Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/41486
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2021_MichelledeFariaNunes.pdf1,93 MBAdobe PDFView/Open
Title: A dimensão subjetiva da relação entre psicólogo escolar e professores na atuação pedagógica e institucional
Authors: Nunes, Michelle de Faria
metadata.dc.contributor.email: michelledefaria@gmail.com
Orientador(es):: Rossato, Maristela
Assunto:: Psicologia escolar
Teoria da subjetividade
Epistemologia qualitativa
Relações internacionais
Issue Date: 26-Jul-2021
Citation: NUNES, Michelle de Faria. A dimensão subjetiva da relação entre psicólogo escolar e professores na atuação pedagógica e institucional. 2021. xii, 249 f., il. Dissertação (Mestrado em Psicologia do Desenvolvimento e Escolar)—Universidade de Brasília, Brasília, 2021.
Abstract: A inserção do psicólogo escolar nos diversos contextos educativos coloca em evidência uma série de dificuldades teórico-metodológicas para atuação implicada com o desenvolvimento humano integral e com a qualidade dos processos educativos, emergentes em vários espaços, ações e relações institucionais. Neste trabalho propomo-nos a analisar como a configuração subjetiva da relação entre psicólogos e professores se expressa nas ações e relações do cotidiano escolar, reconhecendo que a qualidade desta relação é um elemento fundamental para que a atuação do psicólogo escolar possa ser articulada, contribuindo com os objetivos e metas da unidade escolar onde atua. A pesquisa foi realizada com base na perspectiva cultural-histórica, fundamentada pela Teoria da Subjetividade de González Rey. Para realização do momento teórico-empírico, empregou-se a Metodologia Construtivo-Interpretativa que encontra seus pressupostos na Epistemologia Qualitativa. Participaram desta pesquisa uma psicóloga escolar e três professoras de uma escola pública localizada no Distrito Federal, Brasil. O processo construtivo-interpretativo possibilitou compreender que a produção subjetiva constituinte da relação entre psicóloga escolar e professoras atua como fio condutor de ações e relações institucionais, nos espaços em que o encontro das propostas de trabalho, destes membros da comunidade escolar, se faz necessário para atendimento de demandas educativas. A produção subjetiva gerada nas dinâmicas dialógico-relacionais representa forças mantenedoras do status quo de uma educação bancária-depositária e da reprodução de concepções hegemônicas de desenvolvimento humano, assim como revela um lugar de escuta empática e profissional na subjetividade social da escola, tornando possível que as ações e relações institucionais possam operar na contramão da experiência de docência oprimida. A partir dessas construções, sinalizamos a necessidade de fortalecimento dos espaços dialógicos-relacionais como via para construção de dinâmicas colaborativas de trabalho que atuem em favor da educação libertária e emancipatória, comprometida com a transformação da sociedade para superação dos modelos de exclusão e opressão escolar.
Abstract: The insertion of the school psychologist in the different educational contexts highlights a series of theoretical and methodological difficulties for acting implied with integral human development and with the quality of educational processes, emerging in various spaces, actions and institutional relations. In this work we propose to analyze how the subjective configuration of the relationship between psychologists and teachers is expressed in the actions and relationships of the school routine, recognizing that the quality of this relationship is a fundamental element so that the performance of the school psychologist can be articulated, contributing with the objectives and goals of the school unit where it operates. The research was carried out based on the cultural-historical perspective, based on González Rey ́s Theory of Subjectivity. For the realization of the theoretical-empirical moment, the Constructive-Interpretative Methodology was used, which finds its assumptions in Qualitative Epistemology. A school psychologist and three teachers from a public school located in the Federal District, Brazil participated in this research. The constructive-interpretative process made it possible to understand that the subjective production that constitutes the relationship between school psychologist and teachers acts as the guiding thread of actions and institutional relations, in the spaces where the meeting of the work proposals, of these members of the school community, is necessary for meeting educational demands. The subjective production generated in the dialogical-relational dynamics represents forces that maintain the status quo of a banking-depository education and the reproduction of hegemonic conceptions of human development, as well as revealing a place of empathetic and professional listening in the social subjectivity of the school, making it possible that institutional actions and relations may operate against the experience of oppressed teaching. From these constructions, we signal the need to strengthen dialogical-relational spaces as a way to build collaborative work dynamics that act in favor of libertarian and emancipatory education, committed to the transformation of society to overcome models of exclusion and school oppression.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-Graduação em Psicologia do Desenvolvimento e Escolar, 2021.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:PGPDE - Mestrado em Psicologia do Desenvolvimento e Escolar (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/41486/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.