Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/31240
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_GilsonBrandãodeOliveiraJunior.pdf3,97 MBAdobe PDFView/Open
Title: Agostinho Neto e Agostinho da Silva : exílios, encontros e desencontros entre intelectuais no Atlântico Sul
Authors: Oliveira Junior, Gilson Brandão de
Orientador(es):: Oliva, Anderson Ribeiro
Assunto:: Intelectuais
Angola
Perseguição política
Intercâmbio
Issue Date: 15-Feb-2018
Citation: OLIVEIRA JUNIOR, Gilson Brandão de. Agostinho Neto e Agostinho da Silva: exílios, encontros e desencontros entre intelectuais no Atlântico Sul. 2017. xi, 416 f., il. Tese (Doutorado em História)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: A pesquisa analisou o intercâmbio ocorrido entre intelectuais e instituições angolanas, portuguesas e brasileiras no período compreendido entre 1944 e 1961, avaliando as suas condições, trocas e influências recíprocas, por meio do estudo das trajetórias dos intelectuais elencados protagonistas: Agostinho Neto, importante poeta da geração da Mensagem, migrou de Angola para Portugal em 1947 para estudar medicina em Coimbra e acabou por envolver-se nas atividades políticas da Casa dos Estudantes do Império em Lisboa, mediante as quais ocupou papel decisivo na luta anticolonial, tornando-se o primeiro presidente de Angola em 1975; Agostinho da Silva, intelectual português que se autoexilou no Brasil em 1944 devido às perseguições políticas do salazarismo, atuou em distintas instituições culturais e acadêmicas neste país, sendo o responsável pela reinauguração das suas relações institucionais com os países africanos diante da criação e direção do Centro de Estudos Afro-Orientais no final dos anos 1950. Assim, a pesquisa enfocou o processo de construção das suas principais concepções políticas e culturais, demonstrando que a concomitância da sua vivência e a similaridade das suas trajetórias, mesmo que alicerçadas em contextos e experiências diversas, geraram interpretações opostas ao discurso hegemônico colonial, ainda que partissem de temáticas semelhantes. Tal investigação interpretou as afinidades, particularidades e distinções existentes entre eles, e deles com relação a outros intelectuais pertencentes às suas respectivas gerações, demonstrando como os contextos em que cada um atuou, embora substancialmente díspares, também dialogaram entre si. O trabalho fornece subsídios para as reflexões sobre o processo de recuperação dessas ideias no presente.
Abstract: The research analyzed the exchange between angolan, portuguese and brazilian intellectuals and institutions in the period between 1944 and 1961, evaluating their conditions, exchanges and reciprocal influences, through the study of the trajectories of the leading intellectuals: Agostinho Neto, an important poet of Generation of the Mensagem, migrated from Angola to Portugal in 1947 to study medicine in Coimbra and became involved in the political activities of the House of Students of the Empire in Lisbon, through which he played a decisive role in the anticolonial struggle, becoming the first president of Angola Republic in 1975; Agostinho da Silva, a portuguese intellectual who exiled himself in Brazil in 1944 because of the political persecutions of salazarism, acted in different cultural and academic institutions in this country, being responsible for the re-inauguration of the brazilian institutional relations with the african countries throught the creation and direction of the Center of Afro-Oriental Studies in the late 1950s. Thus, the research focused on the process of construction of their main political and cultural conceptions, demonstrating that the concomitance of its experience and the similarity of their trajectories, even if based on diverse contexts and experiences, generated interpretations opposite to the colonial hegemonic discourse, although they left from similar subjects. Such an investigation interpreted the affinities, particularities, and distinctions between them, and of them in relation to other intellectuals belonging to their respective generations, demonstrating how the contexts in which each acted, although substantially disparate, also dialogued among themselves. The thesis provides insights into the process of retrieving these ideas in the present.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em História, 2017.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:HIS - Doutorado em História (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/31240/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.