Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/23767
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_JanaínaMoreiraCoelho.pdf4,02 MBAdobe PDFView/Open
Title: Nanocápsulas com núcleo de óleo de rícino e invólucro de poli(metil vinil co-anidrido maleico) contendo doxorrubicina : desenvolvimento e avaliação de sua atividade citotóxica contra células de câncer de mama humano e murino in vitro
Authors: Coelho, Janaína Moreira
Orientador(es):: Muehlmann, Luis Alexandre
Assunto:: Doxorrubicina (DOX)
Nanocápsulas
Câncer - tratamento
Mamas - câncer - tratamento
Issue Date: 27-Jun-2017
Citation: COELHO, Janaína Moreira. Nanocápsulas com núcleo de óleo de rícino e invólucro de poli(metil vinil co-anidrido maleico) contendo doxorrubicina: desenvolvimento e avaliação de sua atividade citotóxica contra células de câncer de mama humano e murino in vitro. 2017. xiv, 80 f., il. Dissertação (Mestrado em Nanociência e Nanobiotecnologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: Doxorrubicina (DOX) é um fámaco altamente utilizado no tratamento de diversos tipos de câncer, porém apresenta efeitos adversos, tais como cardiotoxicidade irreversível. O óleo de rícino, um triacilglicerídeo natural vem sendo investigado como veículo de fármacos. O objetivo geral deste trabalho consistiu em desenvolver nanocápsulas com núcleo de óleo de rícino e DOX e avaliar sua atividade contra células de câncer de mama humano e murino in vitro. Foram obtidas nanocápsulas com núcleo de óleo de rícino e doxorrubicina com invólucro de poli (metil vinil-éter co-anidrido maléico) modificado com n-octadecilamina. As nanocápsulas apresentaram-se estáveis e monodispersas. Nos ensaios in vitro, foram utilizadas as células de adenocarcinoma mamário murino (4T1), fibroblasto murino (NIH-3T3), adenocarcinoma mamário humano (MCF-7) e célula de epitélio mamário humano (MCF-10A). O tratamento com NCR-DOX (nanocápsulas com invólucro de PVM/MA e núcleo contendo óleo de rícino e DOX) diminuiu a viabilidade e a adesão de células tumorais. NCR-DOX foi mais interiorizada que DOX livre em células tumorais. A distribuição intracelular da NCR-DOX foi identificada no citoplasma e no núcleo. Os tratamentos com DOX e NCR-DOX em 4T1 e MCF-7 alteraram os padrões morfológicos e diminuíram a confluência de células cancerosas, além disso, provocaram despolarização da membrana e causaram necrose e apoptose tardia. NCR-DOX causou menos fragmentação de DNA do que DOX. Concluiuse que nanocápsulas com núcleo de óleo de rícino e doxorrubicina são eficazes contra células tumorais MCF-7 e 4T1.
Abstract: Doxorubicin (DOX) is an often used drug for the treatment of several types of cancer, but it has adverse side effects such as irreversible cardiotoxicity. Castor oil, a naturally occurring triacylglyceride, has been investigated as a drug vehicle. The overall objective of this work was to develop nanocapsules with castor oil nuclei containing DOX and evaluate its activity against human and murine breast cancer cells in vitro. Nanocapsules were obtained using with castor oil core and doxorubicin with noctadecylamine modified poly (methyl vinyl ether co-anhydride) casing. The nanocapsules were stable and monodisperse. In the in vitro assays, murine mammary adenocarcinoma (4T1), murine fibroblast (NIH-3T3), human mammary adenocarcinoma (MCF-7) and human mammary epithelial cells (MCF-10A) were used. NCR-DOX treatment decreased the viability and adhesion of tumor cells. NCR-DOX was more internalized than free DOX in tumor cells. The intracellular distribution of NCR-DOX was identified in the cytoplasm and nucleus. The DOX and NCR-DOX treatments in 4T1 and MCF-7 altered the morphological patterns and decreased the confluence of cancer cells. In addition, they provoked depolarization of the membrane and caused necrosis and late apoptosis. NCR-DOX caused less DNA fragmentation than DOX. It was concluded that castor oil core doxorubicin nanocapsules is effective against MCF-7 and 4T1 tumor cells.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Pós-Graduação em Nanociência e Nanobiotecnologia, 2017.
Licença:: A concessão da licença desta coleção refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições:Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:IB - Mestrado em Nanociência e Nanobiotecnologia

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/23767/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.