Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/21979
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_CandiceAlvarengaCoelho.pdf932,46 kBAdobe PDFView/Open
Title: Associação entre a composição corporal, fadiga e sonolência excessiva diurna em indivíduos com doença de Parkinson
Authors: Coelho, Candice Alvarenga
Orientador(es):: Oliveira, Ricardo Jacó de
Assunto:: Parkinson, Doença de
Sonolência diurna excessiva
Fadiga muscular
Composição corporal
Issue Date: 20-Dec-2016
Citation: COELHO, Candice Alvarenga. Associação entre a composição corporal, fadiga e sonolência excessiva diurna em indivíduos com doença de Parkinson. 2015. xiii, 72 f., il. Dissertação (Mestrado em Educação Física)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: A doença de Parkinson (DP) é um processo neurodegenerativo conhecido por suas características clássicas: tremor, rigidez, bradicinesia e instabilidade postural. Entretanto, apesar da DP ser classicamente descrita como desordem do movimento, sintomas não motores (SNM) também fazem parte da doença, a exemplo da fadiga e da sonolência excessiva diurna (SED). As evidências dos SNM comprometendo também a execução das atividades da vida diária são inegáveis, porém é o declínio motor que é priorizado nas avaliações médicas. O prejuízo motor se traduz em redução da massa e força muscular, velocidade e equilíbrio, em especial naqueles com a forma rígida (FR) que possui sintomas axiais e têm predomínio de bradicinesia. A forma tremulante (FT) teria curso evolutivo mais benigno em relação à função motora e menor incidência de declínio cognitivo na fase avançada. As modificações da composição corporal, incluindo redução da massa muscular com substituição por tecido gorduroso fazem parte do processo natural do envelhecimento, porém são mais frequentes nos portadores da DP. Além disso, SNM como fadiga e SED comprometem significativamente a realização de exercícios, fato que contribui para progressão da sarcopenia. Objetivo: Analisar a associação entre composição corporal, fadiga e SED em pacientes acometidos pela DP. Métodos: Fizeram parte do estudo 48 portadores de DP que foram submetidos à avaliação neurológica e classificados como sendo 26 FR e 22 FT nos estágios entre 1 e 3 de HY. Todos foram avaliados através das escalas de Severidade da Fadiga e de Sonolência de Epworth, sendo que esta última escala foi também mensurada por familiares de 23 acometidos. A composição corporal foi medida através da densitometria por emissão de raios X de dupla energia (DXA). Resultados: 31 indivíduos apresentaram fadiga (64,5%), destes 21 possuíam a FR. A SED acometeu 21 (43,75%) dos 48 participantes, sendo 13 com a FR. Os dois SNM juntos foram detectados em 17 sujeitos (35,4%), 13 FR e 4 FT. Os indivíduos com a FR apresentaram maior percentual de gordura e fadiga, além de maior Índice de Massa Corporal (IMC). Os familiares observaram maior sonolência que a identificada pelos participantes, sendo esta percepção estatisticamente significativa. Conclusão: verificou-se uma relação significante entre a forma rígida da DP com maiores níveis de fadiga e percentual de gordura corporal e maior IMC. Além disso verificou-se que a percepção de SED foi maior naqueles com rigidez predominante. Foi observada uma divergência significante entre a percepção da sonolência apresentada pelos portadores da doença e a observação objetiva de seus familiares.
Abstract: Parkinson's disease (PD) is a neurodegenerative process known for its classical features: tremor, rigidity, bradykinesia and postural instability. However, despite the fact that PD is classically described as a disorder of movement, non-motor symptoms (NMS) are also part of the disease, such as fatigue and excessive daytime sleepiness (EDS). Evidence of NMS also compromising the performance of daily life activities are undeniable, but the decline of motor functions is always prioritized in routine medical evaluations. The motor impairment translates into reduction of mass, muscular strength, speed and balance, particularly in those individuals with prevalence of rigid form symptoms (RF) which also have axial symptoms and a predominance of bradykinesia. The tremor-dominant form (TF) would evolve in a more benign way on the motor aspect and show less cognitive decay in the advanced phase. The changes in body composition, including the reduction of muscle mass with replacement by fat tissue are part of the natural aging process, however they are more significant in those afflicted by PD. In addition, NMS as fatigue and sleepiness significantly compromise the performance of exercises, a fact that contributes to sarcopenia. Objective: To analize the association of body composition, fatigue and EDS in patients suffering from PD. Methods: Participants were 48 patients with PD, 26 RF and 22 TF, in stages beetween 1 to 3 of HY scale. All of them were evaluated by the Epworth scales of severity of fatigue and sleepiness and this last one was also applied to relatives of 23 patients to check their perception of the patient's sleepiness. Body composition was measured by densitometry by issuing dual-energy x-ray absorptiometry (DXA). Results: 31 subjects had fatigue (64.5%) and 21 of them had the RF. The EDS occurred in 21 (43.75%) of the 48 participants, 13 with the RF. Both NMS were simultaneously detected in 17 subjects (35.4%), 13 RF and 4 TF. Individuals with RF had a higher percentage of fat and fatigue as well as increased body mass index (BMI). The relatives reported more drowsiness perception than the patients, a statistically significant amount. Conclusion: a significant correlation between the rigid form of PD with higher levels of fatigue and percentage of body fat and BMI was verified. Furthermore it was found that the perception of EDS was higher in those subjects with predominant rigidity. A significant divergence between the perception of sleepiness presented by the carriers of the disease and the objective observation of their companions was observed.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação Física, Programa de Pós-Graduação Strictu-Sensu em Educação Física, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.12.D.21979
Appears in Collections:FEF - Mestrado em Educação Física (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/21979/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.