Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/19290
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_JulianaAparecidaElias.pdf5,92 MBAdobe PDFView/Open
Title: Verificação da ocorrência de mudanças físico-químicas e moleculares da água quando submetida a campo magnético : uma análise da relevância estatística
Other Titles: Hecking the occurrence of changes physical and chemical and molecular water when posted a magnetic field : analysis of statistical relevance.
Authors: Elias, Juliana Aparecida
Assunto:: Água
Campo magnético
Espectroscopia
Issue Date: 25-Jan-2016
Citation: ELIAS, Juliana Aparecida. Verificação da ocorrência de mudanças físico-químicas e moleculares da água quando submetida a campo magnético: uma análise da relevância estatística. 2015. xv, 95 f., il. Dissertação (Mestrado em Engenharia Biomédica)—Universidade de Brasília, 2015.
Abstract: Introdução: As interações entre o campo magnético com materiais diamagnéticos como a água ganharam mais visibilidade nos últimos anos por meio de relevantes estudos que demonstram uma pluraridade de atuação da água tratada magneticamente (ATM). Tais estudos envolvem resultados como o aumento da absorção intestinal de cálcio, aumento da permeação da ATM a nível celular, diminuição da osmolaridade e viscosidade sanguínea e maior facilidade na eliminação de toxinas. Essas biorrespostas parecem ser possíveis, segundo a literatura, a partir de alterações das ligações de hidrogênio, quando a água é magneticamente tratada, proporcionado rearranjos de clusters, de forma a deixá-los menores e mais organizados, favorecendo sua permeação nos tecidos. Além disso, também há relatos na literatura sobre incrementos nos valores de pH e condutividade da água frente a um campo magnético, o que, juntamente com as alterações moleculares, conferiria a água novas propriedades, de maneira a aumentar sua efetividade no organismo. Objetivo: Verificar se há diferenças físico-químicas e moleculares estatisticamente relevantes entre a ATM e seu grupo controle. Metodologia: Fizeram parte do estudo, 6 tipos diferentes de águas, desde a deionizada até águas minerais comerciais, que foram submetidas a tratamento magnético por meio de um dispositivo magnético comercial próprio para este fim. O grupo controle foi formado com alíquotas das mesmas águas, porém sem o tratamento magnético. A fim de se verificar as alterações moleculares da ATM em comparação com o grupo controle, foram realizadas análises de espectroscopia no Infravermelho com transformada de Fourier (FTIR) e Ultravioleta (UV), bem como foram realizadas mensurações de pH e condutividade em ambos os grupos. Com os dados obtidos, realizou-se uma análise estatística por meio do software estatístico SPSS. Resultado: Houve diferenças nos espectros de FTIR e UV bem como um incremento nos valores de pH entre o grupo teste e o grupo controle. Conclusão: Mediante o p-valor encontrado, concluiu-se que existem diferenças moleculares estatisticamente relevantes entre a ATM e seu grupo controle, mostradas por meio das espectroscopias realizadas, bem como uma maior tendência a alcalinização do grupo que foi tratado magneticamente, o que suscita a importância de mais estudos a fim de convergir resultados científicos em prol desta que parece ser uma área promissora de novas descobertas.
Abstract: Introduction: The interactions between the magnetic field with diamagnetics materials as water gained more visibility in recent years through relevant studies that demonstrate a variety of actuation of treated water magnetically (ATM). Such studies involve results such as the increase in intestinal calcium absorption, increase the permeation of the ATM cell level, decrease in osmolarity and blood viscosity and greater ease in the elimination of toxins. These bioresponses seem to be possible, according to the literature, from changes in hydrogen bonds, when the water is magnetically treated, provided rearrangements in clusters, in order to leave them smaller and more organized, thus favoring their permeation in tissues. In addition, there are also reports in the literature on increments in the pH and conductivity of the water front to a magnetic field, which, together with the molecular changes, would give the water new properties, so as to increase its effectiveness in the body. Objective: To Verify if there are any differences physical-chemical and molecular statistically relevant between ATM and its control group. Methodology: took part in the study, 6 different types of water, from the deionized water until mineral waters trade, which were subjected to magnetic treatment by means of a magnetic device own commercial for this order. The control group was formed with aliquots of the same waters, however without the magnetic treatment. In order to verify the molecular changes of ATM in comparison with the control group, there were analyzes of Fourier Transform Infrared spectroscopy (FTIR) and Ultraviolet (UV), as well as were performed measurements of pH and conductivity in both groups. With the data obtained, we performed a statistical analysis by means of the SPSS statistical software. Results: There were differences in the spectra of FTIR and UV as well as an increase in pH values between the test group and the control group. Conclusion: Through the p-value found, it was concluded that there are molecular differences statistically significant between the ATM and its control group, shown through the spectroscopies, as well as a greater tendency to alkalinization of the group that was treated magnetically, which raises the importance of further studies in order to converge scientific results in favor of this that seems to be a promising area of new discoveries.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade Gama, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Biomédica, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.07.D.19290
Appears in Collections:FGA - Mestrado em Engenharia Biomédica

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/19290/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.