Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/33514
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_IntegralidadeBrasilVenezuela.pdf154,63 kBAdobe PDFView/Open
ARTIGO_IntegralityBrazilVenenzuela.pdf148,59 kBAdobe PDFView/Open
Title: A integralidade no Brasil e na Venezuela : similaridades e complementaridades
Other Titles: Integrality in Brazil and Venezuela : similarities and complementarities
Authors: Santos, Carla Targino Bruno dos
Barros, Ione Silva
Amorim, Anne Caroline Coelho Leal Árias
Rocha, Dais Gonçalves
Mendonça, Ana Valéria Machado
Sousa, Maria Fátima de
Assunto:: Saúde
Atenção primária à saúde
Estudo comparativo
Issue Date: 2018
Publisher: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Citation: SANTOS, Carla Targino Bruno dos et al. A integralidade no Brasil e na Venezuela: similaridades e complementaridades. Ciência & saúde coletiva, Rio de Janeiro, v. 23, n. 4, p. 1233-1240, abr. 2018. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232018234.16122016. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232018000401233&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 08 mar. 2019.
Abstract: O presente estudo tem como objetivo comparar a Atenção Primária à Saúde (APS) no Brasil e na Venezuela, observando suas características quanto à integralidade. Possui abordagem qualitativa, por meio de análise documental, entrevistas semiestruturadas com informantes-chave e anotações em diário de campo. Observou-se as três dimensões de integralidade inseridas no processo de trabalho em saúde: o cuidado integral e holístico, visão do indivíduo como um ser complexo com múltiplas necessidades, exigindo a conexão de diversos saberes em saúde; a continuidade do cuidado na micropolítica institucional com articulação interprofissional, de forma a contemplar o cuidado singular; a continuidade do cuidado na macropolítica, quando é necessário um deslocamento aos demais níveis de atenção; incluiu-se ainda a intersetorialidade, quando as necessidades de um indivíduo e comunidade exigem uma articulação transetorial, com ação sobre os determinantes e condicionantes do processo saúde-doença. Ressalta-se ainda a tendência singular de inclusão de uma formação médica comunitária integral. Conclui-se que estes países, fortalecidos pela democracia, aproximam-se em suas práticas de integralidade, bem como na construção de políticas sociais e de saúde para as populações menos favorecidas, em favor da equidade.
Abstract: This study aims to compare Primary Health Care (PHC) in Brazil and Venezuela, considering its characteristics as to integrality. It has a qualitative approach, using documental analysis, semi-structured interviews with key informants and field diary notes. We observed the three realms of integrality inherent to the health work process: comprehensive and holistic care, the individual viewed as a complex being with multiple needs, requiring the connection of various health knowledge; continuity of care in institutional micro-policy with interprofessional articulation, in order to consider individual care; continuity of care in macro-policy, when a shift to other levels of care is needed; intersectoriality was also included, when the needs of an individual and community require a cross-sectoral coordination, with action on determinants and conditionants of the health-disease process. It is worth highlighting the natural tendency to include a comprehensive community medical training. We conclude that those countries strengthened by democracy draw their integrality practices closer, as well as the construction of social and health policies for underprivileged populations to achieve equity.
Licença:: (CC BY) - Este é um artigo publicado em acesso aberto sob uma licença Creative Commons.
DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232018234.16122016
Appears in Collections:ENF - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/33514/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.