Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/38235
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_EdlaineSouzaPereira.pdf1,89 MBAdobe PDFView/Open
Title: Fluência leitora como indicador de competência na educação especial
Authors: Pereira, Edlaine Souza
Orientador(es):: Celeste, Letícia Correa
Coorientador(es):: Alves, Luciana Mendonça
Assunto:: Leitura
Educação especial
Educação inclusiva
Indicadores educacionais
Issue Date: 26-Jun-2020
Citation: PEREIRA, Edlaine Souza. Fluência leitora como indicador de competência na educação especial. 2020. 73 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciências da Reabilitação) -- Faculdade de Ceilândia, Universidade de Brasília, Brasília, 2020.
Abstract: Esta pesquisa buscou avaliar a utilização da fluência leitora como indicador de competência da Educação Especial. Para tanto, a dissertação foi composta por dois estudos que, juntos, buscaram responder o objetivo da pesquisa. O Estudo 1 é um estudo ecológico, transversal e analítico no qual participaram 121 escolares do 2° ao 5° ano do Ensino Fundamental, sendo 31 do público-alvo da Educação Especial e 90 do grupo controle. Foi objetivo do Estudo 1 avaliar a utilização da fluência de leitura como um indicador de competência da educação inclusiva, avaliando de forma coletiva e individual o desempenho dos alunos do Público-Alvo da educação especial. Foi definido um escore Z que permitiu a realização da análise individual do desempenho dos escolares e a identificação dos possíveis déficits nas tarefas de fluência de leitura e compreensão. Além disso, foi aplicado o Test t de Student para amostras independentes para comparação dos grupos. O Estudo 2 é uma investigação observacional, longitudinal e descritivo envolvendo 36 escolares, sendo 18 do público-alvo da Educação especial e18 do grupo controle. O objetivo do estudo foi verificar se há evolução em fluência de leitura de alunos do público-alvo da educação especial de acordo com o avanço do ano letivo. As crianças foram submetidas à avaliação da fluência de leitura em dois momentos, com intervalo de 5 meses. Para a análise dos resultados foi desenvolvido o Coeficiente de Progressão (CP) para a análise das variáveis “Taxa de Leitura” e "Acurácia”. Os resultados dos dois estudos demonstraram que o GC apresenta resultado superior ao GI, indicando a necessidade de acompanhamentos dos escolares do GI. Além disso foi demonstrada a heterogeneidade dos grupos do público-alvo da educação especial, resultando na variabilidade dos resultados de escolares do mesmo grupo, mostrando-se necessária a avaliação individual de cada escolar. A pesquisa concluiu que a fluência de leitura pode ser utilizada como um indicador de competência da Educação especial.
Abstract: This study aimed to evaluate the use of reading fluency as an indicator of competence of Special Education. Therefore, the dissertation was composed by two studies that together, sought to answer the research objective. Study 1, is an ecological, cross-sectional and analytical study in which 121 students from the 2nd to 5th grade of elementary school participated, being 31 from the target group of Special Education and 90 from the control group. The objective of the study was to evaluate the use of reading fluency as an indicator of competence in inclusive education, collectively and individually assessing the performance of the target audience of special education. A Z score was defined that allowed the individual analysis of students' performance and the identification of possible deficits in reading and comprehension fluency tasks. In addition, Student's t-test was applied to independent samples for group comparison. Study 2 is an observational, longitudinal and descriptive study involving 36 students, 18 from the special education target audience and 18 from the control group. The aim of the study was to verify if there is an increase in reading fluency of students of the special education target audience as the school year progresses. The children underwent reading fluency assessment at two times with an interval of 5 months. For the analysis of the results, the Progression Coefficient (CP) was developed for the analysis of the variables “Read Rate” and “Accuracy”. The results of the two studies showed that the CG has a better result than the GI, indicating the need for follow-up of the students of the GI, besides the heterogeneity of the target groups of the special education audience, resulting in the variability of the results of students of the same. individual assessment of each student. The research concluded that reading fluency can be used as an indicator of competence in special education.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ceilândia, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação, 2020.
Appears in Collections:PPGCR - Mestrado em Ciências da Reabilitação

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/38235/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.