Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/39879
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_HenriqueAraújoLopes.pdf6,74 MBAdobe PDFView/Open
Title: Efeitos geoquímicos, mineralógicos e petrofísicos de soleiras máficas em rochas reservatório siliciclásticas da Bacia do Parnaíba : implicações para o sistema petrolífero
Authors: Lopes, Henrique Araújo
Orientador(es):: Santos, Roberto Ventura
Coorientador(es):: Cruz, Carlos Emanoel de Souza
Assunto:: Bacia do Parnaíba
Reservatórios
Hidrotermalismo
Diagênese
Rochas - análise
Issue Date: 12-Jan-2021
Citation: LOPES, Henrique Araújo. Efeitos geoquímicos, mineralógicos e petrofísicos de soleiras máficas em rochas reservatório siliciclásticas da Bacia do Parnaíba : implicações para o sistema petrolífero. 2019. 114 f., il. Dissertação (Mestrado em Geologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: Rochas ígneas intrusivas compõem sistemas petrolíferos ígneo-sedimentares atípicos em bacias sedimentares. Na bacia do Parnaíba, as rochas ígneas são responsáveis pela maturação das rochas geradoras, atuam como camadas selantes e formam estruturas de trapeamento. Além disso, este estudo propõe que as rochas ígneas intrusivas e a migração de fluidos hidrotermais a elas associada afetem as rochas reservatório da bacia. A composição mineralógica das rochas reservatório é alterada por uma mineralização autigênica associada à migração de fluidos hidrotermais concentrados em meios permeáveis e limitados por barreiras hidráulicas. Assim, a história diagenética dos sedimentos estudados foi dividida em três fases: 1) soterramento progressivo normal; 2) induzida por mecanismos de transferência de calor e massa associados às rochas ígneas mesozoicas; 3) telodiagenêse. A segunda fase é caracterizada pelas maiores mudanças mineralógicas e químicas dos sedimentos estudados que é marcada pelo aumento na composição modal de clorita, pirita, albita, calcita e óxidos de ferro e sulfetos menores proporções. Esta fase também está associada a formação de três tipos de fraturas hidráulicas. Os dados de geotermometria de clorita geraram dois plateaus de temperaturas médias, 150°C ±49 e 250°C ±37, que indicam que as temperaturas máximas anômalas para um contexto de soterramento progressivo apenas. Dados de isótopos estáveis de C, O em calcita e S em pirita em amostras de rochas ígneas e sedimentares sugerem origem predominantemente magmática para estes elementos em ambos os casos. Dados petrofísicos sugerem que houve diminuição da qualidade do reservatório em direção a rocha ígnea e nos níveis em que há maior mineralização autigênica. Com isso, dados petrológicos, geotermométricos e de isótopos estáveis indicam uma assinatura hidrotermal associado aos efeitos das rochas intrusivas nas rochas reservatório. A mineralização induzida por hidrotermalismo preenchem os principais espaços porosos, as fraturas hidráulicas e um melhor entendimento dos processos associados tem aplicações para diminuir os riscos exploratórios e de produção. As sugestões apresentadas neste trabalho podem ser aplicadas aos sistemas petrolíferos atípicos ígneo-sedimentares da Bacia do Parnaíba e demais bacias análogas ao redor do mundo.
Abstract: In many sedimentary basins with hydrocarbon exploration and production, igneous intrusions add some complexity to atypical igneous-sedimentary petroleum systems. In the Parnaíba basin, igneous intrusions generate the main trap and seal structures and trigger organic matter maturation when intruded within source rocks. This study presents petrographic, chlorite geothermometer, stable isotopes (C, O, and S) and petrophysical (K and Φ) analysis on samples collected from a shallow well core (337.5 m) in the Parnaíba Basin. Based on these data and the literature, the diagenetic history of the studied sedimentary sequence was divided into three phases: 1) normal burial diagenesis; 2) heat flow and hydrothermally induced diagenesis; and 3) telodiagenesis. The second phase is marked by a change in bulk mineral composition with an increase in chlorite, pyrite, calcite, illite, albite and minor iron oxides content compared to similar sedimentary interval in the literature. In addition, three types of hydrofracturing structures are described and their non-stratabound interconnection may have implications to increase in reservoir permeability. Temperature formation of chlorite resulted in two average temperature plateaus of 150°C ±49 and 250°C ±37 that are much higher than those expected for progressive burial diagenesis. Stable isotopic data of calcite and pyrite samples collected from sedimentary rocks suggest a major C and S isotopic magmatic source. In conclusion, stable isotope, geothermometry, petrological and petrophysical data shows a hydrothermal alteration fingerprints on reservoir rocks. Discussed petroleum system implications and insights brought by this study can be applied to the Parnaíba basin and analogue basins worldwide with atypical igneous-sedimentary petroleum systems to decrease exploratory and production risks.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, Programa de Pós-Graduação em Geologia, 2020.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos (Finatec).
Appears in Collections:IG - Mestrado em Geologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/39879/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.