Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/19645
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_CinthiaGonçalvesBarbosadeCastroPiau.pdf1,45 MBAdobe PDFView/Open
Title: Estudo clínico controlado da microbiota bucal de pacientes internados em UTI pediátrica após aplicação de protocolo de profilaxia bucal
Authors: Piau, Cinthia Gonçalves Barbosa de Castro
Orientador(es):: Bezerra, Ana Cristina Barreto
Assunto:: Higiene dental
Unidade de tratamento intensivo
Pediatria
Microbiota bucal
Unidade de terapia intensiva pediátrica
Issue Date: 2-Mar-2016
Citation: PIAU, Cinthia Gonçalves Barbosa de Castro. Estudo clínico controlado da microbiota bucal de pacientes internados em UTI pediátrica após aplicação de protocolo de profilaxia bucal. 2015. 74 f., il. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: Pacientes hospitalizados, incluindo crianças e adultos em Unidades de Terapia Intensiva(UTI), sempre foram uma questão de saúde pública devido aos altos custos, sequelas e taxas de mortalidade. Este estudo clínico objetivou comparar a colonização da microbiota bucal de crianças não hospitalizadas saudáveis e de crianças hospitalizadas em Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica(UTIP) antes e após implementação do protocolo preventivo de profilaxia bucal, bem como avaliar o conhecimento de cuidados bucais pelos profissionais intensivistas no Hospital Materno Infantil de Brasília(HMIB). Após aprovação pelo Comitê de Ética protocolo no 23/355/11, foi aplicado o questionário aos funcionários intensivistas e feito coleta das amostras de biofilme lingual com swab para posterior avaliação microbiológica de dois grupos: G1-crianças dentadas hospitalizadas em UTIP e G2- crianças dentadas, saudáveis e não hospitalizadas. Para o G1, duas avaliações foram realizadas: antes(G1i) e após três dias de cuidado profilático bucal com gluconato de clorexidina a 0,12%(G1f). Após os resultados das culturas microbianas, os dados foram tabulados. Para a análise estatística foi utilizado o Teste Exato de Fisher´s e Teste G - Williams com nível de siginificância de 5%. A maioria dos profissionais desta UTIP consideram importante a presença do cirurgião dentista na equipe intensivista e desconhecem a saliva artificial e a limpeza da língua. Bactérias patogênicas foram encontradas no G1, como Pseudomonas aeruginosa, Serratia marcescens, Klebsiella pneumoniae, Staphylococos aureus, com diferença estatisticamente significante entre os grupos G1i e G2(P = <.0001). Bactérias patogênicas(P = <.0001) e a presença de saburra lingual(P = .0004) reduziram significantemente no G1f para G1i. Bactéria patogênica no G1f foi similarmente encontrada no G2(P =.1403). Bactérias patogênicas foram encontradas com mais significância no grupo de crianças hospitalizadas do que no grupo de crianças não hospitalizadas e foram reduzidas após implantação do protocolo de higiene bucal, bem como a saburra de língua. Portanto, com base nos resultados obtidos pode-se concluir que protocolos de profilaxia bucal deveriam ser implantados em unidades de UTIPs e o cirurgião dentista deveria fazer parte da equipe multidisciplinar intensivista.
Abstract: Hospitalized patients, including children in pediatric intensive care units (PICUs) as well as adults in intensive care units(ICUs), have always been a public health concern because of high costs, in addition to the increased rates of mortality and sequelae. This clinical study aimed to compare the oral microbial colonization in non-hospitalized healthy children and hospitalized children at pediatric intensive care unit-PICU before and after implementing a preventive oral care protocol, and to assess the knowledge of oral care intensivists pionais no as well as to assess the knowledge on oral health care procedures of the medical staff of the Children Mother Hospital of Brasilia(HMIB) Federal District, Brazil. After Ethic Comitte aproval under the number 23/355/11the questionary was done and the tongue biofilm swab was collected and tongue biofilm analysed. Two groups were analyzed: G1-hospitalized dentate children in PICU and G2-non-hospitalized healthy dentate children. For G1, two assessments were performed: before (G1i) and after three days after a stablishment of an oral care protocol at 12-hour intervals with 0.12% chlorhexidine (G1f). Microbiological evaluation was performed. Fisher’s exact and G-Williams tests were used with a significance level of five percent. Pathogenic bacteria were found in G1, such as Pseudomonas aeruginosa, Serratia marcescens, Klebsiella pneumoniae, Staphylococos aureus, with a significant difference between the groups G1i and G2 (P = <.0001). Pathogenic bacteria(P = <.0001) and the presence of tongue coating (P = .0004) significantly decreased in G1f to G1i. Bacteria in G1f were similar found in G2 (P = .1403). Pathogenic bacteria were more often present in hospitalized than non-hospitalized healthy dentate children and can be reduced by preventive oral care protocols. Therefore, based on the results, it could be concluded that protocols should be implemented on a regular basis in PICUs and dentist should be included in the ITU.
Description: Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.11.T.19645
Appears in Collections:PPGCS - Doutorado em Ciências da Saúde (Teses)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/19645/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.