Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/39807
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_RodrigoPereiradaSilva.pdf1,36 MBAdobe PDFView/Open
Title: Sentido e significação em Psicanálise : reflexões quanto ao processo metafórico
Authors: Silva, Rodrigo Pereira da
metadata.dc.contributor.email: silvarp@gmail.com
Orientador(es):: Martins, Francisco Moacir de Melo Catunda
Assunto:: Sonhos - significação
Relações familiares
Representações psíquicas
Semântica
Issue Date: 28-Dec-2020
Citation: SILVA, Rodrigo Pereira da. Sentido e significação em Psicanálise: reflexões quanto ao processo metafórico. 2020. 241 f., il. Tese (Doutorado em Psicologia Clínica e Cultura)—Universidade de Brasília, Brasília, 2020.
Abstract: A presente tese analisa a forma como o sentido do sonho se articula com o processo de atribuição de significado no relato do sonho. Propõe-se que o sentido e o significado se unem por meio das representações inerentes às funções sintáticas. O método utilizado nesta pesquisa é o histórico-conceitual. Neste trabalho o termo sentido é tomado como a direção conferida às representações psíquicas do Desejo que motivam a formação onírica. Esta direção pode ser reconstruída por meio da aplicação do Método de Associação Livre ao Conteúdo Manifesto do sonho. A aplicação deste método leva Freud a discriminar as regras de funcionamento do Inconsciente. Bem como diferenciá-las das regras que identificam os sistemas Pré-Consciente e Consciente. Nestes dois sistemas a capacidade de expressão por meio da sintaxe e a capacidade de formulação de leis abstratas se fazem presentes. O processo de cura pela fala apoia-se nesta relação, posto que é possível atualizar o sentido das vivências infantis, atribuindo-lhes novos significados por meio da fala. Ao longo da tese é problematizada as analogias feitas pelos pensadores Roman Jakobson e Jacques Lacan acerca da forma com que a significação interage com o significante. Nesta tese propõe-se uma correlação entre os saberes linguístico e psicanalítico de forma que sejam resguardados os limites epistemológicos de ambos, bem como a noção tópica do aparelho psíquico freudiano. Neste contexto, definem-se dois conceitos, a saber, Metáfora Primária e Secundária ou, respectivamente, Transporte de Sentido e Transporte de Significação. Dado esse problema, busca-se explicitar o processo de atos mentais que marcam a conjunção entre o sentido e a significação sob um viés linguístico-psicanalítico. O caráter sincrônico e processual da fala é destacado, chegando-se à conclusão de que as representações inerentes às funções sintáticas são os fatores que viabilizam a união do sentido ao significado.
Abstract: The present thesis analyzes the way in which the sense (existential direction) of the dream articulates with the process of semantic meaning in the act of telling the dream. It is proposed that the link that connect both is the representations inherent to syntactic functions. The method used in this research is historical-conceptual. In this work, the term sense is taken as a direction given to the psychic representations of Desire that motivate the dream work. This direction can be reconstructed through the application of the Free Association Method to the Manifest Content of the dream. The application of this method leads Freud to discriminate the rules of operation of the Unconscious. As well as differentiate the rules that identify the Pre-Conscious and Conscious systems. That two are caracterized by the ability to express themselves through syntax and the ability to apply abstract laws to present. The speech healing process is supported by this relationship, since it is possible to update the direction of children's experiences, giving them new meanings through the medium of speech. For a long time, these problems are problematized as analogies made by thinkers Roman Jakobson and Jacques Lacan about the way in which signification interacts with the significant. In this article, a correlation between linguistic and psychoanalytical knowledge is presented so that they are protected by the epistemological limits of both, as well as the classic notion of the Freudian psychic apparatus. In this context, we define two concepts, Primary and Secondary Metaphor or, respectively, Sense Transport and Meaning Transport. Given this problem, explicitly research the process of mental acts that mark a conjunction between sense and signification under another linguistic-psychoanalytic perspective. The synchronic and procedural character of speech is highlighted, coming to the conclusion that the representations inherent to syntactic functions are the factors that enable the union of sense (existential direction) and meaning.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica e Cultura, 2020.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
Appears in Collections:PCL - Doutorado em Psicologia Clínica e Cultura (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/39807/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.