Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/38508
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_TamaraSilvaDantas.pdf704,31 kBAdobe PDFView/Open
Title: DNA – Barcode de Metzgeria Raddi (Marchantiophyta) do Brasil
Authors: Dantas, Tamara Silva
Orientador(es):: Câmara, Paulo Eduardo Aguiar Saraiva
Assunto:: Briófitas
Discriminação de espécies
Marcadores moleculares
Metzgeriaceae
Citation: CÂMARA, Tamara Silva. DNA – Barcode de Metzgeria Raddi (Marchantiophyta) do Brasil. 2019. 101 f. Tese (Doutorado em Botânica)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: As briófitas, latu sensu, são o segundo maior grupo de plantas terrestres em número de espécies, ficando atrás apenas das angiospermas e são compostas por três linhas evolutivas: Anthocerotophyta, Marchantiophyta e Bryophyta. Esses grupos são altamente diversos e podem ocorrer em uma ampla variedade de ambientes. A identificação e delimitação de espécies de briófitas são tarefas complicadas porque são plantas muito pequenas, com caracteres morfológicos limitados e muitas vezes variáveis. As hepáticas (Marchantiophyta) possuem 5.200 espécies, das quais 664 ocorrem no Brasil. Dentro deste grupo está o gênero Metzgeria, pertencente à família Metzgeriaceae. O gênero apresenta espécies com grande variedade morfológica o que dificulta sua identificação. No Brasil, são registradas 27 espécies de Metzgeria, das quais seis são endêmicas. As ferramentas moleculares para auxiliar na identificação de organismos têm sido cada vez mais utilizadas e facilitaram a circunscrição de espécies. Portanto, foi realizada uma revisão dos estudos moleculares realizados no Brasil e o uso de DNA como barcode para briófitas. Além disso, três regiões do DNA (trnLF, trnG e ITS) foram avaliadas como uma ferramenta de DNA barcode para Metzgeria. Os resultados indicaram que esses três marcadores moleculares podem ser eficientes na discriminação de espécies desse grupo, sendo potenciais DNA barcode para este grupo e, podendo também, ser testados em outros grupos de plantas.
Abstract: The bryophytes, latu sensu, are the second largest group of terrestrial plants in number of species, being behind only the angiosperms and are composed of three evolutionary lines: Anthocerotophyta, Marchantiophyta and Bryophyta. These groups are highly diverse and can occur in a wide variety of environments. The identification and delimitation of bryophyte species are complicated tasks because they are very small plants with limited, and often variable, morphological characters. The liverworts (Marchantiophyta) have 5, 200 species, of which 664 occur in Brazil. Within this group is the genus Metzgeria, belonging to the Metzgeriaceae family. The genus presents species with a wide morphological variety, making identification difficult. In Brazil, 27 species of Metzgeria are recorded, six of which are endemic. Molecular tools to aid the identification of organisms have been increasingly used and facilitated the circumscription of species. Therefore, a review of the molecular studies carried out in Brazil and the use of DNA as barcode for bryophytes was performed. In addition, three regions of DNA (trnLF, trnG and ITS) were evaluated as a DNA barcode tool for Metzgeria. The results indicated that these three molecular markers can be efficient in discriminating species of this group. Being potential markers of DNA barcode of this group being able to be tested in other groups of plants as well.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Botânica, Programa de Pós-Graduação em Botânica, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:BOT - Doutorado em Botânica (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/38508/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.