Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/38924
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_HugodeOliveiraBarbosa.pdf3,1 MBAdobe PDFView/Open
Title: Alternativas para o biomonitoramento em riachos do cerrado com comunidades aquáticas
Authors: Barbosa, Hugo de Oliveira
Orientador(es):: Vieira, Ludgero Cardoso Galli
Coorientador(es):: Teresa, Fabrício Barreto
Assunto:: Biomonitoramento
Monitoramento ambiental
Conservação da natureza
Riachos
Bacias hidrográficas
Cerrados
Ecologia - Cerrados
Citation: BARBOSA, Hugo de Oliveira. Alternativas para o biomonitoramento em riachos do cerrado com comunidades aquáticas. 2020. 96 f., il. Tese (Doutorado em Ciências Ambientais)—Universidade de Brasília, Brasília, 2020.
Abstract: Os ecossistemas aquáticos são afetados pelas mudanças ambientais ocorridas nos últimos séculos. Além dessas mudanças, as ações antrópicas (p. ex., uso do solo, barramentos de rios) têm alterado processos naturais, ameaçando a integridade ecológica dos ambientes aquáticos. Por isso, o monitoramento biológico com comunidades aquáticas (p. ex., fitoplâncton e peixes) é importante para entender como elas respondem a esses impactos ambientais e é fundamental para subsidiar ações de manejo e políticas de conservação. Na presente tese, foi desenvolvido dois capítulos distintos, com objetivo geral de propor alternativas para o biomonitoramento em riachos do Cerrado. O primeiro capítulo (C1) teve como objetivo geral avaliar a concordância da ordenação espacial entre comunidades de peixes e fitoplâncton de riachos por meio de quatro estratégias para simplificar o processo de biomonitoramento (grupo substituto, resolução taxonômica e numérica, e grupo substituto ecológico). O segundo capítulo (C2), teve como objetivo desenvolver um Índice de Integridade Biótica (IIB) para avaliar o estado de conservação de riachos do Cerrado da bacia do alto rio Tocantins. Riachos de primeira a terceira ordem foram amostrados no bioma Cerrado, pertencentes a bacia do alto rio Tocantins. Para o C1, foram amostrados peixes e fitoplâncton em 29 riachos, e para o C2, foram amostrados peixes em 48 riachos. No C1, observamos que o uso de níveis taxonômicos mais altos (gênero e família) e o uso de apenas a ocorrência de espécies e/ou gêneros é possível para o biomonitoramento considerando as comunidades de peixes e fitoplâncton. Para peixes, o uso do habitat e guilda trófica são bons substitutos para dados em nível de espécies. Nossos resultados contribuem para a redução dos custos e do tempo das avaliações dos programas de biomonitoramento e/ou dos planos de conservação com comunidades de peixes e fitoplâncton em riachos de cabeceira. No C2, desenvolvemos um IIB com seis métricas (riqueza relativa de Perciformes, riqueza relativa de Characiformes e Siluriformes, abundância relativa de Characiformes e Siluriformes, abundância relativa de Characidae, riqueza relativa de bentônicos e riqueza relativa de nectobentônicos). As métricas selecionadas representam respostas diferentes à interferência antropogênica e foram sensíveis às principais pressões humanas observadas na região do estudo. Consideramos que o estado de conservação de riachos na bacia do alto rio Tocantins pode ser efetivamente monitorado pelo IIB desenvolvido com informações da ictiofauna. Por fim, estes trabalhos podem contribuir com o monitoramento biológico utilizando peixes e fitoplâncton em riachos, facilitando a prática em campo em relação ao processamento de dados e na avaliação do estado de conservação dos riachos.
Abstract: Aquatic ecosystems are affected by environmental changes that have occurred in recent centuries. Anthropic actions (e.g., land use, river dams) have altered natural processes and threaten the aquatic environments ecological integrity. Biological monitoring using aquatic communities (e.g., phytoplankton and fish) is important to understand how they respond to environmental impacts and is essential to provide subsidies for management actions and conservation policies. In this thesis, two distinct chapters were developed with the general objective of proposing alternatives for biomonitoring in Cerrado streams. The first chapter (C1) aimed to evaluate the spatial ordering concordance among fish and phytoplankton communities of streams through four strategies to simplify the biomonitoring process (surrogate group, taxonomic and numerical resolution, and ecological surrogate group). The second chapter (C2) aimed to develop an Index of Biotic Integrity (IBI) to assess the conservation status of Cerrado streams in the upper Tocantins river basin. Streams ranging from first to third order were sampled in the Cerrado biome, upper Tocantins river basin. For the C1, fish and phytoplankton were sampled in 29 streams, and for the C2, fish were sampled in 48 streams. In the C1, we noted that the use of higher taxonomic levels (genus and family) and the use of only the occurrence of species and/or genus is possible to biomonitoring using fish and phytoplankton communities. For fish, habitat use and trophic guild are good surrogates for species level data. Our findings contribute to decreasing the costs and time of biomonitoring programs assessments and/or conservation plans on fish and phytoplankton communities of headwater streams. In the C2, we developed an IBI with six metrics (relative richness of Perciformes, relative richness of Characiformes and Siluriformes, relative abundance of Characiformes and Siluriformes, relative abundance of Characidae, relative richness of benthics and relative richness of nektobenthics). The selected metrics represent different responses to anthropogenic interference and were sensitive to the main human pressures observed in the study region. We consider that the streams conservation status in the upper Tocantins river basin can be effectively monitored by IBI developed with information from the ichthyofauna. Finally, these studies can contribute to biological monitoring of fish and phytoplankton in streams, facilitating the practice in field in relation to data processing and assessment of the conservation status of streams.
Description: Tese (Doutorado em Ciências Ambientais)—Universidade de Brasília, Faculdade UnB - Planaltina, Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais, Planaltina, 2020.
Appears in Collections:FUP - Doutorado em Ciências Ambientais

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/38924/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.