Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/3973
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2009_AnaCristinadosSantos.pdf1,97 MBAdobe PDFView/Open
Title: Custo com assistência de pacientes internados em unidade de terapia intensiva de um hospital público de nível terciário, Distrito Federal, 2008
Authors: Santos, Ana Cristina dos
Orientador(es):: Monteiro, Pedro Sadi
Assunto:: Cuidados médicos
Unidade de tratamento intensivo
Hospitais públicos
Distrito Federal (Brasil)
Issue Date: 3-Jul-2009
Citation: SANTOS, Ana Cristina dos. Custo com assistência de pacientes internados em unidade de terapia intensiva de um hospital público de nível terciário, Distrito Federal, 2008. 2009. 103 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde)—Universidade de Brasília, Brasília, 2009.
Abstract: Introdução: Este estudo teve como objetivo analisar os custos diretos com assistência de pacientes em unidades de terapia intensiva (UTI), no Hospital de Base do Distrito Federal, em 2008 e verificar taxa de permanência dos pacientes de acordo com diagnóstico e motivos de saída. Estimar custos com assistência prestada pelas equipes de enfermagem, médica, nutrição e fisioterapia com intuito de viabilizar a economia em saúde. Método: Empregou-se um estudo do tipo descritivo transversal que avaliou os prontuários de pacientes internados em unidades de terapia intensiva no período de 01/10 à 31/12/2008, envolvendo uma amostra de 177 prontuários. Na análise dos dados utilizou-se o Programa Estatístico SPSS 17. Resultados: a média de internação nas unidades variou entre 4, 8 e 11 dias. Com respeito à saída, a alta por melhora teve maior freqüência de 123 (100%) dos prontuários, com destaque para a Pediatria que apresentou 52 (42,2%), seguido da Coronária 44 (35,7%), Trauma 24 (19,5%) e Geral 3 (2,4%). Os gastos com assistência de todas as unidades foram de R$ 916.572,02; os gastos por paciente foram de R$ 5.178,30. A unidade Pediátrica teve o maior gasto R$ 368. 137,02; seguida pela unidade Trauma com R$ 212.318,58; e respectivamente Coronariana e Geral com R$ 165.129,12 e R$ 163.296,14. Os Custos com recursos humanos em terapia intensiva são mais onerosos na assistência ao paciente crítico chegando a 87% dos gastos. Os custos com diárias dos pacientes são superiores ao que é pago pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para UTI de nível terciário, ou seja, R$ 737,98. Conclusões: O custo de diária pago pelo SUS não cobre os gastos da assistência. O maior contingente de servidores é de auxiliar de enfermagem e a unidade com maior contingente foi a Pediatria. O maior salário foi da categoria dos médicos, apesar de apresentar número menor do que os auxiliares de enfermagem. Os maiores custos são com os salários dos servidores. Identificou-se que o maior tempo de internação dos pacientes foi na unidade Geral, seguido do Trauma, Pediatria e Coronária; quanto ao quadro nosológico o Traumatismo foi a que mais permaneceram em dias de internação. _________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT
Introduction: This study it had as objective to evaluate costs with the internment of patients in units of intensive therapy, in the Hospital of Base of the Federal District in 2008, to verify tax of permanence of the patients in accordance with diagnostic and reasons of exit; to calculate costs with assistance given for the nursing teams, doctor, nutrition and fisioterapia. Method: One is about one, transversal descriptive study that evaluated it handbooks of the patients interned in intensiva therapy in the period of 10/01 to the 12/31/2008, with sample of 177 handbook where the internment was of 1 day to the 37 days, fashion and 1 day and medium of 5 days. Results the average of days of internment in the units it varied between the minor 4,8 days and greater 11. Is distinguished that the high one for improvement had greater occurrence 123(100%), being that the Pediatrics presented greater frequency 52 (4.2%), followed of Coronary the 44 (35.7%), Trauma 24 (19.5%) and Generality 3 (2.4%). The expenses with all the units are R$ 916,572, 02, value for each patient are R$ 5,178, 30. The Pediatric unit had the expense biggest in the value of R$ 368. 137,02, after that it comes the unit Trauma with R$ 212,318, 58, and respectively Coronariana and generality with R$ 165 129,12 and R$ 163 296,14. The human resources in intensive therapy are more onerous in the assistance to the critical patient arriving in this study 87% of the expenses. Conclusion must originate more studies so that it can better subsidize all that work with intensive therapy. Methodology: . The statistic software SPSS 17 was used in the analysis. Conclusion: the costs of daily paid for the only system of health do not cover the expenses of the assistance, the contingent greater of servers is of nurse aid and the unit with contingent greater was the Pediatrics, the biggest wage was of the category of the doctors, although it present lesser number of what the nurse aid, the biggest costs are with the wages of the servers, the general unit was the one that more time the patients hade remained interned, followed of the trauma, coronary, pediatrics and the nosologic picture trauma was the one that had more remained in days of internment.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2009.
Appears in Collections:FS - Mestrado em Ciências da Saúde (Dissertações)
UnB - Brasília 50 anos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/3973/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.