Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/37279
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_ThiagoCamargoIwamoto.pdf2,98 MBAdobe PDFView/Open
Title: A repercussão da inclusão de pessoas transexuais no esporte : o discurso nas redes sociais sobre o caso da jogadora Tifanny
Authors: Iwamoto, Thiago Camargo
Orientador(es):: Almeida, Dulce Maria Filgueira de
Assunto:: Questões de gênero
Identidade de gênero
Transsexuais
Esportes - aspectos sociais
Abreu, Tifanny Pereira de, 1984-
Issue Date: 1-Apr-2020
Citation: IWAMOTO, Thiago Camargo. A repercussão da inclusão de pessoas transexuais no esporte : o discurso nas redes sociais sobre o caso da jogadora Tifanny. 2019. xv, 242 f., il. Tese (Doutorado em Educação Física)—Universidade de Brasília, Brasília, 2019.
Abstract: O presente estudo teve como objetivo realizar uma Análise de Conteúdo a partir dos comentários presentes na rede social, especificamente no Facebook, construídos acerca da transexualidade no contexto esportivo, considerando a inclusão e a permanência da jogadora de voleibol Tifanny. Como metodologia foi utilizado o método de análise documental, a fim de realizar uma análise de conteúdo presente no Facebook. Para a realização dessa análise foram seguidos quatro procedimentos: organização da análise; codificação; categorização; tratamento, inferência e interpretação dos resultados. Os comentários foram coletados a partir de um perfil do Facebook, “Quebrando o Tabu”, sobretudo em uma postagem referente à jogadora Tifanny Abreu e seu desempenho em quadra do dia 01 de fevereiro de 2018. Sobre esse fato, é importante salientar que a sociedade é construída a partir de um movimento social, histórico e cultural, não se caracterizando como uma organização inflexível. As transformações e evoluções das teorias de gênero e sexualidade têm apresentado diversas concepções de acordo com a conjuntura presente da sociedade, atendendo e estudando as necessidades e interesses de grupos minoritários. Gênero e sexualidade compõem uma temática polêmica, por ser discutida em uma realidade social definida pelos dispositivos binários de gênero, sobretudo, por uma organização heterossexista, patriarcal, masculina e machista, que a partir de convenções estabelecem determinados comportamentos e pensamentos que devem se enquadrar nessa estrutura. Pessoas gênero divergentes transgridem essas normativas por não se enquadrarem dentro dos conceitos e estereótipos instituídos pela sociedade, sendo chamadas de pessoas transgêneras. Esse ideal aponta sobre as transidentidades, incluindo a categoria de transexual. A transexualidade tem sido debatida e apresentada veemente na atualidade, de modo a possibilitar uma maior visibilidade para esse grupo. Os novos documentos do Comitê Olímpico Internacional têm autorizado e normatizado o ingresso de pessoas transexuais nos esportes, lócus marcado por uma hegemonia masculina e reforçada pela heterocisnormatividade. Tifanny é a primeira transexual a chegar em uma competição nacional e desbancar suas oponentes pelo seu potencial enquanto mulher transexual. E a partir dessa performance, ela teve destaque nas redes midiáticas e sociais do Brasil e mundo afora, ocasionando uma ampliação dos debates acerca dessa temática, especialmente sobre as diretrizes que concedem as pessoas transexuais atuarem na categoria de acordo com a identidade de gênero. Os discursos evidenciados nos comentários da página analisada apresentam uma dicotomização de opiniões referente à inclusão de pessoas transexuais, onde o grupo que se apresenta favorável segue uma perspectiva humanista e social, enquanto outros fundamentam nos discursos essencialistas. Os posicionamentos não verbais, através dos emojis, e os verbais, por meio de comentários, apresentam posicionamentos distintos, sendo que nas reações dos emojis há uma tendência a aprovação, ao mesmo tempo em que grande parte dos posicionamentos verbais critica a inclusão e as normativas do COI. Conclui-se que ainda há uma restrição em aceitar as diferenças, sobretudo a diversidade de gênero e sexualidade, sendo o esporte um reforçador do binarismo de gênero. Ao mesmo tempo em que as redes sociais possibilitaram uma maior visibilidade de determinados assuntos e/ou grupos, também ampliou um espaço para a exposição de diversos atores sem o devido conhecimento técnico e científico. Assim, há a necessidade de se desenvolver mais estudos sobre a comunidade transgênera, em particular de pessoas transexuais, nos esportes e na sociedade.
Abstract: This study aimed to conduct a content analysis based on the comments on the social network, specifically on Facebook, built on transsexuality in the sporting context, considering the inclusion and permanence of the Tifanny volleyball player. The methodology used was the method of documentary analysis to perform a content analysis on Facebook. For the accomplishment of this analysis, four procedures were followed: organization of the analysis; coding; categorization; treatment, inference, and interpretation of results. The comments were collected from a Facebook profile, "Quebrando o Tabu", especially in a post referring to the player Tifanny Abreu and her performance on the court of February 1, 2018. On this fact, it is essential to note that society is constructed from a social, historical, and cultural movement, not characterized as an inflexible organization. The transformations and evolutions of the theories of gender and sexuality have presented diverse conceptions according to the present conjuncture of the society, attending and studying the needs and interests of minority groups. Gender and sexuality compose a controversial theme since it is discussed in a social reality defined by gender binary devices, above all, by a heterosexual, patriarchal and masculine organization, which from conventions establish certain behaviors and thoughts that should fit into this structure. Divergent genders transgress these norms because they do not fit within the concepts and stereotypes instituted by society, being called transgender people. This ideal points to trans identities, including the transsexual category. Transsexuality has been debated and presented vehemently today, in order to allow greater visibility for this group. The new documents of the International Olympic Committee have authorized and normalized the entry of transsexual people into sports, a locus marked by male hegemony and reinforced by heterocisnormativity. Tifanny is the first transsexual to arrive in a national competition and to overthrow her opponents for her potential as a transsexual woman. Moreover, from that performance, it was highlighted in the media and social networks of Brazil and around the world, leading to an increase in debates about this issue, especially on the guidelines that grant transsexual people to act in the category according to gender identity. The speeches evidenced in the comments of the page analyzed present a dichotomization of opinions regarding the inclusion of transsexual people, where the group that presents favorable follows a humanistic and social perspective, while others base in essentialist discourses. Nonverbal postures, through emojis, and verbal ones, through comments, present distinct positions, and in emoji reactions there is a tendency for approval, while at the same time most verbal positions criticize inclusion and norms of the IOC. It is concluded that there is still a restriction in accepting the differences, especially the diversity of gender and sexuality, and sport is a reinforcer of gender binarism. While the social networks made possible greater visibility of specific subjects and/or groups, also it extended space for the exposition of diverse actors without the proper technical and scientific knowledge. Thus, there is a need to develop further studies on the transgender community, in particular, transsexual people, in sports, and society.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação Física, Programa de Pós-Graduação em Educação Física, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FEF - Doutorado em Educação Física (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/37279/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.