Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/39935
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CAPITULO_XeriscapingJardinsPublicos.pdf496,34 kBAdobe PDFView/Open
Title: Xeriscaping em jardins públicos de Fortaleza
Authors: Marques, João Luís Cândido
Sant'Ana, Daniel Richard
metadata.dc.identifier.orcid: https://orcid.org/0000-0002-9020-081X
Assunto:: Xeriscaping
Paisagismo urbano
Irrigação
Água - uso
Água - conservação
Issue Date: 2020
Publisher: Atena Editora
Citation: MARQUES, João Luís Cândido; SANT'ANA, Daniel. Xeriscaping em jardins públicos de Fortaleza. In: SILVA, Maria Elanny Damasceno (org.). Padrões ambientais emergentes e sustentabilidade dos sistemas 2. Ponta Grossa - PR: Atena Editora, 2020. p. 329-341. DOI: 10.22533/at.ed.471200511. Disponível em: https://www.atenaeditora.com.br/post-ebook/3636.
Abstract: Xeriscaping é o processo de paisagismo que elimina, ou reduz significativamente a demanda de água para irrigação de jardins pelo emprego de espécies nativas ou adaptáveis ao clima local. Em Fortaleza/CE, observa-se uma baixa presença de espécies nativas no espaço público, o que implica em uma série de complicações na manutenção de áreas verdes, pois essas espécies necessitam de cuidados expressivos na adaptação ao clima local por irrigação. Com isso, este trabalho teve como objetivo estimar a economia de água gerada pela implementação de técnicas de xeriscaping em jardins públicos de Fortaleza. Para tanto, simulamos a substituição das dez espécies exóticas mais utilizadas pela Prefeitura de Fortaleza por espécies nativas e, com isso, estimamos as reduções no consumo de água por espécie substituída e suas economias financeiras geradas. Resultados indicam que, de 135.955 espécies plantadas em 2019, apenas 3,67% eram nativas da caatinga e, se as dez espécies exóticas mais utilizadas fossem substituídas por espécies nativas, haveria uma redução equivalente a 63.690,36 m3/ano na demanda de água para irrigação suplementar, representando uma economia financeira de R$ 67.653,96 ao ano para a Prefeitura.
Abstract: Xeriscaping is a landscaping process that eliminates, or significantly reduces water demand for garden irrigation by employing native or adaptable species to the local climate. In Fortaleza, Brazil, there is little presence of native species in urban public gardens, which leads to a series of complications regarding maintenance, as these species require a significant amount of water in order to adapt to the local climate. This work aims to estimate water savings by the implementation of xeriscaping techniques in urban public gardens in Fortaleza. For this purpose, we simulated the replacement of ten exotic species most used by native species and, with this, we estimated reductions in water consumption and financial savings generated. Results indicate that, out of 135,955 species planted in 2019, only 3.67% were native to local climate and, if the ten most used exotic species were replaced by native species, there would be a reduction equivalent to 63,690.36 m3/yr in water demand, representing a financial saving equivalent to BRL 67,653.96 (USD 12,786.13) per year.
Licença:: Todo o conteúdo deste livro está licenciado sob uma Licença de Atribuição Creative Commons. Atribuição-Não-ComercialNãoDerivativos 4.0 Internacional (CC BY-NC-ND 4.0). Fonte: https://www.finersistemas.com/atenaeditora/index.php/admin/api/ebookPDF/3636. Acesso em: 20 jan. 2020.
DOI: 10.22533/at.ed.471200511
Appears in Collections:TEC - Livros e capítulos de livros

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/39935/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.