Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/20005
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_LuizaLealMartinez.pdf886,52 kBAdobe PDFView/Open
Title: O lugar do filho autista no desejo materno : impactos e possibilidades na intervenção clínica
Authors: Martinez, Luiza Leal
Orientador(es):: Celes, Luiz Augusto Monnerat
Assunto:: Autismo
Maternidade - aspectos psicológicos
Sujeito
Psicanálise
Psicologia clínica
Issue Date: 25-Apr-2016
Citation: MARTINEZ, Luiza Leal. O lugar do filho autista no desejo materno: impactos e possibilidades na intervenção clínica. 2015. viii, 82 f., il. Dissertação (Mestrado em Psicologia Clínica e Cultura)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: A presente dissertação tem por objetivo discutir qual o lugar que o filho autista ocupa no desejo materno e os impactos que esse lugar causa tanto no psiquismo materno, quanto no da criança em questão. Também tem o objetivo de discutir os aspectos particulares do tratamento na clínica do autismo, em especial em relação aos pais. O método utilizado foi o de revisão bibliográfica. O trabalho é dividido em quatro capítulos, sendo que no primeiro capítulo é realizada uma exposição do conceito da feminilidade ao longo do pensamento freudiano e lacaniano, de maneira a discutir o lugar ocupado pela feminilidade na teoria de cada um desses teóricos. Esse capítulo também tem a preocupação de expor os aspectos e particularidades da maternidade na sociedade contemporânea. No segundo capítulo são delineados os processos da constituição psíquica, de maneira a expor as fases de estruturação do psiquismo do bebê, trazendo as contribuições freudianas e lacanianas, de maneira a apresentar a fase do estádio do espelho proposto por Lacan. Também são expostas as discussões de autores contemporâneos sobre o tema privilegiando o ponto de vista clínico. O terceiro capítulo discorre sobre o autismo e seu tratamento clínico na psicanálise. Para isso, foi realizada uma apresentação do conceito de autismo e sua história e a apresentação da posição da teoria psicanalítica quanto suas características e tratamento. Por fim, foi discutida a posição do analista na clínica do autismo. O quarto capítulo busca discorrer sobre a maneira que as relações mãe-bebê se estabelecem com crianças portadoras desse transtorno, quais os impactos e efeitos que essa relação tão particular exerce sobre a mãe e quais as possibilidades de intervenção clínica nesse contexto. Nesse capitulo também foi apresentada uma breve ilustração clínica.
Abstract: This thesis aims to discuss what place the autistic child takes in the mother's wish and the impacts that this place cause on both the mother child psyche. Also aims to discuss particular aspects of clinical treatment of autism, particularly in relation to parents. The method used was the literature review. The work is divided into four chapters, in the first chapter a exposition of the concept of femininity is made along the Freudian and Lacanian thought in order to discuss the place occupied by femininity in theory each of these theorists. This chapter also takes care to explain the aspects and particularities of motherhood in contemporary society. In the second chapter outlined the processes of psychic constitution, to expose the phases of the baby psyche structuring, bringing the Freudian and Lacanian contributions in order to present the mirror stage phase proposed by Lacan. Discussions of contemporary authors on the subject focusing the clinical point of view are also exposed. The third chapter talks about autism and its clinical treatment in psychoanalysis. For this, was made a presentation of the concept of autism and its history and presentation of psychoanalytic theory position about its characteristics and possible treatments. Finally, we discussed the position of the analyst in clinical autism. The fourth chapter seeks to discuss the way that mother-infant relationships are established with children with this disorder, the impacts and effects that this very particular relationship has on the mother and the possibilities of clinical intervention in this context. In this chapter it was also presented a brief clinical illustration.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Clínica, Programa de Pós-graduação em Psicologia Clínica e Cultura, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.09.D.20005
Appears in Collections:PCL - Doutorado em Psicologia Clínica e Cultura (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/20005/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.