Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/40673
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_HamandaMaiaraNascimentoPontes.pdf2,46 MBAdobe PDFView/Open
Title: Visões de mundo e significados sobre o ensino médio : um estudo comparado com jovens estudantes do diurno e noturno no Distrito Federal
Authors: Pontes, Hamanda Maiara Nascimento
Orientador(es):: Weller, Wivian
Assunto:: Juventude
Gênero
Ensino médio
Ensino médio noturno
Grupos de discussão
Issue Date: 27-Apr-2021
Citation: PONTES, Hamanda Maiara Nascimento. Visões de mundo e significados sobre o ensino médio: um estudo comparado com jovens estudantes do diurno e noturno no Distrito Federal. 2020. 292 f., il. Dissertação (Mestrado em Educação) — Universidade de Brasília, Brasília, 2020.
Abstract: Este trabalho está vinculado à linha de pesquisa Estudos Comparados em Educação (ECOE) e ao Grupo de Pesquisa Gerações e Juventude (GERAJU), do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Brasília (UnB). O estudo teve como principal objetivo, compreender em que espaço de experiências se constituem as visões de mundo de jovens mulheres, estudantes do diurno e noturno de escolas públicas do Distrito Federal e quais significados sobre o ensino médio emergem de suas orientações coletivas e, mais especificamente, analisar como experiências biográficas combinam-se na vivência da escolarização durante a trajetória no ensino médio; compreender como as jovens, estudantes do diurno e noturno, percebem seus processos formativos no ensino médio e quais significados atribuem à escola e interpretar como estão delineados seus projetos de vida e profissionais. A pesquisa se inscreve no campo da pesquisa qualitativa reconstrutiva com interface nos aportes teórico-metodológicos da Sociologia do Conhecimento de Karl Mannheim, utilizando a Observação Participante e Grupos de Discussão como instrumentos de produção de dados e o Método Documentário para análise do corpus empírico. O trabalho de campo foi realizado em duas escolas localizadas nas regiões administrativas de Ceilândia e Taguatinga. Durante a estadia nas escolas foram realizados, além do trabalho de observação participante, 16 (dezesseis) grupos de discussão com jovens do sexo feminino matriculadas no terceiro ano do ensino médio, sendo que são apresentadas a análise de 4 (quatro) neste texto. A reconstrução dos dados empíricos revelou a existência de três tipos de orientação comuns aos grupos do diurno e noturno, conforme os cruzamentos analíticos indicaram: i) experimentação e autodescoberta; ii) estranhamento e iii) reconhecimento identitário. Em todos eles encontramos significados que apontam para o entendimento coletivo de que o ensino médio é uma fase de mudança, ruptura e a realocação (reposicionamento) no mundo e experimentação pendular de um lugar fronteiriço: o vácuo entre a juventude e a adultez.
Abstract: This work is linked to the research line Comparative Studies in Education (ECOE) and the Research Group Generations and Youth (GERAJU), of the Graduate Program in Education of the University of Brasilia (UnB). The main objective of the study was to understand in what space of experiences the worldviews of young women, daytime and nighttime students from public schools in the Federal District are constituted, and what meanings about high school emerge from their collective orientations and, more specifically, to analyze how biographical experiences are combined in the experience of schooling during the course of high school; to understand how young women, daytime and nighttime students, perceive their formative processes in high school and what meanings they attribute to school and interpret how their life and professional projects are outlined. The research is in the field of qualitative reconstructive research with an interface in the theoretical-methodological contributions of the Sociology of Knowledge of Karl Mannheim, using Participant Observation, the Discussion Groups as an instrument of data production and the Documentary Method for the analysis of the empirical corpus. The field work was carried out in two schools located in the administrative regions of Ceilândia and Taguatinga. During the stay in the schools, besides the participant observation work, 16 (sixteen) discussion groups with young women enrolled in the third year of high school were carried out, and the analysis of 4 (four) are presented in this text. The reconstruction of the empirical data revealed the existence of three types of orientation common to the day and night groups, as the analytical crossings indicated: i) experimentation and self-discovery; ii) strangeness and iii) identity recognition. In all of them we find meanings that point to the collective understanding that high school is a phase of change, rupture, and relocation (repositioning) in the world and pendulum experimentation of a frontier place: the vacuum between youth and adulthood.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2020.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).
Appears in Collections:FE - Mestrado em Educação (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/40673/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.