Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/20392
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_ÍvinaFloresMeloKuroki.pdf1,61 MBAdobe PDFView/Open
Title: Demarcações conceituais dos princípios científicos da Arquivologia e da Ciência da Informação : contribuições para a configuração científica das disciplinas no campo da informação
Authors: Kuroki, Ívina Flores Melo
Orientador(es):: Marques, Angélica Alves da Cunha
Assunto:: Princípio da proveniência
Organicidade
Arquivologia
Ciência da informação
Issue Date: 24-May-2016
Citation: KUROKI, Ívina Flores Melo. Demarcações conceituais dos princípios científicos da Arquivologia e da Ciência da Informação: contribuições para a configuração científica das disciplinas no campo da informação. 2016. 141 f., il. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação)—Universidade de Brasília, Brasília, 2016.
Abstract: O campo da informação, composto de disciplinas científicas cujos objetos concentram-se na gênese, organização, recuperação e comunicação da informação registrada, vem sendo perpassado por diversas discussões epistemológicas. As disciplinas que o compõem, embora compartilhem a informação como objeto de estudo, diferenciam-se por seus objetos específicos, seus princípios, seus métodos e suas técnicas. Partindo dessas considerações, esta dissertação tem como objeto de estudo os princípios científicos da Arquivologia e da Ciência da Informação. O seu objetivo geral é compreender as demarcações conceituais dos princípios científicos dessas disciplinas, tendo em vista as suas configurações e os seus diálogos no campo da informação. Com base no levantamento das definições de “princípio científico” e de “teoria”, na literatura da Filosofia e da Sociologia da Ciência, analisa o princípio arquivístico da Proveniência na literatura internacional e nacional da Arquivologia, assim como os princípios da Ciência da Informação, na literatura internacional e nacional dessa área. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, exploratória, descritiva e explicativa, cujos procedimentos metodológicos consistem na pesquisa bibliográfica dos manuais internacionais e nacionais da Arquivologia e da Ciência da Informação. Dentre os resultados analisados à luz do Método da História Cruzada, esta pesquisa delimita conceitualmente os princípios científicos da Arquivologia e da Ciência da Informação, buscando contribuir com reflexões acerca da trajetória e configuração dessas disciplinas no campo da informação, especialmente, nas particularidades que essas demarcações conceituais podem trazer para cada uma dessas disciplinas no reconhecimento das suas identidades e interlocuções. A análise da trajetória do princípio arquivístico da Proveniência demonstra que a Arquivologia se diferencia das demais disciplinas pela organicidade, entendida, nesta pesquisa, como um macro princípio, isto é, a base fundadora, única e exclusiva na configuração da Arquivologia. A partir da pesquisa bibliográfica, é possível inferir, para a Ciência da Informação, as qualidades da Interlocução Contínua, da Demanda Social e da Disponibilidade da Informação, que fundamentam a evolução científica e a busca por autonomia científica dessa disciplina, ainda que essas qualidades possam ser compartilhadas com a Arquivologia no âmbito dos métodos e das técnicas. Os resultados da pesquisa ainda sugerem que a Arquivologia possui um processo de busca por autonomia mais amadurecido que aquele pelo qual passa a Ciência da Informação, marcada por características híbridas das disciplinas que constituem o campo da informação. A atuação da CI nesse campo parece receber mais do que contribuir, expressando uma natureza interdisciplinar latente e contínua.
Abstract: The field of information, which consists of scientific disciplines focused on the genesis, organization, recovery and communication of registered information, has encompassed several epistemological discussions. The disciplines that compose it, even though they have information as a common object of study, can be distinguished by their specific objects, principles, methods and techniques. In light of these considerations, the purpose of this thesis is to study the scientific principles of Archival and Information Sciences. The general goal is to understand the conceptualization of the scientific principles in these disciplines, considering their configurations and dialogues in the field of information. Building upon a survey of the definitions of “scientific principle” and “theory”, within the literary scope of Science Sociology and Philosophy, the research maps the archival principles in the national and international Archival Science literature, as well as the principles of Information Science in the national and international literature of this field of study. It is a qualitative, exploratory, descriptive and explanatory research study, and its methodological proceedings include bibliographical research of national and international Archival and Information Sciences manuals. Among the results analyzed in accordance with the Entangled History Approach (Histoire Croisée), the research defines the concepts of the scientific principles of Archival and Information Sciences, seeking to contribute with reflections on the trajectory and configurations of these disciplines in the field of information, especially regarding the particularities these conceptual definitions may bring to each one of these disciplines in acknowledging their identities and interlocutions. The analysis of the trajectory of the archival principle of Provenance shows that Archival Science differs from other disciplines for its organicity, understood in this research as a macro principle, i.e., a unique, exclusive and fundamental basis in the configuration of Archival Sciences. Taking this bibliographic research as a starting point, it is possible to infer, for the Information Science, the qualities of Continuous Interlocution, Social Demand and Information Availability, which found the scientific evolution and the search for scientific autonomy of this discipline, even though these qualities may be shared with Archival Sciences where methods and techniques are concerned. The results of the research further suggest that Archival Science has a more developed process of search for autonomy than that of Information Science, distinctive for the hybrid characteristics of the disciplines that constitute the field of information. Its performance on this field seems to take more than gives, expressing a latent and continuous interdisciplinary nature.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciência da Informação, Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, 2016.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2016.02.D.20392
Appears in Collections:FCI - Mestrado em Ciência da Informação (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/20392/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.