Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/37316
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2000_JoséLucianoSousadeAndrade.pdf
???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.accessRestricted???
15,62 MBAdobe PDF ???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.restrito???
Title: Estudo experimental da inclinação de estribos abertos em lajes cogumelo de concreto armado
Authors: Andrade, José Luciano Sousa de
Orientador(es):: Melo, Guilherme Sales Soares de Azevedo
Assunto:: Concreto armado
Engenharia de estruturas
Lajes cogumelo
Issue Date: 2-Apr-2020
Citation: ANDRADE, Jose Luciano Sousa de. Estudo experimental da inclinação de estribos abertos em lajes cogumelo de concreto armado. Brasília, 2000. xviii, 142 f. il. Dissertação (Mestrado em Estruturas e Construção Civil)—Universidade de Brasília, Brasília, 2000.
Abstract: Foram ensaiadas 10 (dez) lajes cogumelo de concreto armado, com a resistência do concreto variando entre 36 a 54 MPa. submetidas a puncionamento simétrico, continuando a investigação iniciada por OLIVEIRA (1998) e COELHO (1999) da eficiência de um tipo de estribo aberto como armadura de cisalhamento. Estes estribos abertos são mais fáceis de se instalar e podem ser posicionados após a colocação da armadura de flexão. Comparou-se a eficiência de dois tipos de estribos abertos, um inclinado (45°) e outro vertical (90°). Mantiveram-se todas as outras condições dos estribos: altura, largura, comprimento e condições de ancoragem, de modo a investigar a influência da inclinação, em relação ao plano da laje, deste estribo na resistência ao puncionamento de lajes cogumelo. As lajes ensaiadas têm dimensões de 1800 x 1800 x 130 mm e as principais variáveis consideradas são a inclinação do estribo e a área da armadura de cisalhamento utilizada. São apresentados e analisados resultados de carga de ruptura, tipos de ruptura, padrão de fissuração, inclinação da superfície de ruptura, deflexões, deformações específicas no concreto e na armadura de flexão e cisalhamento. Fizeram-se também comparações com as estimativas de carga de ruptura de diversas normas técnicas que tratam do assunto. A utilização dos estribos abertos possibilitou a obtenção de cargas superiores em até 60% e 70%, em relação a média das cargas de ruptura das lajes sem armadura de cisalhamento, respectivamente, para as lajes com estribos inclinados (45°) e para as lajes com estribos verticais. Comparando-se os resultados deste trabalho com os obtidos por COELHO (1999), verifica se que os estribos a 90° são mais eficientes que os estribos a 45°. porém a inclinação intermediária de 60° mostrou ser mais eficiente que aquelas inclinações, mesmo para uma menor resistência a compressão do concreto.
Abstract: Ten reinforced concrete flat slabs were tested. using concrete resistance varying from 36,0 to 54,0 MPa. submitted the symmetric punching, with the objective of investigating the efficiency of a novel form of open stirrup, following investigations initiated by OLIVEIRA (1998) and COELHO (1999) with open inclined stirrups. The open stirrups are much easier of installing as can be positioned after the bending reinforcement is in position. The slabs were 1800 x 1800 x 130 mm and the main variables considered were the inclination of the stirrups adopted, inclined (45°) and vertical (90d), the cross section and the distribution of the stirrups around the column or loaded area. All other stirrups parameters were the same, height, width, length and anchorage type. Results of ultimate loads and failure types, cracking, deílections, ductility, concrete and reinforcement strains, are presented. analysed and compared with those obtained from OLIVEIRA (1998) and COELHO (1999), that tested some similar slabs, with concrete strength respectively around 60 MPa and 30 MPa. The results were also compared with ultimate loads estimated by several codes. Ultimate loads up to 60% and 70% higher were obtained, in relation to the slabs without stirrups. for the slabs with inclined (45°) and vertical (90°) stirrups, respectively. Comparison with the results from COELHO (1999) showed that the vertical (90°) stirrups were more efficient than the inclined (45°). However the intermediate inclination of 60° were more efficient, even for a small concrete strength.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Civil, 2000.
Appears in Collections:ENC - Mestrado em Estruturas e Construção Civil (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/37316/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.