Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/32406
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_MelissaSilvaMonteiro.pdf5,15 MBAdobe PDFView/Open
Title: Avaliação da biocompatibilidade e eficácia terapêutica da ablação térmica utilizando um eletrodo de níquel-titânio em modelo de carcinossarcoma hepático
Authors: Monteiro, Melissa Silva
Orientador(es):: Rosa, Suélia de Siqueira Rodrigues Fleury
Coorientador(es):: Carneiro, Marcella Lemos Brettas
Assunto:: Ablação por radiofrequência
Carcinoma hepatocelular
Citotoxicidade
Issue Date: 13-Aug-2018
Citation: MONTEIRO, Melissa Silva. Avaliação da biocompatibilidade e eficácia terapêutica da ablação térmica utilizando um eletrodo de níquel-titânio em modelo de carcinossarcoma hepático. 2018. 88 f., il. Dissertação (Mestrado em Engenharia Biomédica)—Brasília, 2018.
Abstract: A epidemiologia mundial do carcinoma hepatocelular (CHC) o posiciona como a quinta malignidade mais comum globalmente e a terceira causa de morte relacionada ao câncer e alta morbimortalidade no Brasil suficiente para onerar de forma elevada o Sistema Único de Saúde (SUS). O uso de ablação por radiofrequência já é consolidado como a melhor opção terapêutica em estágios precoce e iniciais, em casos irressecáveis e para redução do estadiamento ou aumento de sobrevida para aguardar transplante. Por ser de custo elevado, o Ministério da Saúde e o LaB-Laboratório de Engenharia Biomédica da Universidade de Brasília inovaram com a produção de um equipamento de ablação por radiofrequência de tecnologia nacional de baixo custo denominado SOFIA (Software of intensive ablation). Este estudo propõe a validação do equipamento SOFIA na sua fase pré-clínica investigando os efeitos biológicos produzidos pelo uso do eletrodo guardachuva de NiTi, dispositivo acoplado ao equipamento. Para isso, foram realizados ensaios de ablação por radiofrequencia ex vivo em fígado bovino para análise dos parâmetros do equipamento em potências abaixo de 50W, em suínos in vivo para análise dos mesmos parâmetros sob perfusão sanguínea e em rato Wistar (Rattus novergicus) para compreensão dos ajustes necessários à animal de pequeno porte. Utilizou-se um modelo tumoral, o carcinossarcoma (tumor Walker 256 ) para análise de citotoxicidade in vitro por técnica colorimétrica de viabilidade celular por espectrofotometria com o eletrodo Marina 5H de NiTi (níquel-titânio). Esse modelo tumoral foi implantado de forma direta em ratos Wistar para construção de um modelo experimental para o estudo pré-clínico do equipamento SOFIA e eletrodo MARINA 5H. As definições dos parâmetros do equipamento e eletrodo efetivaram-se para ratos e suínos, assim como o modelo experimental de pré-clínico. Considerou-se a liga de níquel-titânio (NiTi) do eletrodo MARINA 5H sem citotoxicidade não havendo formação de resíduos danosos em nível celular e biocompatível para o uso nos testes de fase clínica I.
Abstract: The worldwide epidemiology of hepatocellular carcinoma (CHC) positions it as the fifth most common malignancy globally and the third cause of cancer-related death and high morbidity and mortality in Brazil sufficient to seriously burden the Unified Health System (SUS). The use of radiofrequency ablation is already consolidated as the best therapeutic option in the early and early stages, in unresectable cases and to reduce the staging or increase of survival to wait for transplantation. Due to its high cost, the Ministry of Health and the LaB-Laboratory of Biomedical Engineering of the University of Brasilia have innovated with the production of a low cost national radiofrequency ablation equipment called SOFIA (Software of intensive ablation). This study proposes the validation of the SOFIA equipment in its preclinical phase investigating the biological effects produced by the use of the umbrella electrode of NiTi, device coupled to the equipment. For this, ex vivo radiofrequency ablation assays were performed in bovine liver for analysis of the parameters of the equipment in potencies below 50W, in vivo pigs for analysis of the same parameters under blood perfusion and in Wistar rat (Rattus novergicus) for understanding the necessary adjustments to the small animal. A tumor model, carcinossarcoma (Walker 256 tumor) was used for analysis of in vitro cytotoxicity by colorimetric cell viability spectrophotometry with the NiTi (Níquel-titânio) MARINA 5H electrode. This tumor model was implanted directly in Wistar rats to construct an experimental model for the preclinical study of the SOFIA and MARINA 5H electrode.definitions of the parameters of the equipment and electrode were made for rats and pigs, as well as the pre-clinical experimental model. The nickel-titanium (NiTi) alloy of the MARINA 5H electrode was considered to be non-cytotoxic and no harmful residues were formed at the cellular levels, biocompatible for use in clinical phase I tests.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade Gama, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Biomédica, 2018.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:FGA - Mestrado em Engenharia Biomédica

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/32406/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.