Skip navigation
Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unb.br/handle/10482/18741
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_MarcosAraujoDePaula.pdf2,77 MBAdobe PDFView/Open
Title: Diversidade de drosofilídeos (Diptera, Drosophilidade) na Reserva Ecológica do IBGE, em áreas afetadas pelo fogo
Authors: Paula, Marcos Araújo de
Orientador(es):: Tidon, Rosana
Assunto:: Drosófila - cerrados
Fogo - Cerrados
Reserva Ecológica do IBGE
Issue Date: 12-Nov-2015
Citation: PAULA, Marcos Araújo de. Diversidade de drosofilídeos (Diptera, Drosophilidade) na Reserva Ecológica do IBGE, em áreas afetadas pelo fogo. 2015. 47 f., il. Dissertação (Mestrado em Ecologia)—Universidade de Brasília, Brasília, 2015.
Abstract: O fogo tem papel determinante no Cerrado, uma vez que sem ele o atual mosaico de fitofisionomias seria alterado. Essa perturbação ocorre há 32 mil anos, mas com a chegada do homem, a época e a frequência de queima foram alteradas. Estudos sobre os efeitos do fogo em comunidades de invertebrados normalmente focalizam queimadas controladas: poucos trabalhos investigaram queimadas esporádicas, ainda mais com efeitos indiretos a médio/longo prazo. A queimada que ocorreu na RECOR em 2011 atingiu quase a totalidade da reserva e possibilitou o estudo do efeito desse distúrbio em assembleias de drosofilídeos. As assembleias desses insetos foram caracterizadas em áreas queimadas e não queimadas, e foi investigado se a presença do fogo, mês de coleta e fitofisionomia (e interações entre eles) participam da estruturação da comunidade. Os fatores que mais alteraram a estrutura das assembleias foram o mês de coleta, a fitofisionomia, a interação do mês com a fitofisionomia e do mês com o fogo. O fogo, como fator isolado, não foi significativo na modificação da estrutura das assembleias, embora seja possível identificar seu papel atuante em diferentes meses, a depender do ponto ecológico analisado. Áreas queimadas foram mais diversas e mais ricas que áreas não queimadas, para ambas fitofisionomias em alguns meses e com diferenças no comportamento populacional entre espécies neotropicais e espécies exóticas. O fogo modificou a estrutura da paisagem e essa guiou as alterações na estrutura das assembleias de drosofilídeos. Os novos nichos criados com a sucessão na estrutura da vegetação fizeram com que as assembleias tomassem rumos diferentes em comparação com as áreas não queimadas. Embora os efeitos não sejam claros e variem de acordo com as respostas das assembleias em relação às condições climáticas do mês e à fitofisionomia, a estrutura das assembleias de drosofilídeos é diferente entre áreas queimadas e não queimadas.
Abstract: Fire has a determinant role in Cerrado since the current mosaic of vegetation types would be different without it. This disturbance has been occurring for a long time, as evidenced by the numerous adaptations and responses of the vegetation biome. With the arrival of men, however, frequency and timing of burning were profoundly changed. Studies on fire effects on invertebrates communities usually focus on controlled burns; few studies investigate sporadic fires, especially with indirect effects in medium to long term. The fire that burned RECOR in 2011 affected almost the entire Reserve and enabled the study of the effects of this disturbance on drosophilid assemblages. The assemblages of these insects were characterized in burned and unburned areas.We investigated the effects of fire, sampling month and vegetation type (and interactions between them) in community structuring. The factors that most altered the structure of the assemblages were the sampling month, vegetation type, the interaction of the month with vegetation type and month with fire. The fire, as an isolated factor was not significant in modifying the structure of the assemblages, although it is possible to identify its active role in different months, depending on the ecological aspect analyzed. Burned areas were more diverse and richer than unburned areas for both vegetation types in a few months and with differences in population behavior among neotropical species and exotic species. Fire changed the structure of the landscape and guided changes in the structure of drosophilids assemblages. The new niches created with the succession in vegetation structure caused the assemblages to take different paths compared to unburned areas. Although the effects are unclear and vary according to the answers of assemblages on climate conditions of the month and vegetation type, the structure of drosophilid assemblages is different between burned and unburned areas.
Description: Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Ecologia, Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2015.
Licença:: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições: Na qualidade de titular dos direitos de autor da publicação, autorizo a Universidade de Brasília e o IBICT a disponibilizar por meio dos sites www.bce.unb.br, www.ibict.br, http://hercules.vtls.com/cgi-bin/ndltd/chameleon?lng=pt&skin=ndltd sem ressarcimento dos direitos autorais, de acordo com a Lei nº 9610/98, o texto integral da obra disponibilizada, conforme permissões assinaladas, para fins de leitura, impressão e/ou download, a título de divulgação da produção científica brasileira, a partir desta data.
DOI: http://dx.doi.org/10.26512/2015.04.D.18741
Appears in Collections:ECL - Mestrado em Ecologia (Dissertações)

Show full item record Recommend this item " class="statisticsLink btn btn-primary" href="/handle/10482/18741/statistics">



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.