Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/23220
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_BárbaraCamposPintodaSilva.pdf1,47 MBAdobe PDFView/Open
Title: Vozes cordiais : o Brasil visto a partir da obra de Manuel Bandeira
Authors: Silva, Bárbara Campos Pinto da
Orientador(es):: Pilati, Alexandre Simões
Assunto:: Literatura brasileira
Bandeira, Manuel, 1886-1968 - crítica e interpretação
Identidade nacional
Issue Date: 7-Apr-2017
Citation: SILVA, Bárbara Campos Pinto da. Vozes cordiais: o Brasil visto a partir da obra de Manuel Bandeira. 2017. 155 f. Dissertação (Mestrado em Literatura)—Universidade de Brasília, Brasília, 2017.
Abstract: Este trabalho analisa como se dá a interpretação da modernidade do Brasil em poemas e em crônicas de Manuel Bandeira, especialmente nas obras Libertinagem e Crônicas da província do Brasil. A hipótese principal é a de que existe uma relação desses textos com as marcas sociais de cordialidade sintetizadas no pensamento do “homem cordial” de Sérgio Buarque de Holanda. A pesquisa apresenta, como ponto de partida, o contexto histórico da literatura das décadas de 20 e 30, com base em estudos de Antonio Candido, e, em seguida, analisa parte da fortuna crítica banderiana com enfoque no nacionalismo e no Projeto Modernista, considera, para isso, críticos como Davi Arrigucci Junior, Silviano Santiago, Sérgio Buarque de Holanda, Wilson Flores Jr., Yudith Rosenbaum, entre outros. O estudo também aborda criticamente discussões em torno da cordialidade. Considerando o “homem cordial” como aquele que exprime contradições brasileiras que têm suas raízes na colonização, o trabalho recupera estudos relacionados à formação do Brasil, como Casa Grande & Senzala de Gilberto Freyre e Raízes do Brasil de Sérgio Buarque. A dissertação articula, ainda, tal discussão com a produção literária e intelectual brasileira e destaca estudos recentes sobre essa relação, como os de Jerônimo Teixeira, Silvana Moreli Vicente Dias e João Cezar de Castro Rocha. A partir da leitura dos textos literários, críticos e teóricos, a dissertação busca identificar e explicar a preocupação de conhecimento do Brasil na obra de Manuel Bandeira. Por isso, busca analisar poemas e crônicas bandeirianas selecionados e expor aspectos que, em nível de representação ou na forma literária, evidenciam a noção de cordialidade e mostram como os elementos nacionais se incorporam aos textos literários e revelam contradições sociais estruturantes da vida brasileira, destacando como a obra de Bandeira se alimenta de fundamentos da sociedade patriarcal mais atrasada para mostrar as contradições do progresso brasileiro.
Abstract: This work analyzes the interpretation of Brazil’s modernity in Manuel Bandeira’s poems and chronicles, especially in the books Libertinagem and Crônicas da província do Brasil. The main hypothesis is that there is a correlation between these texts and the social marks of cordiality present in the concept of the “cordial man” by Sérgio Buarque de Holanda. The starting point of this work is the presentation of the literary historical context of the 20’s and 30’s based on the studies of Antonio Candido. Then, there’s an analysis of the works on Bandeira that focus on nationalism and on the Modernism Project, considering critics such as Davi Arrigucci Junior, Silviano Santiago, Sérgio Buarque de Holanda, Wilson Flores Jr., Yudith Rosenbaum, among others. The study also deals critically with the discussions about cordiality. While considering the “cordial man” as the one who expresses the Brazilian contradictions rooted in colonization, this work recovers studies about Brazil’s formation, such as Gilberto Freyre’s Casa Grande & Senzala and Sérgio Buarque’s Raízes do Brasil. This discussion is then related to Brazilian literary and intellectual productions and highlights recent studies about this relation, such as the ones from Jerônimo Teixeira, Silvana Moreli Vicente Dias and João Cezar de Castro Rocha. From the readings of literary, critical and theoretical texts, this work seeks to identify and explain the concern about Brazilian conscientiousness in Manuel Bandeira’s oeuvre. In order to do so, it seeks to analyze selected Manuel Bandeira’s poems and chronicles and chronicles and show aspects that, in the level of representation or in literary form, evidence the notion of cordiality and show how the national elements incorporate themselves in the literary texts and reveal some structural social contradiction of Brazilian life emphasizing how Bandeira’s literature feeds the fundamentals of the oldest patriarchal society in order to show the contradictions oh the Brazilian progress.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, 2017.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:TEL - Mestrado em Literatura (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/23220/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.