Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/39224
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_NazaréAlvesBarbosa.pdf8,41 MBAdobe PDFView/Open
Title: Vulcanismo Orosiriano no norte de Roraima, Cráton Amazônico
Authors: Barbosa, Nazaré Alves
Orientador(es):: Fuck, Reinhardt Adolfo
Coorientador(es):: Souza, Valmir da Silva
Assunto:: Vulcanismo
Roraima (Estado)
Geoquímica
Geocronologia
Cráton Amazônico
Geologia regional
Citation: BARBOSA, Nazaré Alves. Vulcanismo Orosiriano no norte de Roraima, Cráton Amazônico. 2020.109 f., il. Dissertação (Mestrado em Geologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2020.
Abstract: Os estudos realizados nas sequências vulcânicas do Grupo Surumu e Formação Cachoeira da Ilha são produtos de levantamentos geológicos regionais. Diante da escassez de dados litofaciológicos e isotópicos dessas unidades, este trabalho buscou compreender o modo e momento de colocação dos termos vulcânicos expostos no noroeste de Roraima, norte do Brasil, relação entre eles e contextualização quanto a grandes províncias ígneas ao longo do Proterozoico. Tais indagações foram tentativamente respondidas a partir da caracterização faciológica e petrográfica, suportada por dados geoquímicos e geocronológicos. A definição das fácies piroclásticas permitiu entender que o grande volume de ignimbritos é resultado da junção de complexos de caldeiras, como já defendido para este vulcanismo em outras porções, e por erupções explosivas de baixas colunas eruptivas, provavelmente associadas a vulcanismo fissural. A correlação entre as diversas fácies mostrou ainda a proximidade com à fonte emissora do material piroclástico a superfície. Com suporte de dados geoquímicos, é inferido um contexto pós-colisional precoce para as rochas aflorantes no norte de Roraima, com movimentos extensionais locais. A contemporaneidade entre as rochas com afinidades tipo-I e A (2,0-1,98 Ga), bem como sua relação com o cinturão Cauarane-Coeroeni e possível posicionamento na fase tardia da Orogenia Transamazônica, suportam essa ideia. Apesar de não conclusiva, a ocorrência disseminada de fragmentos máficos em diversos segmentos do cinturão CSID (Cuchivero-Surumu-Iwokrama-Dalbana), bem como registros de diques máficos de mesma idade (1,99 Ga) em outras porções do Escudo das Guianas, sugere a coexistência de magmas máficos, provável fonte de calor responsável por gerar a grande quantidade do vulcanismo silícico que ocorre em Roraima, assim como em outras regiões do Escudo das Guianas. Os dados isotópicos (TDM 2,0-2,47 Ga; εNd -2,3 e +0,5 a +3,47) indicam que, ao menos em Roraima, as rochas vulcânicas representam magmas derivados do manto ou de fusão de crosta juvenil riaciana-sideriana sem envolvimento de fontes arqueanas. Similaridades com silicic large igneous provinces (SLIP) proterozoicas, assim como a distribuição areal dos depósitos de ignimbrito, intervalo das idades e assinaturas geoquímicas, sugerem que o evento Orocaima configura uma SLIP que ocorreu no Paleoproterozoico e, portanto, uma das mais antigas já descritas. Tais características permitem ainda considerar que o evento Orocaima corresponda a possível evento flare-up de ignimbrito nessa era.
Abstract: The studies carried out on the volcanic sequences of the Surumu Group and the Cachoeira da Ilha Formation are products of regional geological surveys. In view of the scarcity of lithofaciological and isotopic data from these units, this study aimed to understand the manner and timing of the emplacement of the volcanic rocks exposed in the northwest of Roraima, northern Brazil, their relationship and contextualization regarding large igneous provinces throughout the Proterozoic. These questions were tentatively answered from the faciological and petrographic characterization, supported by geochemical and geochronological data. The definition of pyroclastic facies allowed to understand that the large volume of ignimbrites resulted from the combination of caldera complexes, as already proposed for this volcanism in other portions, and by explosive eruptions of low eruptive columns probably associated with fissural volcanism. Correlation between the different facies also showed the proximity to the source of the pyroclastic material on the surface. Supported by geochemical data, this work proposes a tectonic setting related to an early post-collisional setting is inferred for the outcropping rocks in the north of Roraima, with local extension movements. The contemporaneity of among I and –A-type rocks (2,0-1,98 Ga), as well as their relationship with the Cauarane-Coeroeni belt and possible positioning in the late phase of the Transamazonian Orogeny, support this idea. Although not conclusive, the widespread occurrence of mafic fragments in various segments of the Cuchivero-Surumu-Iwokrama-Dalbana belt (CSID), as well as records of mafic dikes of the same age (1.99 Ga) in other portions of the Guiana Shield, suggests the coexistence of mafic magmas which are the probable heat source responsible for generating the great amount of silicic volcanism that occurs in Roraima, as already mentioned for other regions of the Guiana Shield. The isotopic data (TDM 2,0-2,47 Ga; εNd -2,3 and +0,5 to +3,47) indicate that, at least in Roraima, the parental magma of the volcanic rocks derived from the mantle or from melting of juvenile Rhyacian-Siderian crust, without involvement of Archean sources. Similarities with Proterozoic Silicic Large Igneous Province (SLIP), as well as the area distribution of ignimbrite deposits, age range and geochemical signatures suggest that the Orocaima event may be a SLIP that occurred in the Paleoproterozoic and, therefore, one of the oldest ever described. Such characteristics also allow to consider that the Orocaima event corresponds to a possible ignimbrite flare-up event during this era.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, Programa de Pós-Graduação em Geologia, 2020.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Agência financiadora: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Nível Superior (CAPES).
Appears in Collections:IG - Mestrado em Geologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/39224/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.