking about music and making music, which points to inadequate uses and functions of the pedagogical-musical practice, in disharmony with the child's reality. They analyze the meaning and meaning of pedagogical-musical practices in the context of Early Childhood Education, pointing out some problems and limits, pointing out, however, possible ways to overcome them. In addition to these, Santos (2013), Tormin (2014), Mariano (2015), Koga (2015), Bava (2015), were used, which discuss Gordon's work, describing the theory developed by this author for the musical learning of newborns. -born and preschool-age children. They present the concept of Preparatory Audition, stating that children's musical learning takes place through processes similar to those related to speech learning. They emphasize the importance of starting a musical orientation in early childhood, from birth. As a result of the research, the following stand out: guaranteeing the right of young children to music education, in our country, is not a consolidated task; misinformation about the relevance of how the musical learning process takes place in Kindergarten can cause great harm to the child's physical, cognitive, emotional and social development; there are strong relationships between the BNCCEI and Edwin E. Gordon's Music Learning Theory for Newborns and Preschool Children, as both are structured on “how to learn”, not what should be learned; Gordon's MLT can provide the construction of a solid auditory and interpretive base through singing, moving and learning tonal and rhythmic patterns, thus developing the Preparatory Audition.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Artes, Departamento de Música, Programa de Pós-Graduação Música em Contexto, 2021.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:IdA - Mestrado em Música (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/42631/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.