Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/31784
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_JorgeAlexTaquitaMelo.pdf2,92 MBAdobe PDFView/Open
Title: Caracterização molecular, ultraestrutural e nanoestrutural do copal de jatobá (Hymenaea courbaril L.) e estudo das modificações químicas e estruturais resultantes da interação do solubilizado do copal com lipossomas
Authors: Melo, Jorge Alex Taquita
Orientador(es):: Silva, Luciano Paulino da
Assunto:: Terpenos
Lipossomas
Calorimetria
Microscopia eletrônica
Jatobá
Issue Date: 8-May-2018
Citation: MELO, Jorge Alex Taquita. Caracterização molecular, ultraestrutural e nanoestrutural do copal de jatobá (Hymenaea courbaril L.) e estudo das modificações químicas e estruturais resultantes da interação do solubilizado do copal com lipossomas. 2017. 92 f., il. Dissertação (Mestrado em Nanociência e Nanobiotecnologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: Terpenos são substâncias comumente encontradas em abundância nos óleos essenciais e resinas extraídos de plantas. Assim, os copais e âmbares formados a partir da resina exsudada por algumas espécies de plantas são constituídos por uma mistura complexa de vários terpenoides. No Brasil, as árvores pertencentes ao gênero Hymenaea, vulgarmente conhecidas como jatobá, produzem copais com propriedades químicas e biológicas variadas e, por esse motivo, foi objeto do presente estudo. Na primeira etapa foram avaliadas as propriedades morfológicas e estruturais do copal de jatobá por meio das microscopias eletrônicas de varredura (MEV), transmissão (MET) e microscopia de força atômica (MFA); e realizada a caracterização molecular por cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massa (CG-MS) e espectroscopia Raman. A caracterização morfológica do copal de jatobá permitiu observar uma organização uniforme da estrutura e a caracterização molecular possibilitou identificar que o β-cariofileno, uma molécula da família dos sesquiterpenoides, é o componente molecular majoritário desta amostra. O βcariofileno é uma substância insolúvel em meio aquoso com algumas propriedades farmacológicas e terapêuticas correlacionadas a atividades anti-inflamatória, antioxidante e antimicrobiana. Em função disso, a avaliação dos possíveis efeitos do β-cariofileno, ou mesmo do copal de plantas como a H. courbaril, em membranas celulares, constitui uma abordagem relevante e, dentre os modelos indicados para tais estudos, podem ser citados aqueles envolvendo miméticos de membranas celulares, como lipossomas. Os lipossomas são vesículas com propriedades anfifílicas formadas a partir de fosfolipídeos. São estruturas biocompatíveis, difundem-se facilmente no sistema circulatório, são facilmente absorvidos pelas células dos procariotos e eucariotos, além da sua estrutura compartimentalizada atuar como uma superfície protetora. Estas características possibilitam que os lipossomas atuem como um importante meio de veiculação e de biodisponibilidade de substâncias polares e apolares; além de modelo adequado para estudo de processos de interação de compostos membranoativos. Técnicas calorimétricas como a calorimetria exploratória diferencial (DSC) e calorimetria de titulação isotérmica (ITC) fornecem importantes informações quanto às transições de fase lipídicas em modelos de membrana biomiméticas durante os processos de interação destas com diversos tipos de moléculas, dentre elas os terpenoides. Dessa forma, avaliar os efeitos destas interações é de extrema importância para caracterizar a estabilidade e os mecanismos de ação envolvidos nestes processos. Assim, DSC e ITC foram utilizadas para avaliar as alterações no grau de cooperatividade dos fosfolipídeos e os processos de troca de calor, além do espalhamento de luz dinâmico (DLS) utilizado nas medições e distribuições do tamanho dos lipossomas. Os resultados obtidos indicam que há interação entre os terpenos e os lipossomas, caracterizado pelo decréscimo do diâmetro hidrodinâmico e grau de cooperatividade dos lipossomas estudados.
Abstract: Terpenes are substances commonly found in abundance in essential oils and resins extracted from plants. Thus, the copal and ambers formed from exudate resin of some species of plants are made up of a complex mixture of several terpenoids. In Brazil, the trees belonging to the genus Hymenaea, commonly known as jatobá, produce copal with chemical and biological properties and for this reason was the subject of the present study. Firstly were evaluated the morphological and structural properties of the copal of jatobá through scanning electron microscopy (SEM), transmission electron microscopy (TEM) and atomic force microscopy (AFM); and molecular characterization performed by gas chromatography coupled to mass spectrometry (GC-MS) and Raman spectroscopy. The morphological characterization of the copal of jatobá allowed to observe a uniform organization structure and molecular characterization made it possible to identify the β-caryophyllene, a molecule of sesquiterpenoid family, as the major component of this sample. The βcaryophyllene is a substance insoluble in aqueous media with some pharmacological and therapeutic properties correlated to anti-inflammatory, antioxidant and antimicrobial activities. Because of this, the evaluation of the possible effects of βcaryophyllene or even of the copal of plants as H. courbaril in cell membranes is a relevant approach. One of the models listed for such studies including mimetic cell membrane, the liposomes. Liposomes are vesicles with amphiphilic properties formed from phospholipids. They are biocompatible structures, spread easily in the circulatory system, easily absorbed by the cells of prokaryotes and eukaryotes, as well as your structure-compartmentalized act as a protective surface. These features allow liposomes to act as an important means of conveyance and bioavailability of polar and nonpolar substances; In addition it is suitable model to study processes of interaction of membrane active compounds. Calorimetric techniques such as differential scanning calorimetry (DSC) and isothermal titration calorimetry (ITC) provide important information about the lipid phase transitions in biomimetic membrane models during the processes of interaction of these with different kinds of molecules, among them the terpenoides. Thus, evaluate the effects of these interactions is important to characterize the stability and the mechanisms of action involved in these processes. Thus, DSC and ITC were respectively used to assess changes in the degree of cooperativity and heat exchange processes, in addition to the dynamic light scattering (DLS) used in the measurements and size distributions of liposomes. The results indicate that there is interaction between the terpenes and liposomes, characterized by the decrease of the hydrodynamic diameter and degree of cooperativity of liposomes.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Pós-Graduação em Nanociência e Nanobiotecnologia, 2017.
Licença:: A concessão da licença desta coleção refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições:Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:IB - Mestrado em Nanociência e Nanobiotecnologia

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/31784/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.