Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/38974
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_WagnerLopesDias.pdf1,57 MBAdobe PDFView/Open
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorReyes Junior, Edgar-
dc.contributor.authorDias, Wagner Lopes-
dc.date.accessioned2020-07-03T19:27:19Z-
dc.date.available2020-07-03T19:27:19Z-
dc.date.issued2020-07-03-
dc.date.submitted2020-02-28-
dc.identifier.citationDIAS, Wagner Lopes. Análise dos influenciadores dos parlamentares : um estudo comparado. 2020. 110 f., il. Dissertação (Mestrado em Administração)—Universidade de Brasília, Brasília, 2020.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.unb.br/handle/10482/38974-
dc.descriptionDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Programa de Pós-Graduação em Administração, 2020.pt_BR
dc.descriptionDissertação apresentada ao Mestrado em Administração Pública da Universidade Nacional do Litoral - Argentina, em programa de dupla titulação, como requisito parcial à obtenção do título de mestre em Administração Pública pela Universidade Nacional do Litoral. Orientador: Professor Dr. Bruno Ariel Rezzoagli (MAP-UNL).pt_BR
dc.description.abstractA atividade parlamentar envolve a deliberação de projetos sobre várias matérias que impactam em toda a sociedade. Se, de um lado, os parlamentares precisam de informação para construir seus posicionamentos, de outro, os diversos atores sociais buscam influenciar tais posicionamentos na direção de seus interesses. Há componentes culturais na influência social o que suscita questionamentos de como o ambiente impacta na relação legislador/influenciador. A distância entre os atores influencia na confiança e que pode diferenciar o fenômeno em função da esfera de poder. Assim, o objetivo do presente trabalho é descrever a contribuição dos influenciadores no processo decisório de parlamentares regionais. Com uma abordagem qualitativa e apoiada nas Teorias da Influência Social e do Ator-Rede (ANT), a pesquisa investigou os relacionamentos dos deputados distritais brasileiros e dos deputados provinciais de Santa Fé - Argentina com seus influenciadores. As informações coletadas nas 15 entrevistas foram analisadas com o emprego da Análise de Conteúdo e da Análise Textual (Classificação Hierárquica Descendente – DHC e Análise de similitude). Dentre os principais resultados há o reconhecimento do ordenamento jurídico como um influenciador que interage com os demais atores em um espaço específico, o espaço das normas legais. O cidadão e a base eleitoral foram classificados como atores não humanos. As redes sociais são relevantes na atividade parlamentar, mas como canal de comunicação e não como influenciador. Foram evidenciados três espaços onde a influência é exercida, além do espaço físico e o espaço das normas legais, também há o espaço político. Quanto aos mecanismos da influência, os parlamentares, as lideranças e os partidos utilizam a maior variedade. Foi evidenciado ainda que os parlamentares brasileiros da amostra são mais sensíveis a influenciadores no nível individual, enquanto os argentinos atribuem maior poder às organizações e às normas legas. A principal contribuição teórica foi a utilização da ANT e da Teoria da Influência Social na identificação dos influenciadores e caracterização da ação de influência. Do ponto de vista empírico, a contribuição mais importante é a comparação de parlamentares de uma região historicamente consolidada com os de outra onde a identidade local ainda está em formação.pt_BR
dc.language.isoPortuguêspt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.titleAnálise dos influenciadores dos parlamentares : um estudo comparadopt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.subject.keywordDeputados - rede de relacionamentospt_BR
dc.subject.keywordDeputados distritais - Brasilpt_BR
dc.subject.keywordDeputados provinciais - Santa Fé (Argentina)pt_BR
dc.rights.licenseA concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.pt_BR
dc.description.abstract1Parliamentary activity involves the deliberation of projects on various matters that have an impact on society as a whole. If, on one hand, parliamentarians need information to build their positions, on the other, the different social actors seek to influence these positions in the direction of their interests. There are cultural components to social influence, which raise questions about how the environment impacts the legislator/influencer relationship. The distance between the actors influences trust and can differentiate the phenomenon depending on the sphere of power. Thus, the aim of this paper is to describe the contribution of influencers in the decision-making process of regional parliamentarians. With a qualitative approach and supported by Social Influence and Actor-Network (ANT) Theories, the research investigated the relationships between Brazilian district deputies and Santa Fe – Argentina provincial deputies with their respective influencers. The information collected in the 15 interviews was analyzed using Content Analysis and Textual Analysis (Descending Hierarchical Classification – DHC and Similarity Analysis). Among the main results, there is the recognition of the legal system as an influencer which interacts with other actors within the space of legal norms. The citizen and the electoral base were classified as non-human actors. Social networks are relevant in parliamentary activity, but as a channel of communication and not as an influencer. Three spaces were highlighted where influence is exercised, in addition to the physical space and the space of legal norms, there is also the political space. As for the mechanisms of influence, parliamentarians, leaders and parties use the greatest variety. It was also shown that the Brazilian parliamentarians in the sample are more sensitive to influencers at the individual level, while the Argentines attribute greater power to organizations and legal norms. The main theoretical contribution was the use of ANT and the Social Influence Theory to identify influencers and characterize the influence action. From an empirical point of view, the most important contribution is the comparison of parliamentarians from a historically consolidated region with those from another where the local identity is still in formation.pt_BR
dc.description.abstract2La actividad parlamentaria implica la deliberación de proyectos sobre diversos asuntos que impactan en toda la sociedad. Si, por un lado, los parlamentarios necesitan información para construir sus posiciones, por otro, los diferentes actores sociales buscan influir en dichas posiciones de acuerdo a sus intereses. Existen componentes culturales en la influencia social, lo que plantea cuestionamientos sobre cómo el ambiente impacta en la relación legislador-influenciador. La distancia entre los actores influye en la confianza y puede diferenciar el fenómeno dependiendo de la esfera de poder. Por lo tanto, el objetivo del presente trabajo es describir la contribución de los influenciadores en el proceso de toma de decisiones de los parlamentarios regionales. Con un enfoque cualitativo y apoyada en las teorías de la Influencia Social y del Actor-Red (ANT), la investigación analizó las relaciones entre los diputados distritales brasileños y los diputados provinciales de Santa Fe - Argentina con sus influenciadores. La información recopilada en las 15 entrevistas fue analizada mediante Análisis de contenido y Análisis textual (Clasificación jerárquica descendente - DHC y Análisis de similitud). Entre los principales resultados, está el reconocimiento del sistema legal como un influenciador que interactúa con otros actores en un espacio específico, el espacio de las normas legales. El ciudadano y la base electoral fueron clasificados como actores no humanos. Las redes sociales son relevantes en la actividad parlamentaria, pero como un canal de comunicación y no como influenciador. Se destacaron tres espacios donde se ejerce influencia, además del espacio físico y el espacio de las normas legales, también está el espacio político. En cuanto a los mecanismos de influencia, los parlamentarios, líderes y partidos utilizan la mayor variedad. También se demostró que los parlamentarios brasileños de la muestra son más sensibles a influenciadores a nivel individual, mientras que los argentinos atribuyen un mayor poder a las organizaciones y normas legales. La principal contribución teórica fue el uso de ANT y la Teoría de la Influencia Social para identificación de los influenciadores y la caracterización de la acción de influencia. Desde un punto de vista empírico, la contribución más importante es la comparación de parlamentarios de una región históricamente consolidada con aquellos de otra donde la identidad local todavía está en formación.pt_BR
Appears in Collections:PPGA - Mestrado em Administração (Dissertações)

Show simple item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/38974/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.