Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/19736
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_CarolinaDantasRochaXavierdeLucena.pdf740,76 kBAdobe PDFView/Open
Title: Análise descritiva quanto às internações eletivas de 2012 e quanto à utilização do Cartão Nacional de Saúde (CNS) na Autorização de Internação Hospitalar (AIH) como estratégia para qualificação da informação em saúde
Authors: Lucena, Carolina Dantas Rocha Xavier de
Orientador(es):: Mendonça, Ana Valéria Machado
Assunto:: Sistemas de informação - hospitais
Cartão nacional de saúde (CNS)
Epidemiologia - Brasil
Autorizações de internações hospitalares (AIH)
Informação em saúde
Issue Date: 22-Mar-2016
Citation: LUCENA, Carolina Dantas Rocha Xavier de. Análise descritiva quanto às internações eletivas de 2012 e quanto à utilização do Cartão Nacional de Saúde (CNS) na Autorização de Internação Hospitalar (AIH) como estratégia para qualificação da informação em saúde. 2014. 81 f., il. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva)—Universidade de Brasília, Brasília, 2014.
Abstract: Em 2011, o Ministério da Saúde publicou uma portaria tornando o preenchimento do Cartão Nacional de Saúde (CNS) obrigatório em 2012. O objetivo deste trabalho é descrever o perfil epidemiológico das Autorizações de Internações Hospitalares (AIH) eletivas de 2012 e analisar descritivamente se a obrigatoriedade do CNS permite uma qualidade da informação do Sistema de Informação Hospitalar (SIH). Trata-se de um estudo de natureza descritiva de delineamento transversal, desenvolvido com incorporação de método quantitativo de pesquisa, em que foram analisadas as AIH eletivas aprovadas de 2012. Para análise dos dados, utilizou-se o software Statistical Package for the Social Sciences (SPSS), através do qual se realizaram análises descritivas de distribuições de frequências e desenvolveu-se um software através do Java para que fosse possível a análise através do CNS de duplicidades de AIH para uma mesma internação. De acordo com este estudo, 54% das AIH eletivas no Brasil em 2012 foram causadas por Doenças do aparelho digestivo, geniturinário, circulatório e neoplasias. Observou-se que mais de 50 mil AIH iniciaram no ano de 2008, resultando em um tempo de permanência de 1.460 a 1.827 dias. Mais de 180 mil foram informadas com motivo de apresentação PERMANÊNCIA, portanto, nestes casos foram geradas mais de uma AIH para uma mesma internação, ocorrendo superestimação do número de internações eletivas no país já que se utiliza o dado de número de internação como sendo o nº de AIH. Conclui-se com este estudo a necessidade de implementação de regras no SIH que permita o registro fidedigno e real de uma internação, qualificando a informação, sendo imprescindível para a epidemiologia, planejamento e gestão. Faz-se necessário ainda, tornar o CNS uma fonte mais segura e fidedigna já que foram encontradas situações de duplicação e erros. Contudo, a implantação da obrigatoriedade do CNS nas AIH no ano de 2012 foi positiva para a qualificação da informação já que permitiu análises que podem ser utilizadas para a tomada de decisão dos gestores dos sistemas estudados.
Abstract: In 2011 the Brazilian Ministry of Health published a directive that included a filling of the National Health Card (CNS) in 2012. The goal of this study is to describe the epidemiological profile of elective Authorize Hospital Admittance (AIH) and descriptively analyze the requirement of CNS enables quality of information from the Hospital Information System (SIH). This is a descriptive cross-sectional study, developed with the incorporation of the quantitative research method, where we analyzed the AIH approved in 2012. The analysis was performed by SPSS software, through which it conducted descriptive analyzes of frequency distributions and developed a software using Java to make possible the analysis of CNS through the duplicates of AIH for the same hospitalization. According to this study, 54% of elective AIH in Brazil in 2012 were caused by the digestive, genitourinary, circulatory diseases and neoplasms appliance. It was observed that more than 50 000 AIH began in 2008, resulting in a residence time 1460-1827 days. Over 180000 were informed on the occasion of presentation STAY therefore these cases were generated over an AIH for the same hospitalization, occurring overestimation of the number of elective admissions in the country since it uses the given number of hospitalization as the number AIH. The conclusion to this study the need to implement rules in SIH enabling the trusted and true record of a hospital, qualifying information, and essential for epidemiology, planning and management. It is still necessary to make the CNS safer and reliable source since duplication and errors were found. However, the implementation of mandatory CNS in AIH in 2012 was positive for the classification of the information as allowed analyzes that can be used for decision making of managers of the systems studied.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, 2014.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
Appears in Collections:DSC - Mestrado Acadêmico em Saúde Coletiva (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/19736/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.