Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/36098
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_PaulaDivinadaCunha.pdf2,94 MBAdobe PDFView/Open
Title: Viabilidade socioeconômica de atividades agroextrativistas : estudo de caso com baru e pequi em dois assentamentos de Formosa-GO
Authors: Cunha, Paula Divina da
Orientador(es):: Diniz, Janaína Deane de Abreu Sá
Assunto:: Agroextrativismo
Assentamento agrário
Cooperativas agrícolas
Baru
Pequi
Viabilidade econômica
Issue Date: 9-Jan-2020
Citation: CUNHA, Paula Divina da. Viabilidade socioeconômica de atividades agroextrativistas: estudo de caso com baru e pequi em dois assentamentos de Formosa-GO. 2019. 152 f., il. Dissertação (Mestrado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural)—Universidade de Brasília, Planaltina, 2019.
Abstract: O presente estudo analisou os aspectos socioeconômicos e comerciais relacionados aos agroextrativistas de dois assentamentos no município de Formosa, no estado de Goiás. Foram realizadas entrevistas semiestruturas com 14 famílias agroextrativistas e cooperativa que trabalham com baru, selecionados através da amostragem não probabilística pelo método bola neve. Os resultados da análise do perfil socioeconômico indicaram a baixa escolaridade entre os agroextrativistas, o envelhecimento dos membros das famílias que residem nos assentamentos, a renda diversificada com a realização de trabalho externo, interno e aposentadorias, a falta de assistência técnica frequente entre outros. Já a análise sobre a atividade produtiva do baru verificou que o seu desenvolvimento é uma forma de complementar a renda dos agroextrativistas no período de sua safra, sendo desenvolvido predominante de forma manual a etapas de coleta e quebra. Identificou-se e quantificou-se os coeficientes técnicos para analisar os custos e os indicadores econômicos e financeiros, que possibilitaram constatar a viabilidade financeira e econômica no desenvolvimento da atividade em todos as situações identificados na pesquisa. Por fim, analisou-se os canais de comercialização e os agentes econômicos que integram o ciclo produtivo da castanha de baru torrada. A análise do mercado local da castanha de baru se mostrou incipiente e com poucos locais de comercialização, carecendo de divulgação para a população e já o pequi possuí alta comercialização durante sua safra, sendo vendido principalmente em feiras onde há o contato direto do agroextrativista com o consumidor e também sendo comercializando seus subprodutos nos mercados locais.
Abstract: The actual study analyzed the socioeconomic and commercial aspects related to the agroextractivists from two settlements in Formosa County, in the state of Goiás. Semi structured interviews were realized with 14 agroextractivists families and cooperative that work with baru, selected through non-probabilistic sampling by the snowball method. The results from the socioeconomic profile analysis indicated low schooling among the agroextractivists, the aging of the family members that live in the settlements, the diversified income from external and internal work and from retirement, the frequently lack of technical assistance among others. On the other hand, the analysis about the baru productive activity verified that its development is a way of complementing the agroextractivists income on its harvest period, with the collecting and cracking stages being developed predominantly in a manual form. The technical coefficients were identified and qualified to analyze the costs and the economic and financial indicators that enable to verify the financial and economic viability of the activity development in every scenario identified in the research. Lastly, there were analyzed the marketing channels and the economic agents that integrate the baru’s toasted nut productive cycle. The analysis of the local market of the baru’s nut showed itself incipient and with few commercialization points, needing greater dissemination to the population. On the other hand, the pequi have high commercialization during its harvest, being sold mainly in market places where there is direct contact of the agroextractivists with the consumer and also being commercialized its byproducts in local markets.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade UnB Planaltina, Programa de Pós-Graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural, 2019.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FUP - Mestrado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/36098/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.