Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/29754
Files in This Item:
File SizeFormat 
ARTIGO_CriatividadeEducacaoInfantil.pdf798,31 kBAdobe PDFView/Open
Title: Criatividade na educação infantil : contribuições da psicologia cultural para a investigação de concepções e práticas de educadores
Other Titles: Creativity in preschool : culture psychology contributions to the investigation of teachers' conceptions and practices
Creatividad en la educación infantil : contribuciones de la psicología cultural para la investigación de concepciones y prácticas de educadores
Authors: Neves-Pereira, Mônica Souza
Branco, Angela Uchoa
Assunto:: Criatividade
Psicologia cultural
Desenvolvimento humano
Educação
Issue Date: Jul-2015
Publisher: Programa de Pós-graduação em Psicologia e do Programa de Pós-graduação em Psicobiologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: NEVES-PEREIRA, Mônica Souza; BRANCO, Angela Uchoa. Criatividade na educação infantil: contribuições da psicologia cultural para a investigação de concepções e práticas de educadores. Estudos de Psicologia (Natal), Natal, v. 20, n. 3, p. 161-172, jul./set. 2015. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2015000300161&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 9 abr. 2018. doi: http://dx.doi.org/10.5935/1678-4669.20150018.
Abstract: O presente trabalho investigou as concepções e práticas de professores de educação infantil relacionadas à promoção e/ou inibição da criatividade dos seus alunos. O estudo foi realizado em duas escolas privadas de Educação Infantil de Brasília/DF, com duas professoras e seus alunos entre 5-6 anos. Os dados foram construídos por meio de observações diretas, gravações em vídeo de atividades planejadas pelas docentes e entrevistas. Utilizou-se análise microgenética para investigar as interações professora-crianças gravadas em vídeo e a análise interpretativa das entrevistas. Os resultados apontam para a inadequação dos conceitos e concepções de criatividade, por parte dos professores, e o quanto isto interferiu negativamente nas práticas pedagógicas voltadas para o fomento do potencial criativo.
Abstract: The study investigated concepts and practices of early education teachers regarding the promotion and/or inhibition of children's creativity. It was carried out in two private preschools in Brasilia with two teachers and their five to six years-old pupils. Data construction was based on direct observations, video records of activities planned by the teachers, and interviews. A microgenetic approach was used to analyze teacher-students interactions recorded in video, and an interpretive approach was used to analyze the interviews. Results reveal the inappropriateness of concepts and conceptualizations about creativity by the teachers, and how this had a negative impact over pedagogical practices oriented to foster creativity.
Resumen: El presente trabajo investigó las concepciones y prácticas de profesores de Educación Infantil relacionadas a la promoción y/o inhibición de la creatividad de sus estudiantes. El estudio fue realizado en dos escuelas privadas de Educación Infantil de Brasilia/DF, con dos profesoras y sus alumnos entre cinco y seis años. Los datos fueron construidos por medio de observaciones directas, grabaciones en video de actividades planeadas por las docentes y entrevistas. Se utilizó un análisis microgenético para investigar las interacciones profesora-alumnos grabadas en video y un análisis interpretativo de las entrevistas. Los resultados señalan una inadecuación de los conceptos y concepciones sobre creatividad por parte de las profesoras; interfiriendo negativamente en la prácticas pedagógicas relacionadas a la promoción del potencial creativo.
Licença:: Estudos de Psicologia (Natal) - Este é um artigo publicado em acesso aberto (Open Access) sob a licença Creative Commons Attribution, que permite uso, distribuição e reprodução em qualquer meio, sem restrições desde que o trabalho original seja corretamente citado (CC BY 4.0). Fonte: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2015000300161&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 9 abr. 2018.
DOI: http://dx.doi.org/10.5935/1678-4669.20150018
Appears in Collections:PED - Artigos publicados em periódicos

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/29754/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.