Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/18765
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_FlaviaRenataSoares.pdf45,78 MBAdobe PDFView/Open
Title: Estrutura genética e a diversidade críptica de Cnemidophorus (Squamata, Teiidae) no Cerrado
Authors: Soares, Flávia Renata
Orientador(es):: Giugliano, Lilian Gimenes
Assunto:: Lagarto - Cerrados
Cerrados - fauna
Lagarto - genética
Issue Date: 16-Nov-2015
Citation: SOARES, Flávia Renata. Estrutura genética e a diversidade críptica de Cnemidophorus (Squamata, Teiidae) no Cerrado. 2015.59 f., il. Dissertação (Mestrado em Biologia Animal)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: O Cerrado possui alto grau de endemismo e riqueza de espécie. Ainda assim poucos trabalhos avaliaram a alta diversidade do domínio. De 2012 a 2014 dez novas espécies de Squamata foram descritas, e algumas eram crípticas dentro de espécies já conhecidas. No gênero Cnemidophorus o complexo ocellifer possui 14 espécies descritas até 2014 sendo que 12 foram descritas após o ano de 2000. No complexo cinco espécies ocorrem no Cerrado. Este trabalho avaliou três delas, Cnemidophorus ocellifer, que possui ampla distribuição no Brasil e C. mumbuca e C. jalapensis que aparentemente são endêmicas ao Jalapão. O objetivo geral deste trabalho é testar a atual delimitação de espécies de Cnemidophorus no Cerrado, identificar possíveis espécies crípticas e quais fatores teria influenciado a diversificação do grupo nesse domínio. Extraímos o DNA de 280 indivíduos de Cnemidophorus ocellifer, C. jalapensis e C. mumbuca de 33 localidades no Cerrado e quatro localidades do litoral. Desse total foram construídas sequências concatenadas com os haplótipos gerados para os quatro genes (12S, 16S, RP40, NKTR). Todos os genes apresentaram alto nível de estruturação (Fst>0,80). A delimitação de agrupamentos genéticos pelo programa BAPS resultou em dois grupos no Cerrado e um no litoral. Cnemidophorus jalapensis e C. mumbuca pertencem ao mesmo grupo. A árvore de espécies recuperou, com probabilidade posterior dos ramos de 100%, a relação das espécies candidatas do Cerrado como irmãs. As árvores de espécies de todos os genes tiveram a mesma topologia, com dois clados no Cerrado e um no litoral. A relação entre os três clados foi então utilizada na delimitação de espécies pelo programa BP&P. A delimitação validou a existência de duas espécies candidatas no Cerrado que tiveram suas distribuições modeladas. A espécie candidata 1 possui área de distribuição maior que a espécie candidata 2. A divergência entre as duas foi estimada em torno de 0.95 m.a.a., no Pleistoceno. A distribuição teve uma provável expansão durante o último interglacial para a espécie candidata 1 enquanto que no mesmo período a distribuição sofreria contração para a espécie candidata 2. Foram encontrados sinais significativos de expansão populacional recente em quatro localidades. O reconstrução da altitude como caractere discreto (>500m ou <500m) na árvore obtida a partir dos dados concatenados sugere uma tendência da espécie candidata 1 estar mais associada a altitudes inferiores a 500 m enquanto que a espécie candidata 2 em sua maioria estaria relacionada a altas altitudes. Nas nossas análises Cnemidophorus jalapensis e C. mumbuca não foram consideradas como espécies distintas geneticamente enquanto que outros indivíduos de C. ocellifer mostraram diferenças maiores entre eles. Esses dados devem ser considerados em futuras descrições de espécies do gênero, além de auxiliarem no esclarecimento do padrão de distribuição das espécies do Cerrado.
Abstract: The Cerrado presents high degree of endemism and species richness. However few studies have deeply evaluated this high diversity. From 2012 to 2014 ten new species of Squamata have been described, and some were cryptic within known species. Within Cnemidophorus (Teiidae) the ocellifer complex is formed by 14 described species until 2014, in which 12 were described after the year 2000. Five species from ocellifer complex occur in the Cerrado. The present study evaluated three of them: Cnemidophorus mumbuca and C. jalapensis, both are apparently endemic to the Jalapão region, and C. ocellifer, which is extensively distributed in Brazil. In this study we tested the current delimitation of Cnemidophorus species in the Cerrado, identified possible cryptic species and we analyzed proposed factors that could have influenced the diversification of the group in this area. We extracted DNA from 280 individuals of Cnemidophorus ocellifer, C. mumbuca and C. jalapensis from 33 localities in the Cerrado and four coastal locations. Concatenated sequences were built for the four genes (12S, 16S, RP40, NKTR). All genes showed a high level of genetic structure among localities (Fst> 0.80). The clusters delimitation by BAPS program defined two groups in the Cerrado and one at the coast. Cnemidophorus jalapensis and C. mumbuca belong to the same group. The species tree recovered the ratio of the candidate species in the Cerrado as sisters with posterior probability of the branches of 100%. The species trees for all genes had the same topology with two clades in the Cerrado and one in the coast. The relationship between the three clades was then used in the delimitation of species at BP&P program. The delimitation validated the existence of two candidates species in the Cerrado who had their distributions modeled. The candidate specie 1 has distribution area larger than the candidate specie 2. The divergence time between the two was estimated at around 0.95 m.y.a. in the Pleistocene. The distribution had a probable expansion during the last interglacial to the candidate specie 1 while in the same period the distribution would suffer contraction for the candidate specie 2. Significant signs of recent population expansion were found in four locations. The reconstruction of altitude as discrete character (> 500m or <500m) in the tree obtained from the concatenated data suggests a trend for the candidate specie 1 being more associated with elevations below 500m while the candidate specie 2 is mostly related to high altitudes. In our analyzes C. jalapensis and C. mumbuca were not considered genetically distinct species, while others C. ocellifer showed greater differences in individuals among them. These data should be considered in future descriptions in the genus, as well as assist of clarifying the standard distribution of species in the Cerrado.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.05.D.18765
Appears in Collections:IB - Mestrado em Biologia Animal (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/18765/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.